Carreiras

| Educação

A Feira de Profissões da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) teve a edição de 2019 cancelada, devido aos contingenciamentos de verbas aplicados pelo Governo Federal às instituições fedarais de ensino superior.

O evento é um dos mais tradicionais da UFRPE, organizado pela pró reitoria de ensino e graduação e funciona como uma exposição dos cursos ofertados para os estudantes, sobretudo do ensino médio, como uma possibilidade de escolha e conhecimento da profissão que pretendem seguir.

##RECOMENDA##

São 59 cursos de graduação presenciais e a distância, entre bacharelados e licenciaturas. Procurada a assessoria de comunicação confirmou a informação e disse que maiores detalhes serão conhecidos em breve.

Em abril, o governo anunciou que iria cortar da verba das universidades federais do Brasil. Desde então diversos serviços foram suspensos, bolsas de incentivo foram cortadas e até serviços básicos deixaram de ser realizados. Já em junho a Comissão Mista de Orçamento aprovou o projeto de crédito suplementar para liberar o dinheiro para as instituições federais do país.

Foram asseguradas pela medida R$ 1 bilhão para término das atividades anuais, além da garantia do pagamento de R$ 330 milhões em bolsas aos estudantes.

Após uma publicação nas redes sociais na manhã do último domingo (15), um grande debate foi levantado em torno da obra Abaporu, de Tarsila do Amaral. Um internauta postou uma foto da pintura, comparando-a à tela “Batalha de Avaí”, do paraibano Pedro Américo, que, para ele, deveria “representar o Brasil mundo afora”. Os usuários fizeram questão de lembrar o legado da artista e a importância de sua obra, o que deixou a hashtag "#Abaporu" nos trend-topics.

##RECOMENDA##

Obra 'Batalha de Avaí', de Pedro Américo

Tarsila do Amaral é considerada uma das principais personalidades do modernismo brasileiro. A obra em questão foi criada em 1928 para presentear o marido, Oswald de Andrade, que, impressionado com a obra, resolveu batizá-la de Abaporu, que significa “homem que come carne humana”, ou seja, antropófago. Posteriormente, Oswald, com o objetivo de fomentar a independência da cena artística brasileira da Europa, publicou o Manifesto Antropófago, que deu origem a o movimento do mesmo nome, um dos mais importantes da época. 

Segundo a professora de Linguagens Pâmela Soares, a ideia do termo antropofágico serve para ilustrar os artistas brasileiros deixando de “comer” o que era de fora, como as vanguardas européias. “Abaporu é uma representação daquilo que pode acrescentar algo à brasilidade da literatura nacional”, conta. 

Para o professor de Português Felipe Rodrigues, a relevância da obra pode ser observada no contexto modernista brasileiro. “Sua importância se dá pela retomada do ufanismo e aspectos integralmente nossos, na construção de uma arte revolucionária e ancestral”, disse o professor. Rodrigues também lembra que a obra de Tarsila é considerada ponto de partida para a retomada da arte nacional, através de aspectos inerentes ao povo.

A respeito da publicação nas redes, o professor reitera que não existem métodos de mensuração entre obras artísticas. “Perceber o modernismo, um movimento estritamente brasileiro, é entender que o Brasil produz arte e temos raízes, no Abaporu”, diz Felipe. A obra foi arrematada, em 1995, em Nova York, depois de passar por várias mãos, por US$ 1,35 milhão - o valor mais alto já pago por uma pintura brasileira. 

No Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), segundo Pâmela, a obra pode ser abordada com uma contextualização de movimentos nacionalistas e também quando estudamos a literatura. “A prova de Linguagens, por exemplo, trabalha essencialmente com textos modernos [...] Há a retomada dos textos clássicos como barroco, quinhentismo, romantismo, que são vistos a partir da ótica moderna. Então, a obra de Tarsila e o manifesto de Oswald dão visibilidade para esse movimento que é importante, até o hoje, para a identidade literária brasileira”, conclui. 

Já estão abertas as inscrições para o aulão de Fortaleza-CE do Vai Cair no Enem. O encontro promete levar conteúdos exclusivos de assuntos recorrentes no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O evento será realizado das 8h às 12h, na UNINASSAU Dorotéias, no bairro de José Bonifácio.

Durante toda a manhã, os estudantes que almejam uma vaga no ensino superior poderão conferir um aulão com disciplinas de redação e linguagens, história, biologia e matemática. O aulão contará com a participação dos professores Felipe Rodrigues (redação e linguagens), Ricardo Rocha (matemática), Cassia Oliveira (biologia) e Paulo Sá (história).

##RECOMENDA##

Realize sua inscrição: 

21/09: UNINASSAU Fortaleza (Dorotéias) - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita

No dia do aulão, é necessário que os estudantes levem um documento com foto, que pode ser o RG ou a Carteira Nacional de Habilitação, por exemplo. A apresentação do evento ficará a cargo da digital influencer Thaliane Pereira e do subeditor do LeiaJá Nathan Santos.

Time de peso

Um verdadeiro time de professores está preparado para levar aos nossos seguidores as melhores explicações para o Enem 2019. São docentes com vasta experiência de atuação no mercado educacional, além de educadores da nova geração.

Tereza Albuquerque (redação), Cristiane Pantoja (filosofia), Josicleide Guilhermino (redação), André Luiz (biologia), Diogo Xavier (Linguagens e redação), Felipe Rodrigues (literatura e redação), Sandro Curió (matemática), Everaldo Chaves (história), Valter Júnior (química), Ricardo Rocha (matemática), Berg Figueiredo (química), Dionísio Sá (matemática), José Carlos Mardock (história), Francisco Coutinho (química) e Eduardo Pereira (redação) são alguns dos professores que estão confirmados para os aulões.

Vai Cair no Enem pelo Brasil

Além das cidades pelas quais os aulões do Vai Cair no Enem já passaram, Olinda-PE e Belém-PA, o projeto irá desembarcar em diversos municípios até a realização das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Confira abaixo quais as cidades receberão os aulões e como você pode fazer sua inscrição.

O Vai Cair No Enem conta com o patrocínio da UNINASSAU, além do apoio da UNIVERITAS e da UNAMA, instituições de ensino mantidas pelo grupo Ser Educacional. Confira dicas exclusivas no nosso InstagramYouTube e no site vaicairnoenem.com.

28/09: UNINASSAU Salvador (Pituba) - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita

19/10: UNIVERITAS Rio de Janeiro - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita

26/10: UNINASSAU Recife (Graças, Bloco B) - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita

Seguindo a agenda de aulões gratuitos promovidos para estudantes que vão fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), o Vai Cair no Enem continua realizando a sua série de viagens pelo Brasil. No próximo sábado (21), a plataforma desembarca em Fortaleza-CE, com intuito de levar conteúdos exclusivos de assuntos que são recorrentes na prova.

Das 8h às 12h, os estudantes que almejam uma vaga no ensino superior poderão conferir um aulão com disciplinas de redação e linguagens, história, biologia e matemática. O evento será realizado na UNINASSAU Dorotéias e contará com a participação dos professores Felipe Rodrigues (redação e linguagens), Ricardo Rocha (matemática), Cassia Oliveira (biologia) e Paulo Sá (história).

##RECOMENDA##

Realize sua inscrição: 

21/09: UNINASSAU Fortaleza (Dorotéias) - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita

No dia do aulão, é necessário que os estudantes levem um documento com foto, que pode ser o RG ou a Carteira Nacional de Habilitação, por exemplo. A apresentação do evento ficará a cargo da digital influencer Thaliane Pereira e do subeditor do LeiaJá Nathan Santos. 

Sucesso garantido

O direitor do Vai Cair no Enem, Eduardo Cavalcanti, alerta para a importância de os estudantes realizarem as inscrições com antecedência e afirma o sucesso obtido nos aulões anteriores. "Nas duas primeiras cidades, Olinda e Belém, nossos aulões foram um sucesso. Esse êxito aumenta a nossa responsabilidade de fazermos um evento ainda mais legal em Fortaleza. É importante lembrar que as inscrições são limitadas. Os candidatos precisam correr contra o tempo para garantir a participação no evento. Quem não estiver em Fortaleza vai conferir todos os detalhes em tramitações simultâneas: teremos live no Instagram @vaicairnoenem e no youtube.com/vaicairnoenem", diz.

Certo da importância do aulão para os candidatos que vão fazer o Enem, Nathan Santos salienta da necessidade do compartilhamento de uma educação de qualidade. "Os estudantes de Fortaleza terão uma grande oportunidade, que é acompanhar de perto alguns dos professores que integram o projeto. E mantenho a nossa proposta, que é compartilhar educação de qualidade na velocidade da internet, estamos preparando uma aula interativa e multimídia", garante.



A digital influencer Thaliane Pereira também acredita no sucesso do aulão e nos benefícios para quem está se preparando para o Enem. "Os estudantes devem se inscrever porque é uma oportunidade única, por ser um aulão gratuito e por contar com a presença de professores incríveis", ressaltou.

O professor de redação e linguagens Felipe Rodrigues garante uma participação prazerosa no aulão e detalha os conteúdos a serem abordados no dia. "Os alunos devem esperar dicas infalíveis para um texto com “cara de Enem”. Estrutura, regras e artimanhas vão ser foco da aula. Além disso, algumas temáticas serão trabalhadas, inclusive, o que o aluno deve inserir para tirar um texto com, no mínimo, 700 pontos".

Também integrando a equipe de professores do aulão, o docente de matemática Ricardo Rocha aponta os conteúdos a serem abordados no encontro. "Neste sábado (21), estarei em Fortaleza abordando assuntos importantes para prova do Enem. Entre eles, o de cilindro. Os alunos não devem de fora, será um prazer compartilhar essa aula com eles", diz.

Time de peso

Um verdadeiro time de professores está preparado para levar aos nossos seguidores as melhores explicações para o Enem 2019. São docentes com vasta experiência de atuação no mercado educacional, além de educadores da nova geração.

Tereza Albuquerque (redação), Cristiane Pantoja (filosofia), Josicleide Guilhermino (redação), André Luiz (biologia), Diogo Xavier (Linguagens e redação), Felipe Rodrigues (literatura e redação), Sandro Curió (matemática), Everaldo Chaves (história), Valter Júnior (química), Ricardo Rocha (matemática), Berg Figueiredo (química), Dionísio Sá (matemática), José Carlos Mardock (história), Francisco Coutinho (química) e Eduardo Pereira (redação) são alguns dos professores que estão confirmados para os aulões.

O Vai Cair No Enem conta com o patrocínio da UNINASSAU, além do apoio da UNIVERITAS e da UNAMA, instituições de ensino mantidas pelo grupo Ser Educacional. Confira dicas exclusivas no nosso InstagramYouTube e no site vaicairnoenem.com.

Aprovada pelo governo federal na primeira semana de setembro, a carteira de estudante digital do Ministério da Educação (MEC) ganhou um portal na internet que já está no ar a partir desta segunda-feira (15). O site contém informações sobre a ID Estudantil, incluindo como ela vai funcionar e quem poderá emitir o documento.

Há também um recurso de contagem regressiva para o lançamento oficial da carteira que está previsto para dezembro. A partir desse período, estudantes educação da básica, tecnológica e superior, vão poder emitir a ID Estudantil gratuitamente por meio de aplicativo disponível nos sistemas Apple Store e Google Play ou de forma presencial nas agências da Caixa Econômica Federal.

##RECOMENDA##

Os alunos que solicitarem a carteira de estudante digital deverão consentir o compartilhamento de dados pessoais com o Ministério da Educação para subsidiar o Sistema Educacional Brasileiro: novo e inédito banco de dados nacional de estudantes, que será criado e mantido pela pasta.

De acordo com o MEC, a nova maneira de obtenção da carteirinha não retira a prerrogativa de outras entidades. O documento poderá ser emitido ainda por:

- Associação Nacional de Pós-Graduandos;

- entidades estudantis estaduais, municipais e distritais;

- diretórios centrais dos estudantes;

- centros e diretórios acadêmicos;

- outras entidades de ensino e associações representativas dos estudantes, conforme definido em ato do ministro da Educação.

Confira o Portal ID Estudantil clicando aqui.

O professor de geografia e atualidades Benedito Serafim participou do segundo aulão promovido pelo Vai Cair no Enem, no último sábado (14), em Belém, no Pará. Durante a aula, o docente explicou assuntos prováveis de cair no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano, como globalização e neoliberalismo. Perguntado sobre uma possível abordagem relacionada a Amazônia no Enem, o docente não acredita que esse assunto será pautado na prova.

A maior floresta tropical do planeta ficou em evidência no Brasil e no mundo no último mês, devido às intensas queimadas que atingiram e ainda atingem a região. Estima-se que de janeiro a setembro deste ano, 58.890 focos de queimadas afetaram o bioma Amazônia. Os dados são do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Os altos números das queimadas contabilizados no governo Bolsonaro fizeram com que críticas e manifestações fossem direcionadas à presidência.

##RECOMENDA##

De acordo com o professor, a Amazônia envolve um contexto político, o que pode ser delicado e não ser objeto de cobrança nas questões do Enem. Para ele, conteúdos ligados à Amazônia estão descartados. Um palpite dado pelo docente, no entanto, é o cinquentenário da chegada do homem à Lua, bem como outros acontecimentos memoráveis que estão sendo lembrados estes ano. Confira o vídeo abaixo:

LeiaJá também:

--> História da democracia é tema em aulão do Vai Cair no Enem

--> Interação marca aulão de química do Vai Cair no Enem

--> Professor apresenta resoluções matemáticas em aulão

--> Confira as apostilas do aulão do Vai Cair no Enem em Belém

-->  Geografia: quatro assuntos mais vistos no Enem

Em favor da conscientização contra a intolerância religiosa, a UNINASSAU – Centro Universitário Mauricio de Nassau Recife, a Escola Superior da Advocacia (ESA) e a Comissão de Direito e Liberdade Religiosa da OAB realizam uma palestra no dia 19 de setembro, às 18h30, no auditório Capiba, localizado no bloco C do Centro Universitário. As inscrições devem ser feitas por meio do site de extensão da UNINASSAU.

O evento tem como tema central “A intolerância Religiosa em um Estado Laico e Plural”, trazendo para o debate o professor Eduardo Moraes Azevedo, a advogada Margarida Maria Felix da Silva, o advogado Jonas Moreno de Andrade e o advogado e procurador do Estado, Jayme Asfora.

##RECOMENDA##

A mediadora da palestra e coordenadora do curso de Direito da UNINASSAU Recife, Maria Amélia Calado, ressalta a importância desse debate. “O Brasil é um país marcado pela forte pluralidade étnica, racial e religiosa, e deveria ter como característica o respeito a toda essa diversidade. No entanto, especialmente no que tange ao aspecto religioso, o que vemos é o aumento da intolerância, seja ela velada, verbalizada ou até manifestada através de agressões físicas”.

De acordo com o Art. 5º da Constituição Federal, o Brasil é um estado laico, onde o direito à liberdade de consciência e de crença é inviolável, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos e a proteção aos locais de culto. O crime de intolerância religiosa, previsto no Art. 208 do Código Penal, consiste em perseguir, agredir, humilhar e discriminar pessoas e grupos que possuem crenças e religiões diferentes.

“A intolerância existe e deve ser discutida, comentada e, sobretudo, combatida. É por isso que estamos promovendo evento a fim de conscientizarmos a comunidade de que a pluralidade deve ser respeitada”, salienta Amélia. 

Serviço

A intolerância Religiosa em um Estado Laico e Plural

Onde: Auditório Capiba, Bloco C - UNINASSAU Recife. Rua Guilherme Pinto, 114 – Graças

Data: 19 de setembro 

Horário: 18h30 

Inscrições por meio do site de extensão da UNINASSAU

*Da assessoria

 

No dia 11 de outubro, estudantes de Direito, advogados e demais profissionais podem participar do I Colóquio de Direito Criminal, que será realizado no Teatro RioMar Recife, localizado na capital pernambucana, das 9h às 18h30. O evento dispõe de 680 vagas.

O Colóquio, que tem como objetivo enriquecer os conhecimentos dos participantes com personalidades da seara criminal, como Zanone Júnior, Rawlinson Ferraz, Raimundo Palmeira, Paulo Lopo, Geovane Moraes, Kakay, Emerson Leônidas, Emerson Castelo Branco, Elias Mattar Assad, Eliane Gaia, Carlos Barros, Bruno Baptista, Antônio Nabor Areias Bulhões e André Rabelo, pretende levar conhecimento ao público por meio de um formato irreverente e diferente dos eventos da área.

##RECOMENDA##

Interessados podem realizar inscrições por meio do site do Teatro RioMar Recife. O valor do ingresso é de R$ 100,00 para estudantes e profissionais da área e de R$ 200,00 para os demais.

Serviço:

I Colóquio de Direito Criminal

Data: 11 de outubro de 2019

Horário: 9h às 18h30

Local: Teatro RioMar Recife - Avenida República do Líbano, 251, Pina – Recife

Investimento: R$ 100 e R$ 200,00

Informações: (81) 99968-4112

Cerca de 300 alunos participaram do segundo aulão do Vai Cair no Enem, realizado na manhã deste sábado (14), na UNAMA Alcindo Cacela, em Belém, no Pará. Leveza e bom humor dos professores tornaram as aulas de história, geografia, matemática e química mais dinâmicas. Além dos conteúdos revisados, docentes deram palpites sobre o que pode cair no Enem deste ano.

Além dos estudantes presentes, o aulão também pôde ser acompanhado ao vivo no canal do YouTube do Vai Cair no Enem pelo perfil do Instagram. Com a apresentação de Nathan Santos e Thayná Aguiar, o evento contou com quatro professores: Berg Figueiredo, de química; Benedito Serafim, de geografia; Dionísio Sá, de matemática; e Robson Pinheiro, de história.

##RECOMENDA##

Na programação, o professor de química Berg Figueiredo falou sobre reagentes químicos de uma forma mais descontraída. Houve paródias, participação dos alunos e um experimento usando um catalisador.

Em seguida, o professor de matemática, Dionísio Sá falou sobre prismas, apresentando questões de resolução para os alunos.

Em história, um assunto sempre atual foi abordado pelo docente Robson Pinheiro. A história das democracias foi dividida em civilizações, tempo e cidadania.

Por último, Benedito Serafim, de geografia, levou a globalização no sentido mais amplo, passando pelo neoliberalismo e capitalismo e ainda um comentário sobre a Amazônia.

BAIXE AS APOSTILAS DO AULÃO: QUÍMICA, MATEMÁTICA, HISTÓRIA E GEOGRAFIA

O próximo aulão será no dia 21 de setembro, na UNINASSAU de Fortaleza, no Ceará. Clique aqui para fazer a inscrição.

Os aulões são gratuitos e recebem o apoio da UNINASSAU. O aulão deste sábado está disponível no YouTube do Vai Cair no Enem

Vai Cair no Enem pelo Brasil: confira as próximas datas

21/09: UNINASSAU Fortaleza (Dorotéias) - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita

28/09: UNINASSAU Salvador (Pituba) - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita

19/10: UNIVERITAS Rio de Janeiro - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita

26/10: UNINASSAU Recife (Graças, Bloco B) - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita 

Importante disciplina da área de Ciências Humanas e suas Tecnologias, a geografia costuma abordar assuntos como vegetação, clima e meio ambiente. Mas você sabe quais os temas que mais apareceram em geografia em todas as edições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem)? A Coletânea Enem, feita pelo curso Poliedro elencou os conteúdos mais cobrados na disciplina por ordem de relevância.

De acordo com o estudo, em geografia, os temas mais vistos no Enem de todos os tempos foram: Do meio natural ao meio ambiente com 18% de relevância, Urbanização (14%), Clima (9%), Meio ambiente (7%), Agricultura e pecuária (6%), Geopolítica (6%) e Relevo e solo (6%). Já os menos cobrados foram Rússia e China (1%), Hidrografia (1%), Globalização (1%), Estados Unidos e Canadá (1%) e Blocos supranacionais (1%).

##RECOMENDA##

 

A pouco menos de dois meses para a realização da prova, ficar atento ao que mais cai no Enem é uma das maneiras de estudar para o exame. A prova de geografia, juntamente com outras matérias das ciências humanas será realizada no primeiro dia de aplicação, em 3 de novembro. 

Para o professor de geografia Carlos Lima, outra dica para estudar geografia é entender que a matéria é interdisciplinar "Esse é princípio do Enem desde sua origem. E em geografia é uma das disciplinas onde você vai ver a interdisciplinaridade presente. Por exemplo, para você responder questões de geografia física, você tem quer conhecimentos de biologia, onde existe um conceito da 'biogeografia' ", aponta.

A partir do estudo do curso Poliedro, o professor selecionou quatro assuntos mais vistos e conceituou cada um deles. Veja abaixo:

Do meio natural ao meio ambiente

Meio ambiente é um dos assuntos mais interdisciplinares do Enem, pois em uma questão pode ser cobrados diversos conhecimentos de disciplinas como geografia e biologia, por exemplo. Este assunto sempre leva em consideração nossa relação com o meio ambiente, os impactos da sociedade.

Urbanização

Um dos assuntos que mais o aluno pode trazer seus conhecimentos do dia a dia é urbanização. Isso se deve ao fato de que maioria das situações as questões são sobre do espaço urbano, das cidades, como por exemplo a gentrificação, ocupações irregulares e desordenadas, passando por problemas nos transportes e habitação.

Clima

O conteúdo de clima vem sendo cada vez mais recorrente nas últimas edições do Enem, abordando assuntos como as Zona de Convergência Intertropical a as células climáticas. A relação entre o clima e a vegetação costuma ser abordada, em situações em que a vegetação é reflexo do clima, sendo tocado também os domínios morfoclimáticos, totalizados em seis no Brasil.

Agricultura

O espaço agrário brasileiro é um assunto recorrente em todas as edições do Enem, principalmente a ocupação, levando em consideração o tema da concentração de terras no Brasil. Questões como reforma costumam estar presentes, assim como os aspectos socioeconômicos do campo.

Dinâmico, o professor de geografia Benedito Serafim, levou ao aulão do Vai Cair do Enem (Enem) deste sábado (14), um tema que cai com frequência na prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem): globalização. Além deste, Serafim abordou as fases do capitalismo e neoliberalismo, que inclusive, é uma das apostas do professor para o Enem deste ano.

Sobre a globalização, o docente aprofundou o comércio global e como ele influencia as relações das sociedades. O professor utilizou de exemplos que fazem parte do dia a dia dos estudantes, como o uso da tecnologia que facilita a comunicação e o consumo da informação quebrando barreiras físicas e de tempo.

##RECOMENDA##

No neoliberalismo, Serafim apontou os conceitos de Milton Friedman, um dos grandes pensadores da corrente neoliberalista e da Escola de Chicago. Meritocracia e o papel do estado na sociedade foram alguns dos tópicos trazidos pelo professor.  

O bom humor de Benedito Serafim transferiu leveza para os feras que estão se preparando para o Enem, que será realizado em menos de dois meses. A prova de geografia, inclusa na área do conhecimento de Ciências Humanas e suas Tecnologias, será aplicada no primeiro domingo do Enem, 3 de novembro.

Outra dica dada pelo professor é o estudo sobre A Guerra do Yom Kippur, ou a Crise do Petróleo, que, segundo Serafim, tem grandes chances de cair na prova. Assuntos ligados à Amazônia, no entanto, não foram palpites do docente. Benedito Serafim acredita que mesmocom a relevância do tema, questões políticas podem contribuir para a não cobrança do conteúdo na prova.

Confira abaixo a aula de geografia do aulão do Vai Cair no Enem, em Belém:

LeiaJá também

--> História da democracia é tema em aulão do Vai Cair no Enem

--> Professor apresenta resoluções matemáticas em aulão

--> Interação marca aulão de química do Vai Cair no Enem

O segundo aulão do Vai Cair do Enem, que está sendo realizado neste sábado (14), na capital paraense, contou com a participação do professor de história Robson Pinheiro. O docente revisou a história da democracia, os povos e suas características.

Os olhos atentos dos cerca de 300 alunos presentes no aulão acompanharam a revisão de história que apresentou a origem e os tipos de democracia, bem como elas funcionam de acordo com a época e com as civilizações. A revisão dos assuntos, acompanhada por questões que foram resolvidas pelo professor juntamente com os alunos, tratou de subtemas abrangendo a democracia, como o machismo e as relações entre ricos e pobres.

##RECOMENDA##

“O desafio da democracia é entender o mundo com a pluralidade” disse o professor ao citar a ligação da democracia com a diversidade.

Para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano, o professor Robson Pereira deu dois palpites que para ele, podem aparecer no Enem: Mundo Pós-Segunda Guerra Mundial, incluindo a Guerra Fria e Ditadura Militar e, a segunda dica é estudar sobre a História do Brasil.

Acompanhe o aulão ao vivo no YouTube e Instagram do Vai Cair no Enem. Confira abaixo o aulão ao vivo:

LeiaJá também

--> Interação marca aulão de química do Vai Cair no Enem

--> Professor apresenta resoluções matemáticas em aulão

Após a aula de química, os estudantes acompanharam a revisão de matemática, ministrada pelo professor Dionísio Sá, que também esteve no aulão promovido pelo Vai Cair no Enem, na UNAMA Alcindo Cacela, em Belém, no Pará, na manhã deste sábado (14). 

No começo da aula, o professor ressaltou a relevância da matemática no Enem e que acredita que a prova pode ser mais específica, ao invés de uma abordagem mais conteudista. Sobre as dificuldades que a disciplina apresenta para a maioria dos estudantes, o professor tranquilizou: "a grande questão está nas nossas intepretações e como estamos enxergando a matemática".

##RECOMENDA##

Sá frisou que para a realização do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é importante resolver questões como forma de treinamento para fazer a prova e os incentivou a correr atrás do principal objetivo: conquistar uma vaga em uma instituição de ensino superior.

Durante a aula, o docente levou questões a nível de Enem sobre volumes sólidos que envolve prismas - assunto de significativa recorrência no Enem - paralelepípedo reto retângulo, cubo, pirâmide, cilindro e cone. Para cada um dos tópicos, foram apresentados gráficos como forma de facilitar o entendimento dos estudantes.

A aula também tratou de outro tema muito frequente em matemática no Enem: a porcentagem. O encontro do professor contou com a interação dos alunos que puderam tirar dúvidas sobre as questões.  

Além de matemática, o aulão, realizado na UNAMA Alcinco Cacela aborda as disciplinas de química, história e geografia. Acompanhe ao vivo no YouTube e Instagram do Vai Cair no Enem. Confira abaixo o aulão ao vivo:

LeiaJá também 

--> Interação marca aulão de química do Vai Cair no Enem

--> Matemática: os 8 assuntos que mais caem na prova do Enem

Conhecimentos e bom humor marcam a aula de química comandada pelo professor Berg Figueiredo, no aulão do Vai Cair no Enem que está sendo realizado neste sábado (14) diretamente de Belém, no Pará. Entre os assuntos abordados, Berg Figueiredo abordou cinética química, equilíbrio químico e funções inorgâmicas. 

Durante a aula, o professor contou com a participação de estudantes para demosntrar como funciona uma colisão efetiva. Dos experimentos químicos, o docente voltou a atenção dos alunos para o catalisador, usado para mostra a reação da diminuição da energia de ativação através do contato da água oxigenada com a luz. A espuma, produzida com a mistura dos elementos químicos foi o ponto alto da atividade. 

##RECOMENDA##

Reprodução/ youtube.com/vaicairnoenem

Após o experimento, Berg Figueiredo reforçou os assuntos que podem cair na prova de química este ano. Além de cinética química, o professor falou sobre superfícies de contato, conteúdo que, segundo ele, pode aparecer na prova deste ano. 

 Estima-se que cerca de 300 estudantes estão presentes no aulão. O encontro promovido pelo Vai Cair no Enem está sendo transmitido ao vivo no YouTube e na página do Vai Cair no Enem do Instagram

Confira abaixo uma parte do aulão

Já está sendo transmitido ao vivo o segundo aulão gratuito promovido pelo Vai Cair no Enem. O encontro, realizado na UNAMA Alcinco Cacela, em Belém, no Pará, irá até às 12h. Nele, os estudantes poderão conferir diversos conteúdos cobrados no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). 

O aulão aborda as disciplinas de história, com o professor Robson Pinheiro; geografia e atualidades, com Benedito Serafim; química, com Berg Figueiredo; e matemática, com Dionísio Sá. Confira quais serão os assuntos abordados em cada uma delas.

##RECOMENDA##

O professor Benedito Serafim leciona as disciplinas de geografia e atualidades abordando temas como globalização, capitalismo e padronização cultural, com conceitos de Zygmunt Bauman, por exemplo. Comandando o aulão de química, o professor Berg Figueiredo fala sobre cinética química, que é a área da ciência que estuda a velocidade das reações químicas. O aulão também aborda os fatores que podem influenciar a velocidade das reações, como temperatura, pressão, concentração e inibidores.

O professor Robson Pinheiro, de história, filosofia e sociologia, salienta tópicos como democracia e cidadania e os estudantes podem aguardar resolução de exercícios ao vivo. A aula de matemática, ministrada pelo professor Dionísio Sá, tocará em um tema muito importante para o Exame: volume de figuras geométricas.

O aulão está sendo transmitido por meio do canal do YouTube do Vai Cair no Enem e também pelo perfil do Instagram da plataforma. O aulão é o segundo de uma série de encontros promovidos pelo Brasil. O Vai Cair no Enem é uma plataforma de conteúdos focados nas provas do Exame Nacional do Ensino Médio, produzidos em parceria com o LeiaJá.

Além de Belém, o Vai Cair no Enem já realizou um aulão em Olinda, em Pernambuco. O projeto irá se expandir pelo Brasil e outros encontros já estão previsto para este ano. Confira abaixo o cronograma dos próximos aulões e realize sua inscrição gratuitamente.

21/09: UNINASSAU Fortaleza (Dorotéias) - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita

28/09: UNINASSAU Salvador (Pituba) - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita

26/10: UNINASSAU Recife (Graças, Bloco B) - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita 

Confira abaixo a live do YouTube:

O orçamento do Ministério da Educação (MEC) destinado à educação básica prevê uma corte de 54% para 2020. A Proposta de Lei Orçamentária Anual (PLOA) para 2019 foi de R$ 500 milhões, enquanto, em 2020, R$ 230,1 milhões devem ser disponibilizadas. Os valores são os mais baixos, nos últimos quatros anos, enviados pelo Governo ao Parlamento.

A diminuição de verba afeta também a concessão de bolsas de apoio à educação básica e chega a 43%, em comparação aos valores da última proposta. No próximo ano, o valor previsto para área é de R$ 451,7 milhões ante R$ 793,5 milhões previstos na PLOA para 2019. 

##RECOMENDA##

O corte orçamentário também pode atingir a construção de 4,9 mil creches prometidas pelo MEC, em julho. Na época, a pasta também prometeu fornecer conexão à internet para 6,5 mil escolas rurais além de ampliar a carga horária das escolas para combater a evasão escolar.

Houve um aumento de 24% no orçamento para livros didáticos, sendo R$ 32 milhões destinados às escolas cívico-militares, anunciadas na última semana pelo MEC e pelo presidente Jair Bolsonaro. O Congresso Nacional, agora, deve fixar ou alterar os valores da PLOA. 

Neste sábado (14), das 8h às 12h, será transmitido ao vivo mais um aulão gratuito do Vai Cair No Enem. O projeto desembarca em Belém, capital paraense, para ajudar os feras que desejam a aprovação no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

O aulão será realizado na UNAMA Alcindo Cacela e contará com live transmitida pelos Instagram do @vaicairnoenemcanal do YouTube da plataforma. As fichas com o conteúdo das aulas estarão disponíveis após a transmissão. 

##RECOMENDA##

O aulão terá conteúdos das disciplinas de história, com o professor Robson Pinheiro; geografia e atualidades, com Benedito Serafim; química, com Berg Figueiredo; e matemática, com Dionísio Sá. Confira quais serão os assuntos abordados em cada uma delas

Com apresentação de Nathan Santos, o aulão é o segundo de uma série de encontros produzidos pelo Vai Cair No Enem. Confira abaixo onde a plataforma de conteúdos voltados para o Exame Nacional do Ensino Médio desembarcará até a data da prova. As inscrições para os demais aulões do projeto já estão abertas e as vagas são limitadas.

14/09: UNAMA Belém (Alcindo Cacela) - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita

21/09: UNINASSAU Fortaleza (Dorotéias) - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita

28/09: UNINASSAU Salvador (Pituba) - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita

19/10: UNIVERITAS Rio de Janeiro - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita

26/10: UNINASSAU Recife (Graças, Bloco B) - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita

O Instituto Federal de Pernambuco (IFPE) campus Cabo de Santo Agostinho, município de Pernambuco, promove, entre os dias 1 e 3 de outubro a sexta edição da Feira de Gastronomia. O evento conta com aulas show e oficinas comandadas por chefs pernambucanos. Para participar do encontro, que será realizado na praça de eventos do Shopping Costa Dourada, é necessário realizar inscrição no site da feira e entregar, no dia do encontro, 1kg de alimento não perecível para cada oficina escolhida. Todas as atividades contam com 50 vagas disponíveis.

Este ano, o evento, que  tem como tema “Comfort Food: Receitas e Memórias”, possui o objetivo de destacar pratos que remetem a momentos especiais e a simplicidade da gastronomia, para que o conforto e o bem-estar sejam despertados ao serem consumidos.

##RECOMENDA##

No dia da abertura da feira serão realizadas duas aulas show, sendo uma liderada pelo chef do restaurante Reteteu, Thiago Chagas, das 15h às 16h30 e outra pelo chef do restaurante Cozinhando Escondidinho, Rivandro França, das 18h30 às 20h. O dia também conta com um concurso de drinks e mini degustações e apresentações sobre a culinária pernambucana.

No segundo dia do evento as aulas show serão comandadas pelo chef Claudemir Barros, que atualmente atua no restaurante Oleiro e é autor do livro Sonhos e Sabores, das 15h às 16h30 e pela chef Jace Souza, que lidera a cozinha do Restaurante Mingus, das 18h30 às 20h. Além das aulas, a programação também possui um concurso de fotografia gastronômica e uma mostra de cozinha européia e asiática.

O último dia da Feira de Gastronomia do IFPE tem a presença do chef Heleno Júnior, especialista em confeitaria regional e proprietário da boutique Confeitaria de Origem, das 15h às 16h30. Já a chef Lúcia Soares, proprietária do restaurante Porto Mix, comendará o encontro das 18h30 às 20h. Todos os chefs estão à frente das aulas show. O concurso do dia é voltado para sobremesa e a mini degustação para panificação e confeitaria.

Os alimentos arrecadados pelo IFPE serão entregues a instituições na área do Cabo de Santo Agostinho.

Entre 92 países, o Brasil é o 7º com as melhores universidades do mundo. O dado está disponível em pesquisa rezalizada pela Times Higher Education (THE), uma revista britânica especializada em educação, que divulga anualmente rankings universitários do mundo. Na lista de 2019, o Brasil saiu da nona posição para a sétima com 46 universidades públicas mais bem avaliadas. A Universidade de São Paulo (USP) ocupa, pelo terceiro ano consecutivo, o primeiro lugar da lista dentre as brasileiras.

Para a conclusão do estudo, foram observadas 1.396 universidades em 92 países, incluindo os Estados Unidos, Inglaterra, Canadá, Holanda, Austrália, Alemanha, França e Chile. O processo de avaliação das instituições é baseado em seis critérios principais. São eles: qualidade de ensino, ambiente estudantil, número de professores doutores, bem como os docentes mais premiados, reputação, número de publicações de pesquisa, receita da indústria por transferência de conhecimento e visibilidade internacional.

##RECOMENDA##

No ano passado, o Brasil tinha na lista 35 instituições de educação superior públicas. Este ano, houve o acréscimo da Universidade de Caxias do Sul (UCS), Universidade Federal de Alagoas (UFA), Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA), Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA), Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Universidade de Fortaleza (UNIFOR), Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC MINAS), Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) e Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC).

Mesmo com o aumento da participação das faculdades públicas do Brasil no ranking mundial, país está longe de alcançar as primeiras posições. A Grã-Bretanha, por exemplo, ocupa o 1º lugar na pesquisa com a Universidade de Oxford, em seguida está os Estados Unidos, que só nas 10 primeiras, têm sete universidades.

Brasil é resistente às crises orçamentárias

Em 2019, a educação superior sofreu cortes avaliados em R$ 3,2 bilhões, que afetaram universidades em todo o país. Ao total, foram retirados R$ 112 milhões da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), a maior universidade do Brasil. No ranking, a instituição caiu na posição do mundial: caiu mais de 200 postos, agora ocupando o bloco das 800 melhores.

Neste sábado (14), a cidade de Belém, no Pará, receberá um aulão gratuito promovido pelo Vai Cair no Enem. Das 8h às 14h, estudantes poderão conferir diversos conteúdos cobrados no Exame Nacional do Ensino Médio. O evento será realizado na UNAMA Alcido Cacela, localizada no bairro de Umarizal. 

O aulão terá conteúdos das disciplinas de história, com o professor Robson Pinheiro; geografia e atualidades, com Benedito Serafim; química, com Berg Figueiredo; e matemática, com Dionísio Sá. Confira quais serão os assuntos abordados em cada uma delas

##RECOMENDA##

O professor Berg Figueiredo afirmou que as formas de trabalhar os conteúdos serão os diferenciais da sua aula. "Vamos fazer paródias, vamos fazer experimentos, vamos ver uma aula de química de uma maneira completamente diferente. Tenho certeza que o aluno que marcar presença não vai se arrepender", disse o docente. 

O aulão erá transmitido ao vivo por meio do canal do YouTube do Vai Cair no Enem e também pelo perfil do Instagram da plataforma. O encontro é o segundo de uma série de aulões promovidos pelo Brasil. O Vai Cair no Enem é uma plataforma de conteúdos focados nas provas do Exame Nacional do Ensino Médio, produzidos em parceria com o LeiaJá.

Confira abaixo o calendário de aulões realizados pelo Vai Cair no Enem juntamente com o link para as inscrições. 

14/09: UNAMA Belém (Alcindo Cacela) - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita

21/09: UNINASSAU Fortaleza (Dorotéias) - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita

28/09: UNINASSAU Salvador (Pituba) - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita

19/10: UNIVERITAS Rio de Janeiro - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita

26/10: UNINASSAU Recife (Graças, Bloco B) - Clique aqui e se inscreva de forma gratuita 

Serviço

Aulão do Vai Cair no Enem

Local: UNAMA Alcindo Cacela

Endereço: Av. Alcindo Cacela, 287 - Umarizal
Horário: 8h às 12h

Entrada: Gratuita

Páginas

Leia Concursos

Procure os
Concursos

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando