Notícias

| Economia

Os preços médios do etanol hidratado caíram em 17 Estados e no Distrito Federal (DF) na semana encerrada no sábado (30) ante o período anterior, de acordo com levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) compilado pelo AE-Taxas. O biocombustível subiu em 8 Estados e manteve-se inalterado no Amapá.

Nos postos pesquisados pela ANP em todo o País, o preço médio do etanol subiu 0,47% na semana ante a anterior, de R$ 2,530 para R$ 2,542 o litro. Em relação aos últimos 30 dias, a queda atinge 6,03%, a R$ 2,705.

##RECOMENDA##

Em São Paulo, principal Estado produtor, consumidor e com mais postos avaliados, a cotação média do hidratado ficou em R$ 2,335, alta de 0,47% ante a semana anterior (R$ 2,324) e de queda de 6,67% na comparação com os últimos 30 dias.

Em Goiás, o biocombustível registrou a maior alta porcentual na semana, de 6,94%. A maior queda semanal, de 5,31%, foi em Roraima.

Na comparação mensal, os preços do etanol só não cederam no Amapá, onde o valor médio aumentou 28,95%, e em Goiás, alta e 4,60%. O Estado que registrou a maior queda na comparação mensal foi a Bahia, com recuo de 8,55% no preço do etanol hidratado.

O preço mínimo registrado na semana passada para o etanol em um posto foi de R$ 1,86 o litro, em São Paulo, e o menor preço médio estadual, de R$ 2,335, foi registrado também em São Paulo.

O preço máximo individual, de R$ 4,999 o litro, foi verificado em um posto do Rio Grande do Sul. O Rio Grande do Sul também teve o maior preço médio, de R$ 3,937.

A segunda parcela do auxílio emergencial começou a ser creditada pela Caixa nas contas indicadas pelos beneficiários. Os recursos, que haviam sido antecipados para uso digital pelo aplicativo Caixa Tem, estão sendo transferidos automaticamente para as contas informadas pelos beneficiários, de acordo com o calendário de saque em espécie.

No último sábado (30), foi liberado o saque e a transferência para os beneficiários nascidos em janeiro. Hoje é a vez dos nascidos em fevereiro. Amanhã, será para os nascidos em março e assim por diante até o sábado dia 13 de junho, para os nascidos em dezembro, com exceção do domingo (7).

##RECOMENDA##

A transferência dos valores será feita para quem indicou contas para recebimento em outros bancos ou poupança existente na Caixa. Com isso, esses beneficiários poderão procurar as instituições financeiras com quem têm relacionamento, caso queiram sacar.

Segundo a Caixa, mais de 50 bancos participam da operação de pagamento do auxílio emergencial.

Todos os beneficiários do Bolsa Família elegíveis para o auxílio emergencial já receberam o crédito da segunda parcela.

A Caixa reforça que não é preciso madrugar nas filas. Todas as pessoas que chegarem nas agências durante o horário de funcionamento, das 8h às 14h, serão atendidas. Elas vão receber senhas e, mesmo com as unidades fechando às 14h, o atendimento continua até o último cliente, informou o banco.

O banco lembra ainda que fechou parceria com cerca de 1.200 prefeituras para reforçar a organização das filas e manter o distanciamento mínimo de dois metros entre as pessoas.

A pandemia do novo coronavírus e a paralisação de inúmeras empresas fizeram com que centenas de pessoas perdessem seus empregos ou tivessem suas rendas reduzidas.

A administradora Carolina do Vale e Souza, 40 anos, teve sua renda reduzida pela metade no mês de abril, quando passou a trabalhar três vezes por semana para a empresa da qual é contratada. No mês de maio, entrou para o regime de suspensão de contrato, onde a renda ficou em 30%. A outra parcela (de 50% e 70%) serão pagas pelo governo, ou seja, entre os meses de abril e maio, a empresa pagou apenas 50% e 30% do valor total do salário de Carolina.

##RECOMENDA##

O mesmo aconteceu com João Vítor Lima, 27 anos, que atua como contador e teve seu salário reduzido em 50%. "Consegui negociar a queda do valor do aluguel pela mesma proporção", comenta. Ainda pensando em formas de renda extra, ambos expuseram que alteraram planos de serviços contratados, como aplicativos de músicas e plataformas de streaming, para os pacotes mais básicos, assim como a diminuição de serviços online. "Cortei o Spotify e continuo com a Netflix. Também reduzi as contas e planos de telefone", comenta Carolina.

Tais medidas vão ao encontro das dicas da economista Luciana Ikedo, assessora de investimentos e sócia-fundadora do escritório Ikedo Investimentos. Ela afirma a necessidade de assumir o controle das finanças e do orçamento pessoal. "Para que esse controle seja real, a pessoa deve saber realmente o que e quanto ela gasta para cada linha de despesa. Ter isso anotado, em um aplicativo ou planilha é essencial, avaliando tudo o que pode ser eliminado", comenta a especialista.

É possível adotar hábitos que possam resultar em diminuição de gastos, como reduzir o tempo de banho, desconectar aparelhos eletrônicos de fontes de energia e a redução da quantidade de água utilizada para a manutenção dos afazeres domésticos, como a limpeza das roupas e louças, podendo até ser transformado em algo divertido. "Propor que todos os moradores colaborem e deem dicas de como e onde poupar, pode até resultar que seja premiado aquele que teve a ideia mais legal ou que rendeu maiores frutos", finaliza.

A especialista abre espaço ao valer dos benefícios e sugere ceder às condições excepcionais a este momento, como por exemplo postergar as parcelas dos empréstimos junto aos grandes bancos, como financiamentos, ou dívidas mais caras (como utilização de cheques especiais ou parcelas de cartões de crédito) fazendo alongamentos dessas dívidas através de contratações de juros mais baratos.

A Latam, companhia aérea que esta semana pediu recuperação judicial nos Estados Unidos, apresentou seus resultados do primeiro trimestre de 2020 na noite de ontem, com prejuízo líquido de US$ 2,120 bilhões, ante perdas de US$ 60 milhões no mesmo período de 2019.

Segundo explica a companhia em suas demonstrações financeiras, o principal fator responsável pelo resultado final foi um ajuste contábil (impairment) de US$ 1,729 bilhão, provocado pela crise da pandemia de Covid-19. A Latam também reconheceu uma perda de US$ 73 milhões relativa à proteção (hedge) de combustíveis.

##RECOMENDA##

Operacionalmente, os números melhoraram em relação ao ano passado. O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) cresceu 10,4%, para US$ 479,064 milhões. O lucro operacional da Latam entre janeiro e março foi de US$ 95,942 milhões, alta de 16,8% na comparação anual.

As receitas totais somaram US$ 2,352 bilhões, queda de 6,8% em relação ao primeiro trimestre de 2019. A dívida da Latam fechou março em US$ 7,6 bilhões, um acréscimo de US$ 385 milhões em relação ao fim do ano passado. Mas segundo a companhia, a alavancagem medida pela relação dívida/Ebitda ficou estável no período, em 4 vezes.

Para quem sonha em ficar milionário, essa será a última oportunidade do mês para apostar na sorte grande. A Mega Sena realiza hoje, por volta de 20h, o último concurso de maio. O prêmio não é nada modesto: a aposta que conseguir acertar as 6 dezenas sorteadas levará cerca de R$ 38 milhões.

As apostas poderão ser feitas até as 19h (horário de Brasília) em qualquer casa lotérica ou pela internet, através do serviço de internet banking da Caixa.

##RECOMENDA##

O sorteio das dezenas premiadas será efetuado no Espaço Loterias Caixa, em São Paulo, situado no terminal rodoviário do Tietê. Para quem quiser acompanhar ao vivo, a Caixa transmitirá a rolagem das bolinhas em suas redes sociais.

Concurso anterior

Confira as dezenas que foram sorteadas no concurso anterior, que não teve ganhadores:

14 - 20 - 23 - 39 - 46 - 50

Chance

Para quem sonha em ganhar gastando pouco, cada bilhete com 6 dezenas custa R$ 4,50. É possível fazer jogos de até 15 dezenas, o que aumenta exponencialmente a chance de vencer, mas o preço é salgado: um jogo de 15 dezenas custa R$ 17.517,50.

Para quem quer jogar na sorte sem escolher números, a Caixa disponibiliza a possibilidade de aposta randômicas, sorteadas por computador. A chance de vencer é a mesma: para cada bilhete de 6 dezenas, a probabilidade de acerto é de uma em 50,06 milhões.

O ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Bruno Dantas deu 48 horas para que os ministérios da Economia e da Cidadania, a Receita Federal e a Controladoria-Geral da União (CGU) se manifestem sobre as dificuldades de acesso às bases completas da Receita para a verificação de elegibilidade de quem pede o auxílio emergencial de R$ 600 a trabalhadores informais.

Em apurações preliminares, técnicos da corte de contas identificaram que os dados do Imposto de Renda estavam sendo usados apenas parcialmente nas análises realizadas pela Dataprev, para verificar o limite de renda de R$ 28.559,70 em 2018.

##RECOMENDA##

Outras informações das declarações, inclusive sobre dependentes, não estavam sendo incluídas nesses cruzamentos, o que deflagrou a atuação do TCU.

"É imprescindível a inclusão das bases de dados da Receita Federal para aumentar a precisão dos cruzamentos de dados e assegurar que pessoas com as ocupações que, a priori, são elegíveis para o benefício, mas que estão fora dos limites de renda da Lei 13.982/2020, não recebam o auxílio emergencial", disse o ministro em sua decisão.

A unidade técnica havia pedido medida cautelar para determinar o compartilhamento imediato das informações, mas o ministro preferiu primeiro ouvir os órgãos envolvidos.

Segundo Dantas, o acesso à base de dados da Receita é importante para detectar eventuais irregularidades. Levantamento dos técnicos do TCU com base na Pnad Contínua, pesquisa que traz informações de emprego e renda dos brasileiros, apontava público potencial de 53 milhões de pessoas no auxílio emergencial. O número de contemplados, porém, já chega a 59 milhões.

"Essa diferença de seis milhões de pessoas pode representar pagamentos indevidos da ordem de R$ 3,6 bilhões por mês", alertou.

Como mostrou o Estadão/Broadcast, órgãos de controle já encontraram diversas irregularidades no pagamento do auxílio emergencial.

A Controladoria-Geral da União (CGU) identificou mais de 160 mil possíveis fraudes no recebimento do auxílio emergencial de R$ 600 destinado a trabalhadores informais. De acordo com o ministro da CGU, Wagner Rosário, as irregularidades envolvem proprietários de veículos que custam acima de R$ 60 mil, donos de embarcações e pessoas que doaram mais de R$ 10 mil nas últimas eleições.

A CGU também apura denúncias de pagamento de auxílio emergencial a brasileiros em situação ilegal no exterior. Também já houve militares identificados como beneficiários do auxílio.

A previsão do governo é pagar R$ 152 bilhões ao longo dos três meses do programa.

A paralisação da economia após a adoção de medidas de isolamento para tentar conter o avanço do novo coronavírus derrubou o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro no primeiro trimestre de 2020.

A atividade econômica teve retração de 1,5%, afetada pelo fechamento de indústrias e comércio a partir da segunda metade de março e também pela queda no consumo das famílias. Além da perda de renda generalizada, o isolamento impediu que os brasileiros saíssem de casa para fazer compras - o consumo se limitou ao essencial.

##RECOMENDA##

A rotina da população mudou e todos tiveram de procurar soluções para atravessar esse momento inédito na vida do brasileiro e da população mundial em geral. Queda na atividade econômica e aumento no desemprego não são exclusividades do Brasil.

O baque atingiu tanto as grandes empresas - que têm recorrido à suspensão de contratos de trabalho, redução de jornada e salários e, no extremo, a demissões - quanto os médios e pequenos negócios.

No entanto, as grandes empresas, geralmente, têm mais fôlego antes de chegarem a demitir os funcionários, ou mesmo a fechar as portas.

Cresceu o comércio online com o uso de aplicativos. Com medo do contágio, o brasileiro está evitando aglomerações e a rotina de ir a supermercados tem sido trocada pelas compras pela internet. Bares e restaurantes incrementaram seus serviços de delivery.

Os motoboys entregam de documentos a comida. Os microempreendedores usam as redes sociais na busca de clientes. Artistas recorrem a lives.

Mas tudo isso não conseguiu evitar que a taxa de desemprego subisse para 12,6% em abril e quase 5 milhões de brasileiros perdessem o emprego no País.

A reportagem do Estadão foi ouvir a história desses brasileiros que buscam caminhos para atravessar um dos momentos mais difíceis da economia do País.

'É triste ver o espaço vazio'

O chef Cristiano Xavier, que trabalha no grupo de organização de eventos El Dorado, sente falta do movimento de antes. "É triste ver um espaço vazio onde servíamos refeições para até 8 mil pessoas. Eu me sinto um pouco impotente, sem poder fazer nada." Xavier é um dos 75 funcionários da empresa que foram mantidos. Outros 250 intermitentes ficaram sem trabalho.

Concorrência na rua aumentou

Caíque Alves, de 27 anos, faz entregas de moto - de documentos a comida - por aplicativos e percebeu o aumento na concorrência durante a pandemia. "Tem de ficar mais tempo na rua e trabalhar mais para ganhar o mesmo de antes."

Filho ajuda com redes sociais

Sem festas de casamento e outros eventos programados, a florista Érica Tiburcio enfrenta a queda de 70% na demanda por suas flores. "O que tem segurado um pouco são os clientes que compram arranjos e dão flores de presente." Sem familiaridade com plataformas online de venda, ela conta com a ajuda do filho de 13 anos para gerenciar conta no Instagram.

'Divulgo um novo cardápio por semana'

O chef Matheus Zanchini fechou uma das duas unidades de seu restaurantes de comida italiana e demitiu oito funcionários. O Borgo Mooca não fazia delivery, mas as entregas sob encomenda se tornaram inevitáveis. "Aproveito a rede de clientes no WhatsApp que já tinha e divulgo um novo cardápio a cada semana."

Renda aumentou. E o medo também

Trabalhando em uma pizzaria e em um restaurante em São Bernardo do Campo, o motoboy Lucas Souza Ferreira, 22 anos, viu crescer a correria das entregas desde o início do isolamento. Mas todo dia tem de lidar com medo de ser contaminado pelo coronavírus e passar para o filho, de seis meses.

'Daqui depende o susten de famílias'

O salão de beleza Retrô Hair, em São Paulo, está fechado há mais de dois meses. Cerca de 160 funcionários e profissionais autônomos tiveram os contratos suspensos. "Sabemos que daqui depende o sustento de muitas famílias", diz Andréia Silva, diretora operacional do salão.

'Venda de vouchers foi o que salvou'

Antes mesmo da decretação da quarentena, Igor Bueno, de 39 anos, fechou o estúdio de música que administra com o irmão em Santo André (SP). Conseguiu um respiro nas contas ao oferecer serviços a preços promocionais, para quando reabrir. "A venda de vouchers foi o que salvou."

Uma imagem com suposto cronograma de retomada das atividades em Pernambuco circulou nas redes sociais na sexta-feira (29). O Governo de Pernambuco emitiu uma nota informando se tratar de uma fake news.

 O governo reforçou que a retomada dependerá de um conjunto de indicadores definidos pelas autoridades sanitárias e científicas que integram o Gabinete de Enfrentamento ao Novo Coronavírus. O estudo prevê uma retomada gradativa, que será posta em prática em um período total de 11 semanas.

##RECOMENDA##

 O plano de retomada da economia será apresentado na próxima segunda-feira (1º). O estudo foi conduzido pelas secretarias de Desenvolvimento Econômico, da Fazenda, do Trabalho e Qualificação e de Desenvolvimento Urbano. 

 Segundo o governo, o planejamento também inclui a análise da quantidade de trabalhadores por segmento e de que maneira o retorno de cada atividade influenciará em pontos complementares, como o transporte público. A ideia é que os setores adotem horários diferentes de expediente para não saturar o sistema nos horários de pico.

A Caixa abre neste sábado (30), de 8h às 12h, 2.213 agências para atendimento aos beneficiários do auxílio emergencial que receberam a primeira parcela até 30 de abril, nascidos em janeiro e que queiram fazer o saque em espécie do benefício. A partir de hoje, também será possível a transferência do benefício para contas correntes da Caixa ou de outros bancos.

Antes de ir a uma agência, orienta a Caixa, os clientes devem consultar as unidades que estarão abertas em suas localidades.

##RECOMENDA##

Desde o dia 20 de maio, foram creditadas em 31 milhões de contas o pagamento da segunda parcela, totalizando R$ 20,3 bilhões.

Horário de chegada às agências

A Caixa reforça que não é preciso madrugar nas filas. Todas as pessoas que chegarem nas agências durante o horário de funcionamento, de 8h às 12h, serão atendidas. Elas vão receber senhas e, mesmo com as unidades fechando às 12h, o atendimento continua até o último cliente.

O banco informou ainda que fechou parceria com 1.190 prefeituras em todo o país para reforçar a organização das filas e manter o distanciamento mínimo de dois metros entre as pessoas. Segundo a Caixa, a triagem nas filas foi reforçada, de forma que aqueles que não estão na data respectiva de pagamento em espécie não permaneçam no local.

Cartão de débito virtual

A Caixa informa que o beneficiário não precisa sacar o auxílio para usar o dinheiro. O aplicativo Caixa Tem possibilita que o cidadão faça transferências bancárias e pague contas, como água, luz e telefone, por exemplo.

Além disso, o aplicativo disponibiliza gratuitamente o cartão de débito virtual Caixa para fazer compras pela internet, aplicativos e sites. O cartão também é aceito em maquininhas autorizadas com a funcionalidade do cartão virtual de débito.

Para utilizar, o beneficiário precisa gerar o cartão virtual. Para isso, o primeiro passo é atualizar o Caixa Tem. Depois, entrar no aplicativo e acessar o ícone Cartão de Débito Virtual. É o último da tela inicial. Feito isso, o usuário deverá digitar a senha do Caixa Tem. Em seguida, aparecerá os seguintes dados: nome do cidadão, número e validade do cartão, além do código de segurança. Ao lado do código, é preciso clicar em “gerar”.

O código de segurança vale para uma compra ou por alguns minutos. Para realizar uma nova compra é preciso gerar um novo código. Até a última segunda-feira (25), foram movimentados R$ 719,2 milhões pelo cartão de débito virtual Caixa, informou o banco.

O dólar caiu 1,83% em maio, o primeiro mês de 2020 que fecha em queda. A última baixa mensal havia sido em dezembro de 2019. A moeda americana também acumulou a segunda semana seguida de desvalorização. Na sessão desta sexta, 29, houve dois movimentos distintos. Pela manhã, fatores técnicos predominaram e o dólar operou em alta, por conta da disputa entre investidores pela formação do referencial Ptax de maio, usado em contratos cambiais e balanços corporativos.

Nos negócios da tarde, a divisa americana caiu após a entrevista de Donald Trump sobre a China, que havia gerado apreensão desde a tarde de ontem, não trazer maiores novidades sobre medidas de retaliação da Casa Branca ao país asiático. Nas mesas de câmbio persiste ainda a cautela com o ambiente político. O dólar à vista fechou a sexta-feira em queda de 0,82%, a R$ 5,3389. O dólar futuro para julho recuava 1,53%, a R$ 5,3345 às 17h.

##RECOMENDA##

Um dos temores ontem era de que Trump fosse anunciar nova rodada de aumento de tarifas ou alterasse o acordo comercial fase 1, o que pioraria ainda mais a relação entre Washington e Pequim. Mas na entrevista as medidas se limitaram a cidadãos chinesas e a retirada do tratamento diferencial dos EUA a Hong Kong. "Não houve nenhuma notícia bombástica de Trump", avalia a diretora em Nova York de moedas da BK Asset Management, Kathy Lien. A coletiva de imprensa não revelou nada excepcionalmente prejudicial para a relação entre China e EUA e ainda não houve menção de tarifas ou de mudanças no acordo comercial fase 1 assinado entre os dois países, completa a analista.

Apesar da queda no mês, o dólar fechou maio acumulando valorização de 33% em 2020, com o real ainda mantendo o pior desempenho ante o dólar nos principais mercados emergentes. O sócio da Ibiuna Investimentos, Rodrigo Azevedo, ex-diretor do Banco Central, ressalta que o dólar chegou a subir 45% este ano, mais do que as maxidesvalorizações dos anos 80 ou 90, quando a disparada chegava ao redor dos 30%, disse durante live hoje do Credit Suisse.

Para Azevedo, os juros têm espaços para cair mais, como mostram os canais do crédito, de câmbio e das expectativas, mas o processo precisa ser conduzido com cuidado. "Se vai testar o limite para baixo da taxa de juros vai testar para cima o limite da taxa de câmbio", disse ele. Para o ex-diretor do BC, o câmbio pode até ir se depreciando, "mas temos que ter cuidado com níveis excessivos". "O câmbio ainda é termômetro de confiança", comentou.

Na mesma live, o ex-diretor do BC, Daniel Gleizer, atualmente pesquisador na Universidade de Columbia, em Nova York, disse que o Brasil tem uma "tempestade perfeita", com uma crise sanitária, uma econômica e uma política. "Não tem ninguém que está tento uma crise política desta magnitude", afirmou. "Diferenças sempre existem no mundo político, aqui estamos em situação de falta de coordenação e pressão dos Estados para perdão de dívida", completou.

Nesta sexta-feira, 29, a Receita Federal faz o pagamento do primeiro lote da restituição do Imposto de Renda 2020. Nessa primeira parcela, receberão o dinheiro quem se enquadra nas prioridades legais: idosos, pessoas com deficiência física ou intelectual ou moléstia grave.

Segundo a Receita, mais de 901 mil contribuintes serão beneficiados com a restituição no primeiro lote, sendo cerca de 133 mil idosos acima de 80 anos, 710 mil com idade entre 60 e 79 anos e 57,6 mil contribuintes com deficiência física ou intelectual ou moléstia grave.

##RECOMENDA##

A data de pagamento do primeiro lote segue o novo calendário da restituição definido pela Receita para este ano. Além de diminuir o número de lotes de sete para cinco, eles foram antecipados de junho para maio e terminarão em setembro.

Também é a primeira vez que o primeiro lote da restituição é pago antes do prazo final de entrega das declarações de Imposto de Renda, que foi prorrogado para 30 de junho.

De acordo com o órgão, essas medidas foram tomadas para amenizar os efeitos da crise provocada pelo novo coronavírus.

Para saber se você foi contemplado no primeiro lote da restituição, basta consultar o site da Receita Federal (https://servicos.receita.fazenda.gov.br/Servicos/ConsRest/Atual.app/pagi...) e inserir seu número de CPF, data de nascimento e digitar os caracteres da imagem de verificação.

Na página do Imposto de Renda no site da Receita você também pode conferir o rendimento do valor conforme avançam os lotes, assim como saber se está contemplado no próximo lote ao verificar a data limite de envio da declaração para aquele lote.

A partir de agora, a lógica de pagamento da restituição é baseada na regra de tempo, ou seja, quem entregou a declaração antes, receberá a restituição antes.

Até as 17 horas de quinta-feira, 28, a Receita Federal recebeu mais de 16 milhões de declarações, apenas metade das 32 milhões de declarações esperadas pelo órgão para 2020.

O prazo para o saque do abono salarial 2019/2020 dos programas de Integração Social (PIS) de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) termina nesta sexta-feira (29).

Inicialmente, esse prazo era 30 de junho, mas uma resolução do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat) definiu a nova data e estabeleceu o calendário 2020/2021.

##RECOMENDA##

O calendário de pagamento de 2020/2021 tem início em 30 de junho de 2020 e término em 30 de junho de 2021. No caso do abono salarial do PIS, o pagamento é feito pela Caixa Econômica Federal a trabalhadores da iniciativa privada, considerando o mês de nascimento do trabalhador.

O pagamento do abono salarial do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) é feito pelo Banco do Brasil, de acordo com o dígito final do número de inscrição do servidor público.

Os trabalhadores com conta na Caixa, no caso do PIS, ou no Banco do Brasil, para o Pasep, recebem o crédito automaticamente.

A Renault anunciou nesta sexta-feira (29) que pretende cortar mais de 14 mil postos de trabalho ao longo de três anos, como parte de seu plano de reduzir custos fixos em mais de 2 bilhões de euros, em resposta à queda na demanda causada pela crise do novo coronavírus. Em resposta ao anúncio, às 07h55 de Brasília, a ação da empresa caía 6,03% no índice CAC 40, da Bolsa de Paris.

"As mudanças planejadas são fundamentais para garantir a sustentabilidade da empresa e seu desenvolvimento a longo prazo", disse o presidente do conselho de administração da Renault, Jean-Dominique Senard. A montadora vai reduzir sua produção global de veículos de 4 milhões de automóveis para 3,3 milhões até 2024.

##RECOMENDA##

A Renault ainda declarou, por meio de nota, que a França será o país mais afetado pelos cortes, com fechamento de pelo menos 4.600 vagas.

A Receita Federal paga nesta sexta-feira (29) as restituições do primeiro lote do Imposto de Renda de Pessoa Física (IRPF) 2020. Estão sendo depositados R$ 2 bilhões para 901.077 contribuintes. O primeiro lote contempla contribuintes com prioridade legal, sendo 133.171 idosos acima de 80 anos, 710.275 contribuintes entre 60 e 79 anos e 57.631 com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave.

Neste ano, o cronograma de restituições foi antecipado para maio e a quantidade de lotes reduzidos de sete para cinco. A antecipação é uma iniciativa da Receita Federal para mitigar os efeitos econômicos da pandemia de covid-19. O último lote tem pagamento previsto para 30 de setembro. No ano passado, as restituições começaram no dia 17 de junho e se estenderam até 16 de dezembro.

##RECOMENDA##

Outra mudança feita pela Receita Federal foi no dia em que a restituição é depositada na conta do contribuinte. Normalmente o crédito bancário ocorria no dia 15 de cada mês. Neste ano, o pagamento da restituição será realizado no último dia útil do mês.

Como consultar

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na internet. Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados. Nesta hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

A Receita disponibiliza também um aplicativo para tablets e smartphones que facilita a consulta às declarações do IRPF e situação cadastral no CPF. Com o aplicativo é possível consultar, diretamente nas bases de dados da Receita Federal, informações sobre liberação das restituições do Imposto de Renda e a situação cadastral.

A restituição fica disponível no banco durante um ano. Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para a Central de Atendimento da Receita por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

A maior parte de tudo o que o governo de Pernambuco arrecada vem do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), que corresponde a 74% de toda a receita corrente líquida do Estado. Já em março, quando os dois primeiros casos de Covid-19 foram registrados em PE, o déficit foi de R$ 90 milhões - sendo abril responsável pela perda de R$ 246 milhões.

##RECOMENDA##

Maio já deve apresentar uma queda de R$ 545 milhões, devido ao isolamento das pessoas e, consequentemente, a paralisação da economia. "O importante é saber que o efeito da pandemia não é apenas nesses três ou quatro meses em que segue as curvas, mas principalmente no aspecto de que até o final do ano, a economia estará retraída. O efeito não é tão imediato, ele vai até o final do ano com uma queda do que chamamos de preços relativos e a base tributária", explica o secretário da Fazenda do Estado de Pernambuco, Décio Padilha.

Ele reforça que o governo sentirá o impacto também nos próximos meses. Até o final do ano, a projeção é que a queda na arrecadação do ICMS some R$ 3,7 bilhões. Padilha salienta que a demora da ajuda do governo federal dificulta ainda mais a situação dos estados e municípios que já estão combalidos pela Covid-19.

 

Em coletiva online realizada na tarde desta quinta-feira (28), o secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, Bruno Schwambach, anunciou que o Estado deve retomar gradativamente as suas atividades econômicas em um período de 11 semanas.

##RECOMENDA##

Segundo o secretário, um grupo de técnicos, com apoio da consultoria externa, avaliou cada atividade econômica do Estado, considerando o risco sanitário para a saúde, assim como a sua relevância e essencialidade na economia de Pernambuco e na geração de empregos.

"Dentro do nosso plano, estabelecemos um cronograma que prevê a retomada gradativa e planejada das atividades econômicas e está atrelada aos dados de evolução da pandemia de Covid-19 em Pernambuco", explica.

Além disso, Schwambach aponta que foi apresentado aos setores produtivos um plano de horários diferenciados de trabalho para cada um deles, na tentativa de reduzir a quantidade de trabalhadores nos horários de pico no transporte público da Região Metropolitana do Recife.

“Sem vacina ou medicamento comprovadamente eficaz contra o coronavírus, todos teremos que conviver com a doença. Nosso plano pesa quais atividades têm menos impacto nas curvas de contaminação e a relevância econômica de cada setor para definir o cronograma de liberação”, detalhou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Bruno Schwambach.

Cada atividade econômica deve ter um protocolo de funcionamento específico com três eixos: o primeiro é com a regra do distanciamento social, segundo é sobre a higiene e o terceiro é a comunicação e monitoramento. 

 

O dólar voltou a subir após fechar em queda por seis pregões seguidos. O noticiário político interno pesou nesta quinta-feira, 28, de acordo com profissionais das mesas de câmbio. O embate entre Jair Bolsonaro e o Supremo Tribunal Federal (STF) fez o real ir na contramão de outras moedas emergentes, que ganharam força ante o dólar. No final desta tarde, notícias de que o presidente Donald Trump fará uma coletiva de imprensa nesta sexta-feira (29) para falar sobre as tensões com a China fizeram a moeda americana acelerar a alta e bater máximas. O real teve o pior desempenho nesta quinta-feira no mercado internacional, considerando uma cesta de 34 moedas. No mercado à vista, o dólar fechou com valorização de 1,97%, cotado em R$ 5,3832. No mercado futuro, o dólar para junho foi a R$ 5,3975.

Bolsonaro pediu um "basta" ao Supremo e disse que "ordens absurdas não se cumprem, temos que botar um limite", sobre as ações recentes do STF, no inquérito das fake news. Na tarde de hoje, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) disse que as declarações de Bolsonaro "são muito ruins" e vão no "caminho contrário contra tudo o que começamos a construir com todos os poderes", além de gerarem insegurança.

##RECOMENDA##

"O fator político pesou, essa guerra entre STF e governo está ficando pesada, investidores estão vendo com preocupação", afirma o responsável pela mesa de câmbio da Terra Investimentos, Vanei Nagen. "O exterior também não ajudou." Nesse ambiente, os investidores aproveitaram para realizar lucros das quedas recentes, ressalta ele. No mês, o dólar ainda acumula queda de 1%.

No exterior, o dólar caiu ante divisas fortes e emergentes, em meio a nova rodada de indicadores ruins da economia americana e aumento da tensão com a China, que hoje aprovou uma lei de segurança nacional para Hong Kong. Após a notícia da entrevista de Trump amanhã sobre a China, os ativos de risco pioraram e o dólar reduziu a queda ante emergentes.

Os estrategistas do banco NatWest avaliam que Trump pode optar por uma resposta mais "simbólica" para retaliar a decisão chinesa sobre a Hong Kong, como sanções contra indivíduos, mas também pode adotar medidas mais duras, como elevar novamente tarifas sobre produtos chineses. Qualquer que seja a alternativa da Casa Branca, pode haver impacto nos ativos de risco, sobretudo em um momento de otimismo alto dos mercados com o processo de reabertura das economias europeias e dos estados americanos, ressaltam eles.

Sobre o real, o coordenador do centro de estudos monetários do Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da Fundação Getúlio Vargas (FGV), José Julio Senna, disse em vídeo hoje que as últimas semanas têm sido marcadas por forte depreciação do real e o BC tem procurado agir "sem muita agressividade", tendo injetado ao redor de US$ 40 bilhões este ano no mercado de câmbio. "Tirar a mão do câmbio totalmente não é recomendável, porque não sabemos a velocidade com que a moeda nacional se depreciará. É um território desconhecido, como nos juros perto de zero."

A Caixa Econômica Federal anunciou que os beneficiários do auxílio emergencial já podem utilizar os recursos em pagamentos de compras em maquininhas de cartão a partir desta quinta-feira, 28. Participam do projeto, conforme o presidente do banco, Pedro Guimarães, todos as adquirentes que conseguiram preparar sua operação e ainda a bandeira de cartões Elo.

A Coluna do Broadcast antecipou com exclusividade, no dia 19 de abril, que a Caixa trabalhava no projeto em conjunto com Cielo, de Bradesco e Banco do Brasil, Rede, do Itaú Unibanco, e Getnet, do Santander Brasil.

##RECOMENDA##

"Abrimos a possibilidade de pagamentos em supermercados, lanchonetes, redes de farmácias, em qualquer lugar via o celular", explicou Guimarães, em coletiva de imprensa, no período da tarde desta quinta-feira.

Mais de três milhões de estabelecimentos físicos já estão aptos a receberem pagamentos nas maquininhas com recursos do auxílio emergencial de R$ 600,00.

As transações serão feitas por meio da tecnologia QR Code, os quadradinhos que se popularizaram durante a pandemia, e o cartão de débito virtual de cada usuário.

Para que os recursos do auxílio emergencial possam ser utilizados em compras nas maquininhas de cartão, as contas poupanças, abertas pela Caixa para pagamento do benefício, foram transformadas em carteiras digitais.

Não será preciso colocar senha para efetuar as transações. O pagamento será feito por meio da leitura do QR Code com o celular e os beneficiários poderão acompanhar os gastos em seu extrato no aplicativo Caixa Tem. Os recursos serão debitados das contas por meio do cartão de débito.

O presidente da Caixa disse que a novidade, a qual chamou de 'revolução', ajudará a reduzir a ida dos beneficiários às agências do banco. "Será muito melhor para todos os brasileiros e vai permitir redução das idas nas agências porque os beneficiários poderão gastar sem precisar tirar dinheiro", avaliou.

De acordo com Guimarães, a primeira parcela do auxílio emergencial já foi paga a 57,9 mi de pessoas, em um total de R$ 40,8 bilhões. Quando acrescida ainda a segunda parcela, esse valor chega a R$ 74,6 bilhões.

Após ficar próximo aos 88 mil pontos (87.946,25 pontos) na véspera e de ter uma semana positiva até agora, o mercado de ações brasileiro se prepara para uma quinta-feira (28) (de queda, pelo menos na abertura, como sugere o Ibovespa futuro. O momento de cautela no exterior, diante de ameaças do governo dos EUA a redes sociais, e internamente, diante da crise entre o governo e o STF deve deixar o investidor local de sobreaviso.

"A instabilidade política abre ainda mais espaço para a realização", avalia o estrategista-chefe do Grupo Laatus, Jefferson Laatus.

##RECOMENDA##

Às 10h55, o Ibovespa caía 0,92%, aos 87.133,09 pontos, após fechar ontem em alta de 2,90%. Contudo, deve fechar a semana e o mês - que terminam amanhã - com valorização. Até o momento, acumula ganhos semanais em torno de 6% de cerca de 8% no mês, o que seria o melhor desempenho para maio desde 2009 (12,49%).

Em Nova York, com exceção do Nasdaq (-0,11%), que cai diante da expectativa por medidas retaliatória do governo dos EU a redes sociais, o sinal é de leve alta, ainda impulsionada pela reabertura econômica gradual no pós-isolamento social para conter a propagação do novo coronavírus. Na Europa, as bolsas sobem.

Após a divulgação de dados de atividade dos Estados Unidos, o Ibovespa acelerou a velocidade de baixa, caindo em torno de 1%, mas reduziu depois o ritmo. De certa forma, diz o estrategista-chefe do Grupo Laatus, Jefferson Laatus, os indicadores dos EUA vieram em linha com o esperado, o que pode até ser visto como positivo. "Pode forçar o Fed a promover novos estímulos à economia", sugere.

O Produto Interno Bruto (PIB) do primeiro trimestre dos EUA apresentou recuo de 5,0%, ficando mais pouco intenso que o declínio de 4,8% esperado por analistas. Os pedidos de auxílio-desemprego caíram 323 mil na semana, a 2,123 milhões, ante previsão 2,05 milhões. Já as encomendas de bens duráveis cederam 17,2% em abril ante março; previsão era de contração de 17%.

A reabertura de economias e o pacote de estímulos na zona do euro seguem trazendo alívio à aversão ao risco, assim como as notícias favoráveis relacionadas à produção de vacina no combate à covid-19, cita em nota o Bradesco. Entretanto, os economistas do banco ponderam que focos de preocupação continuam no radar, lembrando da notícia de que a legislatura chinesa aprovou a resolução que autoriza a elaboração de uma nova lei de segurança nacional para Hong Kong, contribuindo mais para a tensão comercial EUA-China.

No Brasil, a tensão política entre o Planalto e o STF recrudesceu ontem e deve ficar no centro das atenções. Além disso, há pouco, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou a taxa de desemprego no País no trimestre até abril, que reforçou o quadro de piora do mercado de trabalho por causa dos efeitos da pandemia. A taxa ficou em 12,6%, igual ao piso das estimativas na pesquisa do Projeções Broadcast (12,6% a 15%, com mediana de 13,2%).

"O mercado deve ignorar um pouco político, em função de liquidez mundial imensa", observa Luiz Roberto Monteiro, da Renascença, completando, contudo, que o investidor continua atento ao tema.

A Nissan Motors vai reduzir sua capacidade de produção anual em 20%, para cerca de 5,4 milhões de unidades por ano, fechar uma fábrica em Barcelona e eliminar 3.000 empregos, em uma estratégia que visa reestruturar a empresa, tornando-a mais enxuta e lucrativa.

O CEO da Nissan, Makoto Uchida, disse que a empresa se equivocou ao buscar "expansão excessiva de vendas". Ele disse que sua nova estratégia é "manter a disciplina financeira e focar na receita líquida por unidade para obter lucratividade".

##RECOMENDA##

A montadora registrou perda de US$ 6,2 bilhões no ano fiscal encerrado em março, mas disse que tem reservas de 712,6 bilhões de ienes para enfrentar um ambiente de negócios difícil.

Páginas

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando