Tópicos | faca

Um homem foi preso em flagrante depois de dar socos no rosto da esposa em Lajedo, no Agreste de Pernambuco, na noite desse domingo (22). A vítima também teve a mão cortada por uma faca quando tentou se defender das agressões.

A Polícia Militar foi acionada para a ocorrência e encontrou o casal ainda em discussão. A mulher estava com a roupa cheia de sangue e disse ter recebido socos na boca e ameaças de morte do marido.

##RECOMENDA##

Ela também apresentou o corte na mão causado em meio à confusão. Uma faca foi encontrada pelos policiais no bolso do acusado. 

O homem foi autuado por lesão corporal mediante violência doméstica e levado à delegacia do município, onde ficou à disposição da Justiça.

Um homem foi preso logo após assaltar uma mulher com uma faca peixeira no Varadouro, em Olinda, Região Metropolitana do Recife (RMR), nesse domingo (22). Ele estava com o celular da vítima e uma quantia em dinheiro no momento da abordagem.

Policiais da Companhia Independente de Apoio do Turista (Ciatur) foram informados do roubo quando realizavam uma patrulha na região. Com as características do assaltante, o efetivo manteve as rondas e conseguiu identificá-lo. Ele foi levado à delegacia do bairro, onde ficou à disposição da Justiça.

##RECOMENDA##

Um ex-estudante de 22 anos invadiu uma escola estadual e feriu com golpes de faca duas professoras na noite desta quarta-feira (14), em Ipaussu, no interior de São Paulo. O agressor fez outro professor refém, colocou a faca em seu pescoço e resistiu à abordagem da polícia, mas acabou se entregando. À polícia, ele alegou que foi vítima de bullying quando tinha 12 anos e decidiu se vingar. Uma das professoras agredidas está internada em estado grave.

O ataque, na Escola Estadual Professor Mastrodomênico, chocou a população da cidade paulista de 15 mil habitantes. Segundo a Polícia Civil, o homem identificado como Tiago Oliveira Silva não é ex-aluno da escola e seu alvo seria a diretora do colégio, que não estava no local.

##RECOMENDA##

Para entrar na escola, Silva abordou o porteiro e pediu para usar o banheiro. Com a proximidade das férias escolares, apenas os professores estavam no estabelecimento. Quando o servidor foi buscar a chave, Silva pulou o muro e invadiu o local. Ele estava com duas facas e um simulacro de arma de fogo.

No corredor, ele se deparou com a professora Beatriz Belo de Miranda, que tentou fugir ao vê-lo empunhando a faca. Ela foi atingida pelos golpes nas costas. A vice-diretora Luciene Rose de Lemos tentou ajudar a colega e tirar a arma do agressor, mas também foi atingida no ombro e no braço. O professor Danilo Lincoln Apolinário tentou conter o ex-aluno e foi dominado por ele. Além de levar coronhadas na cabeça, ele teve a faca encostada no pescoço até a chegada da polícia.

Policiais militares conseguiram, após rápida negociação, desarmar e dominar Silva. Ele foi levado à delegacia da Polícia Civil e preso em flagrante por lesões corporais e tentativa de homicídio. De acordo com o delegado Marcelo de Assis Aliceda, o alvo dele era a diretora da escola. "Ele disse que sofreu bullying em outra escola há dez anos e guardou o ódio que tinha da diretora da época, que agora trabalha na escola onde ele fez o ataque. Ele falou que foi na escola atrás da diretora, mas ela não estava na escola. Disse que não era sua intenção ferir os professores."

O agressor foi levado para uma cadeia da região e deve passar por audiência de custódia nesta quinta-feira, 15. A professora Beatriz foi internada na Santa Casa de Ourinhos, com provável perfuração do pulmão. Na manhã desta quinta, ela estava em unidade de terapia intensiva, em estado grave. A vice-diretora recebeu cuidados médicos e foi liberada. O professor feito refém não sofreu ferimentos.

A Secretaria da Educação do Estado de São Paulo disse em nota que lamenta o ocorrido e repudia toda forma de violência dentro e fora da escola. "As servidoras atingidas foram imediatamente socorridas pela equipe da unidade escolar e encaminhadas para hospitais da região pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência)." Segundo a pasta, não havia estudantes no local no momento do ocorrido e o ex-aluno foi detido pela polícia.

A Diretoria de Ensino de Ourinhos informou que, juntamente com a escola, colabora com as investigações. "A equipe central do Programa de Melhoria da Convivência e Proteção Escolar (Conviva-SP) presta apoio às servidoras e à comunidade escolar", disse. As aulas do período matutino desta quinta-feira foram suspensas.

Mortes no Espírito Santo

No fim de novembro, um adolescente de 16 anos deixou quatro pessoas mortas - três professoras e uma aluna de 12 anos - após invadir duas escolas em Aracruz, no norte do Espírito Santo. No momento do crime, o adolescente ostentava uma suástica - símbolo nazista - em um dos braços, além de roupa tática e duas armas (uma pistola .40 e um revólver 38 pertencentes ao pai policial).

No começo do mês, o juiz da Vara da Infância e Juventude da cidade, Felipe Leitão, determinou ao autor dos ataques a pena de até três anos de internação em unidade socioeducativa. O tempo de confinamento é o máximo previsto na legislação para adolescentes que ainda não atingiram a maioridade penal.

Quatro crianças foram encontradas mortas em uma casa em Alvorada, na Região Metropolitana de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. O suspeito é o pai, de 29 anos, que foi preso na madrugada desta quarta-feira (14).

As vítimas são três meninas de dez, cinco e quatro anos, e um menino, de oito. Os corpos dos mais velhos estavam com marcas de facadas e o da mais nova com indícios de asfixia. A investigação ficou a cargo da Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP)   

##RECOMENDA##

Conforme relatado à Polícia Militar (PM), a mãe, 26, foi trabalhar na manhã da terça (13) e deixou as crianças na casa da avó paterna para ficar sob os cuidados do pai. Segundo o Uol, quando ela soube das mortes, passou mal e precisou ser atendida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Junto por 11 anos, o casal se separou em agosto. Um mês depois, a mulher chamou a PM depois de uma briga em que foi arrastada pelo cabelo e ameaçada com uma faca. O homem foi imobilizado por vizinhos. Na ocasião, a jovem solicitou medida protetiva.

Uma mulher armada com uma faca entrou no supermercado da rede Pão de Açúcar, no bairro do Parnamirim, Zona Norte do Recife, e roubou alimentos. O caso ocorreu no dia 11 de outubro e ninguém ficou ferido, segundo o g1. 

No vídeo é possível ver uma mulher de máscara colocando mercadorias numa mochila e, em seguida, pede que uma cliente compre um pacote de leite em pó para ajudá-la. Neste momento, o homem que supostamente seria um segurança do local e está filmando alertou a cliente: “É para vender, viu, senhora? E ainda mais está com uma faca. Cuidado”, disse. 

##RECOMENDA##

Foi então que a mulher ameaçou o rapaz. “Tá pensando que eu tenho medo, é? Tem que dar-lhe para matar. Porque se não der para matar, tá ligado não, é?”, e reclamou com um funcionário da loja. “Esse bicho fica com resenha. Eu tô pedindo de boa, homem. O que é isso?”, diz a mulher, segurando a faca escondida no short. 

Através de nota, o supermercado informou que as “autoridades competentes foram imediatamente acionadas”.

[@#video#@]

Um adolescente de 13 anos atacou a Escola Municipal Yeda Barradas Carneiro, onde estuda, na cidade de Morro do Chapéu, na Chapada Diamantina, na Bahia. Na manhã desta terça-feira, 27, ele ateou fogo no colégio e feriu a diretora com o uso de uma faca. O jovem foi apreendido pela Polícia Militar e deve responder por ato infracional análogo ao crime de lesão corporal leve.

Segundo informações da Polícia Civil baiana, o estudante entrou na escola e atirou explosivos caseiros do tipo coquetel molotov, que causaram as chamas. Em seguida, teria esfaqueado a coordenadora. Ninguém ficou ferido pelo contato com o fogo e a vítima será encaminhada a exame de corpo de delito.

##RECOMENDA##

A Polícia Militar informou que o 7º BPM foi acionado após o recebimento de informações de que um aluno havia tentado atear fogo no colégio. Quando os policiais chegaram, o adolescente foi apreendido e apresentado ao Conselho Tutelar para adoção das medidas cabíveis.

A Polícia Civil informou que a princípio ele responderá por ato infracional análogo ao crime de lesão corporal leve, mas os depoimentos que estão sendo ouvidos vão ajudar a avaliar se houve cometimento de outro ato infracional.

Na segunda-feira, 26, o Colégio Municipal Eurides Sant’Anna, em Barreiras, na região oeste da Bahia, também foi palco de um ataque. Nesse caso, houve uma vítima fatal. Uma aluna com deficiência que usava cadeira de rodas foi morta por um adolescente de 14 anos trajando roupa preta, capuz e óculos.

Segundo informações das Polícias Civil e Militar da Bahia, ele pulou o muro da escola, no bairro de São Pedro, e matou Geane de Silva de Brito, de 19 anos, com golpes de arma branca e disparo de arma de fogo. A Secretaria Municipal de Educação diz que ele se misturou aos alunos na hora da entrada.

O autor do crime foi atingido por tiros por uma pessoa ainda não identificada. Ele foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levado a uma unidade de saúde, onde está sob custódia.

Uma criança que era ameaçada pelo próprio pai com uma faca de açougue foi resgatada por policiais militares na noite dessa segunda-feira (15), em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife (RMR). O homem sofre de distúrbios mentais e foi encaminhado ao Hospital Ulisses Pernambucano. 

A ocorrência foi atendida na Rua Lins de Andrade, no bairro de Socorro. Ao verificar o risco ao refém, os policiais do Batalhão de Operações Especiais (BOPE) iniciaram uma negociação, que durou 1h20.  

##RECOMENDA##

Sem que o pai liberasse a criança, foi deliberada a entrada da equipe tática, que conseguiu imobilizar o homem. De acordo com a Polícia Militar (PM), nenhum dos dois sofreu ferimentos. 

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionada e levou o homem ao hospital psiquiátrico, na Zona Norte do Recife. 

Três estudantes da Escola Municipal Brigadeiro Eduardo Gomes, na Ilha do Governador, Zona Norte do Rio de Janeiro, ficaram feridos após serem esfaqueados por um colega, na manhã desta sexta-feira (6). O agressor seria um adolescente de 14 anos.

Os alvos foram duas alunas, e um colega teria sido atingido de raspão quando tentou impedir o ataque. Eles sofreram ferimentos leves e foram encaminhados pelo Corpo de Bombeiros ao Hospital Municipal Evandro Freire. O responsável pelo ataque também foi levado a unidade e deve ser apreendido por crime análogo a tentativa de homicídio.

##RECOMENDA##

Conforme O Globo, a mãe do adolescente relatou ao delegado Marcos Henrique que ele apresentava problemas psicológicos. "De acordo com a mãe, o agressor já vinha apresentando alterações no comportamento. Estava em tratamento psicológico e psiquiatra quando, hoje, culminou com essa tragédia", comentou o delegado.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), a Polícia Militar (PM) e o prefeito Eduardo Paes foram à escola. A Secretaria Municipal de Educação e o Conselho Tutelar apuram o caso.

Dois policiais mataram a tiros um homem que os ameaçou com uma faca em uma movimentada estação de trem de Paris nesta segunda-feira (14), disseram fontes policiais.

O homem portava uma faca de "30 centímetros" na qual estava inscrito o acrônimo "ACAB", para "All cops are bastards"("Todos os policiais são bastardos", em inglês), segundo esta fonte.

Os incidente ocorreu por volta das 06:50 (02:50, no horário de Brasília) da manhã, quando dois agentes da polícia regional de transportes patrulhavam na hora do rush a Gare du Nord, que liga Paris a Londres, Bruxelas e Amsterdã de trem, além de parte dos subúrbios.

O "atacante, que tinha uma faca e claramente queria (...) feri-los, matá-los, ameaçá-los", disse o ministro do Interior, Gérald Darmanin, durante uma visita a Montpellier (sul).

Os agentes usaram suas armas regulatórias "para neutralizá-lo e obviamente esse agressor morreu", acrescentou Darmanin à imprensa.

Um jornalista dos canais públicos France Télévisions, presente na estação no momento dos acontecimentos, postou um vídeo nas redes sociais, no qual se ouvem dois tiros.

[@#video#@]

O agressor era "a priori alguém conhecido da polícia por vagar pela estação", disse o ministro dos Transportes, Jean-Baptiste Djebbari, à rádio RMC.

Segundo uma fonte policial, o homem, nascido em 1991, não tinha ficha criminal.

No início da manhã de segunda-feira, a suspeita de um ataque terrorista foi descartada. A Promotoria Nacional Antiterrorista indicou que não se encarregou da investigação.

Em comunicado, a Alliance, um dos principais sindicatos policiais, qualificou o agressor como um "terrorista antipolicial" e considerou que o atentado mostra "mais uma vez" o risco que os agentes correm na sua missão diária.

Nos últimos meses, vários policiais foram alvo de ataques com armas brancas. Em novembro, um argelino esfaqueou dois policiais em Cannes (sudeste), que não tiveram ferimentos devido a seus coletes à prova de balas.

O ataque ocorre em meio a campanha para as eleições presidenciais de abril. Rivais de direita e extrema-direita do presidente liberal, Emmanuel Macron, que ainda não anunciou sua tão esperada candidatura, frequentemente atacam o que consideram insegurança na França.

Um caso de tentativa de feminicídio chocou os moradores de Pinheiros, no Norte do Espírito Santo, na tarde de terça-feira (8). Um homem de 43 anos foi preso em flagrante após tentar matar a ex-namorada a facadas. A mulher, de 45 anos, foi atingida por golpes no tórax e ficou com a faca cravada nas costas, após a lâmina, de 20 centímetros, se desprender do cabo do objeto. 

De acordo com a polícia, o casal havia terminado o relacionamento há dois meses e o suspeito foi à casa da vítima para tentar reatar o namoro. A mulher não aceitou o pedido e então foi atacada. A prisão do homem foi realizada pela equipe da Delegacia de Polícia de Pinheiros, em ação com a Polícia Militar do Espírito Santo (PMES), na manhã desta quarta-feira (9), no bairro Jundiá.  

##RECOMENDA##

O filho da vítima, de 25 anos, presenciou o crime e tentou interferir, mas foi ameaçado pelo homem. Após cometer o crime, o suspeito fugiu do local e se escondeu por vários bairros da cidade, de acordo com a Folha de Vitória (ES). 

“Tomamos conhecimento do crime e imediatamente iniciamos as buscas pelo criminoso, com policiais militares. Saturamos diversos bairros da cidade, após o recebimento de diversas informações sobre o paradeiro do suspeito. Hoje pela manhã, o localizamos no bairro Jundiá, onde foi preso”, informou o titular da Delegacia de Polícia de Pinheiros, delegado Eduardo Mota. 

O suspeito foi autuado em flagrante por tentativa de feminicídio e será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória de São Mateus. 

Na manhã desta sexta-feira (28), o homem de 60 anos que esfaqueou a ex-companheira e seu atual namorado no estacionamento de uma academia em Casa Amarela, na Zona Norte do Recife, foi preso pela Polícia Civil (PC). Ele é acusado de feminicídio e homicídio tentados e por tentar incendiar um imóvel.

O caso ocorreu na noite dessa quarta (26), quando a vítima, uma professora de ginástica, foi surpreendida pelo ex com golpes de faca nos braços ao chegar no trabalho. Ela e o atual namorado ficaram feridos e correram para dentro da academia, onde foram amparados pelos alunos.

##RECOMENDA##

O agressor tentou alcançá-los, mas foi impedido por testemunhas e deixou o local. A Polícia Militar chegou a ser acionada, mas não o encontrou. 

Após a tentativa de feminicídio, ele foi à casa da mulher e ainda tentou incendiar o imóvel, confirmou a PC. 

Com os pedidos de medida protetiva e prisão em aberto pela advogada da vítima, a Justiça determinou a captura do suspeito, que foi localizado e apreendido no bairro do Cordeiro, Zona Oeste da capital. 

Uma adolescente de 12 anos esfaqueou um homem para salvar a mãe nessa segunda-feira (24), em Blumenau, Santa Catarina. O agressor, de 28 anos, estrangulava a mulher quando foi surpreendido por três golpes de faca na nuca e nas costas.

De acordo com o relato da mãe da adolescente, o homem era seu ex-namorado e estava bêbado quando invadiu a casa na Rua Hélio Coelho Gomes, no bairro de Itoupava Norte, por volta das 17h30.

[@#galeria#@]

Ele deu socos e chutes na mulher de 43 anos e chegou a dar um golpe com um garfo em sua testa. Quanto tentou enforcar a ex-companheira, a menina desferiu os golpes de faca para que a soltasse.

Elas ficaram feridas e precisaram ser atendidas pelo Corpo de Bombeiros. A mãe precisou ser encaminhada ao Hospital Santa Isabel.

O agressor ficou jogado na rua até a chegada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), que o socorreu em estado grave ao Hospital Santo Antônio.

Conforme a Polícia Militar, as armas da ocorrência e as partes que não foram hospitalizadas foram prestar depoimento na delegacia. A corporação reforça que a menor foi acompanhada por um responsável.

##RECOMENDA##

A faca encontrada no gramado da Arena Barueri, na noite de sábado, durante a invasão de torcedores do São Paulo nos acréscimos do segundo tempo da partida com o Palmeiras, pela semifinal da Copa São Paulo de Juniores, foi atirada das arquibancadas. É o que aponta investigação inicial realizada pela Delegacia de Polícia de Repressão aos Delitos de Intolerância Esportiva (Drade) com base em depoimentos e imagens de TV e celulares.

"No instante da invasão, alguns objetivos foram arremessados em campo. Depois de muito analisar, recorrer a imagens da TV, torcedores e as próprias câmeras do estádio, ouvir arbitragem e atletas, nós conseguimos perceber que essa faca foi arremessada no gramado junto com os outros objetos", informou o delegado Cesar Saad, da Drade.

##RECOMENDA##

Ele disse que o próprio árbitro da partida, Matheus Delgado Candançan, apresentou a ele uma imagem que mostrou a faca sendo atirada no gramado. O artefato estava dentro de uma marmita de plástico.

Saad ressaltou que cabe à polícia apurar como a faca entrou no estádio, quem fez e como foi feita a revista. "Agora cabe à Polícia Civil identificar quem atirou essa marmita."

O Palmeiras venceu o São Paulo por 1 a 0 e se classificou para a final da Copinha. Na terça, a decisão do título será um clássico com o Santos. O horário e local da partida ainda não foram confirmados pela Federação Paulista de Futebol (FPF).

Após a carta de inocência do suspeito de assassinar a menina Beatriz Angélica, o deputado estadual Romero Albuquerque (PP) anunciou que vai solicitar a abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para que o caso também seja investigado na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe).

Com a reviravolta no processo que se estende por mais de seis anos, o deputado informou que aguarda o retorno das atividades na Alepe para protocolar seu pedido. “Um assassinato brutal é sempre assunto de interesse público, ainda mais quando a vítima era uma criança. Confiamos na nossa Polícia, mas está claro que faltam respostas", indicou.

##RECOMENDA##

Na última semana, o suspeito Marcelo da Silva, de 40 anos, confessou o crime após a Secretaria de Defesa Social (SDS) identificar seu DNA na faca usada no homicídio. Porém, ele deu uma nova versão em uma carta escrita na segunda (17), na qual diz ser inocente e que teria sido pressionado a assumir que matou a criança.

Para Romero, o desencontro de narrativas ridicularizou publicamente as forças de segurança do Estado.

“Temos, em primeiro lugar, uma mãe e um pai que têm o direito de saber a verdade, toda a verdade. Temos a Polícia Civil, que precisa dar esclarecimentos a essa família e a toda sociedade. Se este homem, agora, diz que não é o autor do crime, mas a Secretaria de Defesa Social garantiu que, após seis anos, identificou o DNA do suspeito na arma do crime, alguém está faltando com a verdade [...] a instituição não pode ser ridicularizada publicamente por um criminoso”, disparou.

LeiaJá também:

---> Suspeito de matar Beatriz escreve carta e se diz inocente

---> Caso Beatriz: mãe diz que Marcelo é realmente o assassino

--> Caso Beatriz: motivação foi 'silenciar' a vítima

--> Mãe da menina Beatriz é impedida de acompanhar coletiva

Dois homens foram presos em flagrante nessa quarta-feira (12) logo após cometer um assalto com faca à luz do dia na Avenida Dantas Barreto, bairro de Santo Antônio, área Central do Recife.

Uma equipe de policiais da Companhia Independente de Policiamento com Motocicleta (CIPMoto) realizava rondas no local e visualizou a dupla roubando um aparelho celular de dentro da bolsa de uma mulher.

##RECOMENDA##

Os suspeitos foram abordados e, após revista, foram encontrados o celular subtraído e uma faca peixeira. Eles foram conduzidos à Central de Plantões da Capital, onde ficaram à disposição da Justiça.

Nesta quarta-feira (5), uma revista feita no Presídio Marcelo Francisco de Araújo (Pamfa), no Complexo do Curado, na Zona Oeste do Recife, resultou na apreensão de 44 celulares, 4 balanças de precisão, 18 carregadores de celulares, 25 facas, além de 16 latas de cervejas.

A ação contou com a equipe de policiais penais da Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres) e policiais militares integrantes da Companhia Independente de Policiamento com Cães (CIPCães) e Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope).

##RECOMENDA##

A Seres confirma que intensificou as revistas nas unidades prisionais do Estado a fim de evitar a entrada de ilícitos, bem como, instalou equipamentos de segurança como scanners corporais e detectores de metal (portais e manuais). 

A secretaria salienta que presos foram transferidos para outras unidades prisionais por conta dos materiais ilícitos apreendidos, mas não detalhou a quantidade de detentos envolvidos.

O clima ficou tenso em A Fazenda 13! Na última segunda-feira, dia 15, Dayane Mello gerou polêmica ao cortar a jaqueta de Rico Melquiades usando uma faca. Ao ver a cena, Valentina Francavilla disparou:

- Dayane, pode parar. Para e senta. Eu não estou brincando. Senta. Não tem graça.

##RECOMENDA##

- Eu não fiz nada, ninguém viu. E isso foi só o começo. Você não me conhece, Valentina, rebateu a peoa.

[@#video#@]

Internautas lamentaram a atitude de Dayane Mello nas redes sociais. No Twitter, pessoas pediram a eliminação da modelo do reality show:

"Gente isso é perigoso! Se a pessoa tem a coragem de pegar numa faca pra rasgar pertences pessoais dos outros, então ela é capaz de tudo! Dayane expulsa/Rico merece respeito".

"Se alguém rasgasse minhas roupas, eu além de rasgar as dela de volta jogaria tudo na piscina, ia ficar dois dias secando e costurando os trapo pra aprender, eu em. Dayane expulsa".

"Alguém tira essa criança do reality, por favor, rasgar a roupa do coleguinha, que engraçado hahaha. Dayane expulsa".

E não para por aí. Ex-peões também comentaram sobre o ocorrido na web. Liziane Gutierrez afirmou:

"Que horror gente! Estou assustada, sem contar que faca é um perigo e tesoura também. O Rico não merece passar por isso, espero que tomem alguma providência".

Erika Schneider escreveu:

"A noção passou longe. Ninguém viu, disse ela em um reality show"

Victor Pecoraro também se manifestou:

"Agradeço a todos que não votaram em mim para continuar lá dentro, deve estar insuportável conviver naquele ambiente... muita saúde mental para todos que gosto que ainda estão lá é o que desejo"

No Instagram Stories, Lary Bottino desabafou:

"Essa é a cena mais deplorável e asquerosa que já pude ver em toda minha vida. Os valores estão invertidos, é uma pena ver uma cena dessa e ver pessoas rindo disso. Isso fere a integridade não só dele, como a nossa, que estamos assistindo. Não tem sido fácil para mim entender e aceitar o porquê de ter saído tão cedo de um grande sonho meu, mas, ao mesmo tempo, meu coração lamenta fortemente de perceber o quanto as pessoas são/estão cada dia mais doentes por dinheiro por ser quem são mesmo. O reality show não é nada mais que nossa vida mostrada 24 horas, é a realidade. É uma pena ver uma pessoa com esse tipo de atitude e personalidade e sendo abraçada por tanta gente. Cada dia a minha saúde mental fica mais abalada assistindo algo que sonhei tanto em estar e, talvez hoje, esteja aliviada de não fazer parte desse convívio com esse tipo de pessoa tão baixa".

Vale lembrar que o clima ficou tenso entre Rico Melquiades, Valentina Francavilla e Dayane Mello após algumas discussões que ocorreram dentro do reality show.

Por volta das 13h desta quinta-feira (10), dois moradores de rua iniciaram uma briga que acabou na morte de um deles. O crime aconteceu próximo à praça do Diário, no Centro do Recife.

[@#galeria#@]

##RECOMENDA##

Os homens não foram identificados e motivo da briga não foi esclarecido. Eles estavam dentro do antigo prédio do Diário de Pernambuco. Lá iniciaram uma briga e um deles acabou desferindo 16 golpes de faca contra o outro, que faleceu no local. 

Segundo a polícia, outros moradores de rua tiraram o homem morto de dentro do prédio e o trouxeram para a via pública. A arma branca usada no crime estava no local. No momento, a Polícia Militar e a Polícia Civil estão no local, assim como o IML.

Um australiano de 60 anos escapou de um enorme crocodilo, cravando uma faca várias vezes na cabeça do animal, que tentava arrastá-lo para o rio - relataram autoridades locais na quarta-feira (10).

Depois de sobreviver ao ataque em um remoto rio na península de Cape York, no norte da Austrália, o homem ferido dirigiu seu carro até o hospital, informou o Departamento de Meio Ambiente do estado de Queensland.

O homem tinha ido pescar na semana passada em sua propriedade perto de Hope Vale, a cerca de cinco horas de carro da cidade de Cairns, e afugentou um touro da costa para tomar seu lugar. Foi nessa hora que o crocodilo atacou.

"Ele contou que viu o crocodilo segundos antes de que se lançasse sobre ele, quando se preparava para jogar a vara para pescar", continuou o comunicado.

Primeiro, o homem tentou se agarrar a um galho do mangue para evitar que o crocodilo, com suas mandíbulas já em volta das botas, levasse-o para o rio.

"O homem disse que, quando entrou na água, conseguiu tirar a faca do cinto e esfaqueou o crocodilo na cabeça até o animal soltou-o", completou o comunicado.

Após o ataque, ele conseguiu chegar ao carro e dirigir até o hospital local. Depois, foi transferido para o hospital de Cairns, onde continua se recuperando, uma semana depois.

Os agentes ambientais que o interrogaram confirmaram que os ferimentos eram consistentes com um ataque de crocodilo.

Por se tratar de uma área muito remota, eles não tentarão capturar o réptil. Para eles, o animal foi atraído pela presença do touro.

O número de crocodilos marinhos disparou desde que foram declarados espécie protegida em 1971. Ataques recentes têm reacendido o debate sobre o controle de sua população.

Esta espécie, que pode atingir até sete metros de comprimento e pesar mais de uma tonelada, é comum no norte tropical do país. Os ataques destes répteis são frequentes na região, embora raramente sejam fatais.

Um policial foi atacado por um homem com uma faca que alegava agir "em nome do profeta" diante de uma delegacia de Cannes, sul da França, nesta segunda-feira (8), mas saiu ileso, informaram o ministro do Interior e fontes da polícia.

As fontes haviam informado anteriormente que o agente havia sido ferido no ataque, durante o qual o agressor foi baleado e gravemente ferido.

"Felizmente, o policial que foi esfaqueado não foi fisicamente ferido graças ao colete à prova de balas", escreveu o ministro do Interior, Gerald Darmanin, no Twitter.

Fontes policiais afirmaram que o incidente estava sendo tratado como um possível ataque terrorista.

Às 6h30 locais (2h30 de Brasília), o agressor abriu a porta da viatura e esfaqueou um agente no peito, antes de tentar atacar outro policial.

Neste momento, um agente abriu fogo e feriu gravemente o agressor, cuja vida está em perigo.

O ministro Darmanin anunciou que viajará a Cannes.

Páginas

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando