Tecnologia

| Games

A Sony Brasil acessou o PlayStation Blog para lançar listas dos jogos PS4, PS5, PSVR e PSVR 2 mais baixados na PlayStation Store em 2023. Os principais títulos do ano passado incluem Beat Saber, Call of Duty: Modern Warfare III, Hogwarts Legado, Simulador de Trabalho e Pavlov. No entanto, os queridinhos mesmo são EA Sports FC 24 e FIFA 23, que dispararam no topo das listas dos PS4 e PS5. Em toda a Europa, EA também foi o mais baixado, segundo a publicação internacional da desenvolvedora. 

Confira as listas na íntegra 

##RECOMENDA##

Jogos para PS5

1. EA SPORTS FC 24 

2. Hogwarts Legacy 

3. Grand Theft Auto V 

4. Resident Evil 4 

5. Marvel’s Spider-Man 2 

6. FIFA 23 

7. Call of Duty: Modern Warfare III 

8. Mortal Kombat 11 

9. Diablo IV 

10. Call of Duty: Modern Warfare II 

11. Baldur’s Gate 3 

12. Mortal Kombat 1 

13. Assassin’s Creed Valhalla 

14. FINAL FANTASY XVI 

15. God of War Ragnarök 

16. Resident Evil 3 

17. STAR WARS Jedi: Survivor 

18. ELDEN RING 

19. NBA 2K23 

20. The Witcher 3: Wild Hunt 

Jogos para PS4

1. FIFA 23 

2. EA SPORTS FC 24 

3. Red Dead Redemption 2 

4. Grand Theft Auto V 

5. The Last of Us Part II 

6. Minecraft 

7. Mortal Kombat 11 

8. Batman: Arkham Knight 

9. Hogwarts Legacy 

10. Need for Speed Heat 

11. Resident Evil 4 

12. NBA 2K23 

13. The Last Of Us Remastered 

14. Cuphead 

15. LEGO Marvel Super Heroes 2 

16. Injustice 2 

17. God of War Ragnarök 

18. NARUTO SHIPPUDEN: Ultimate Ninja STORM 4 

19. Mortal Kombat X 

20. Need for Speed Payback 

Jogos para PS VR2

1. Pavlov 

2. Beat Saber 

3. Kayak VR: Mirage 

4. Drums Rock 

5. Horizon Call of the Mountain 

6. The Dark Pictures: Switchback VR 

7. The Walking Dead: Saints & Sinners – Chapter 2: Retribution 

8. Job Simulator 

9. Star Wars: Tales from the Galaxy’s Edge 

10. Moss: Book II 

Jogos para PS VR

1. ASTRO BOT Rescue Mission 

2. The Walking Dead Onslaught 

3. Beat Saber 

4. PlayStation VR Worlds 

5. Batman: Arkham VR 

6. Sniper Elite VR 

7. Job Simulator 

8. SUPERHOT VR 

9. Until Dawn: Rush of Blood 

10. Dead Land VR 

Jogos Gratuitos

1. Roblox 

2. Fortnite 

3. Call of Duty: Warzone 

4. eFootball 2024 

5. Fall Guys 

6. Rocket League 

7. The Sims 4 

8. Overwatch 2 

9. Genshin Impact 

10. Disney Speedstorm 

 

O jogo “Palworld”, apelidado pelo público de “Pokémon de tiro”, teve mais de cinco milhões de cópias vendidas em apenas três dias, informou nesta segunda-feira (23) o estúdio PocketPair, responsável pelo game.

Lançado na sexta-feira na plataforma Steam, o jogo combina avatares de jogadores armados e monstros simpáticos que se parecem bastante com os da popular franquia "Pokémon", da japonesa Nintendo.

##RECOMENDA##

“Palworld” é vendido no Steam, no Brasil, a preços que variam de R$ 80,09 a R$ 112,45. Está disponível para computador e para os consoles Xbox Series X, Xbox Series S e Xbox One.

No momento, encontra-se em fase inicial e ainda está sendo desenvolvido, com a ajuda dos comentários dos jogadores, disse a PocketPair, que tem sede no Japão.

“A maioria das pessoas, incluindo eu mesmo, pensou que este jogo seria um meme”, diz uma resenha deixada na página na Steam do desenvolvedor de jogos Pirate Software.

“Na realidade, é incrivelmente detalhado, extremamente bem otimizado e muito convincente”, acrescenta.

Um jogador respondeu dizendo que estava “impressionado” e afirmou que o game tem potencial para se tornar “lendário”.

“Palworld” conta com mais de 100 personagens diferentes, chamados “Pals”, que podem ser capturados e transformados em aliados pelos usuários para novas aventuras.

O jogo integra elemento de batalha, captura de monstros, treinamento e construção de bases, de acordo com a descrição fornecida na Steam.

No entanto, nem tudo tem sido positivo para a empresa por trás de “Palworld”.

Estamos “recebendo comentários difamatórios contra nossos artistas e estamos vendo tweets que parecem ser ameaças de morte”, disse no X o diretor executivo da PocketPair, Takuro Mizobe.

Algumas pessoas acusaram nas redes sociais o estúdio de copiar explicitamente Pokémon, utilizando imagens de personagens e características muito similares do jogo e da franquia.

“É uma COMPLETA cópia”, lançou um usuário no X. “Outro desenho copiado, a culpa é sua, amigo”, comentou outro.

A saga “Prince of Persia” é conhecida por marcar a indústria dos jogos em diversos aspectos, seja pela qualidade das animações em 2D, por colocar o jogador em combates de espadas bem coreografadas ou pelo desafio elevado. O primeiro jogo foi desenvolvido pelo game designer Jordan Mechner e lançado em 1989, para os computadores Apple II e IBM-PC. Com o passar do tempo, a Ubisoft adquiriu os direitos da franquia e emplacou uma trilogia de sucesso no PS2, que aumentou ainda mais a base de fãs. Próximo de completar 35 anos, “Prince of Persia: The Lost Crown” chega em 15 de janeiro, em um formato que remete às origens da série.

O principal desafio da Ubisoft era desenvolver um game que não parecesse com um “Assassins Creed” com nome de “Prince of Persia”, afinal de contas, a ideia inicial que deu origem à franquia dos assassinos, surgiu a partir de um projeto de um novo “Prince of Persia”. Neste sentido, adotar um estilo de câmera em 2D, semelhante ao título de 1989 se mostrou um dos maiores acertos da Ubisoft nos últimos anos. O LeiaJá teve a oportunidade de testar o título na versão de PS5.

##RECOMENDA##

Pela primeira vez na franquia, o jogador não assume o controle do príncipe, mas sim do habilidoso guerreiro Sargon, que pertence a um grupo denominado de “Imortais”. Após vencerem uma batalha contra os Kushans, os campeões celebram o feito no castelo da Persia. Porém, o breve período de paz é interrompido quando um dos integrantes da equipe sequestra o príncipe Ghassan. Com isso, Sargon e seus companheiros partem em uma jornada para salvar a vida do futuro rei.

Apesar de “The Lost Crown” trazer de volta a câmera clássica, ele não se limita apenas às origens, mas também incorpora uma estrutura metroidvania (nome dado ao sub-gênero que mistura elementos das franquias Metroid e Castlevania), com foco na exploração do mapa. Por conta disso, será necessário ir e voltar aos mesmos lugares várias vezes e aprender novas habilidades, que vão permitir chegar a lugares que antes eram inalcançáveis. Para facilitar este processo, é recomendado usar e abusar dos marcadores de mapa, que ajudam a lembrar com mais precisão os pontos de interesse.

Além da exploração, o combate também é outro elemento que se mostrará presente ao longo de toda a aventura, com coreografias que transformam as lutas em uma verdadeira dança e impressiona pela fluidez dos movimentos, tal como o primeiro título da franquia. A novidade fica por conta da possibilidade de aparar os golpes dos inimigos, ao apertar o botão L2 no momento exato e realizar um contra-ataque. Essa é uma mecânica que será bastante útil tanto em inimigos comuns, quanto em chefes.

Vale destacar que para realizar um aparo, é necessário ficar atento ao tipo de golpe que o inimigo vai aplicar. Caso o ataque venha acompanhado de um brilho amarelo, significa que a defesa perfeita vai eliminar o adversário instantaneamente ou causar uma grande quantidade de dano. Por outro lado, as técnicas que acompanham um brilho vermelho são indefensáveis e para estes casos, a melhor escolha é a esquiva.

Outra mecânica que também deve ser bastante aproveitada ao longo da campanha, é o Athra, uma energia usada por Sargon e os demais guerreiros da equipe “Imortais”, que permitem a eles utilizar técnicas únicas durante os combates. Cada ataque especial consome uma barra de Athra, que é regenerada conforme o jogador ataca os inimigos ou realiza aparos perfeitos.

Desafio elevado

Por possuir diversos elementos de combates, não fica difícil imaginar que “The Lost Crown” não será um passeio no parque, principalmente nos níveis mais altos de dificuldade. Os inimigos encontrados ao longo da aventura não darão descanso e, até mesmo aqueles considerados mais simples são capazes de dilacerar Sargon com facilidade, caso o jogador cometa os mínimos erros.

Ao morrer, Sargon renasce no último ponto de controle ativado, que aqui é representado pelas árvores Wak-Wak, que são distribuídas em diferentes pontos do mapa. Embora no começo elas aparentam ser escassas, uma maior quantidade começa a ser revelada conforme o jogador desbrava o mapa. No entanto, se a morte acontecer durante uma luta de chefe, o jogador pode escolher renascer direto na arena, o que evita a frustração de ter que percorrer todo o caminho de volta até o local da batalha.

As árvores Wak-Wak também podem ser utilizadas para equipar as técnicas de Athra e os amuletos que melhoram os atributos de Sargon, como quantidade de vida, aumento de força dos ataques ou recuperação de energia.

A vida do protagonista pode ser recuperada ao coletar pequenas esferas douradas, que ocasionalmente dropam de inimigos derrotados; ou por meio de uma poção, que a princípio está disponível para ser usada apenas uma vez por tentativa, mas que com o tempo, permite aumentar a potência e a quantidade de usos. Uma mecânica semelhante à que é vista na franquia “Dark Souls”, da FromSoftware.

Além dos inimigos, também existe o fato de que level design faz questão de lembrar o jogador constantemente que ele ainda está jogando um “Prince of Persia”, já que os cenários estão repletos de áreas lotadas por espinhos, explosivos, areias movediças e armadilhas de lâminas.

Para superar esses desafios, será preciso dominar minimamente os controles e também ter uma boa coordenação motora. As habilidades adquiridas ao longo da aventura serão indispensáveis nesses trechos, pois são elas que permitem que Sargon deslize no ar, realize pulos duplos, alterne entre diferentes dimensões, se teletransporte de um ponto para outro ou faça acrobacias com o uso de um pano mágico. 

“Prince of Persia: The Lost Crown” é o retorno de uma franquia que marcou a história dos videogames em diferentes momentos e, este novo capítulo não apenas abre 2024 de uma maneira positiva, como também promete trazer novos ares para a saga.

O título ficará disponível na próxima segunda-feira (15), para aqueles que obtiveram a versão com acesso antecipado e será lançado globalmente em 18 de janeiro, para as plataformas PS4, PS5, Xbox One, Xbox Series X/S e Nintendo Switch por R$239,99; e PC por R$209,99.

Colaboração de Alfredo Carvalho para o LeiaJá

Lançado em 2021, o GTA Vice City vai ganhar uma versão feita por fãs, que já conta com um trailer de lançamento. O projeto é elaborado pelo grupo Revolution Team e terá motor gráfico de GTA IV. Além disso, o "remake"terá versão mais aprimorada de cenário, veículos, armas e outras melhorias. A versão do GTA Vice City não tem data definida de lançamento, no entanto, o projeto deve ser finalizado até 2025. 

Confira o trailer: 

##RECOMENDA##

[@#video#@]

 

Aos 13 anos, Willis Gibson, conhecido como "Blue Scuti" no universo dos games, bateu o recorde do Tetris. Ele chegou ao nível 157 e alcançou o inédito "true Killscreens", fase em que o jogo trava.

O game lançado pela Nintendo, em 1989, se tornou um clássico dos videogames de quebra-cabeça e parecia não ter fim. Antes do feito de Blue Scuti, existia a lenda de que o Tetris era um game infinito.

##RECOMENDA##

[@#video#@]

Além da velocidade absurda com que as peças começaram a cair, para atingir o score de 6.850.560, o garoto superou fases em que os blocos mudavam de cor e ficavam mais escuros para dificultar a visibilidade.

Em 2021, o jogador conhecido como "Cheez" conseguiu chegar ao nível 40 com uma nova estratégia de apertar os botões do joystick. O método de Chhez foi desenvolvido pelos fãs do Tetris e, rapidamente, o recorde disparou para 146 dando início a uma corrida para superar a marca.

Quando os competidores do Free Fire, popular jogo online de tiro, enfrentam a jogadora Mami Nena, poucos imaginariam que a pessoa por trás da tela do computador é uma idosa chilena de 81 anos.

María Elena Arévalo, uma idosa que mora em uma vila rural no Chile, adotou a identidade virtual de Mami Nena.

##RECOMENDA##

A mulher de cabelos pretos e óculos, geralmente com um avental, se posiciona diante das telas e ajusta sua mira letal para lutar nas ilhas virtuais.

Sua voz doce e suas postagens nas redes sociais a tornaram popular como a "vovó gamer". Hoje ela tem mais de quatro milhões de seguidores.

Para enfrentar a solidão que a dominou após a morte de seu marido, após 56 anos de casados, Arévalo entrou em 2020 para o mundo dos jogos.

Aproximadamente 42% dos idosos com mais de 80 anos no Chile se sentem solitários, um risco para a saúde mental, segundo um estudo da Universidade Católica do Chile.

Por sugestão de seu único neto, Héctor Carrasco, hoje com 20 anos, ela mergulhou no mundo digital. "Eu nem sabia o que era um mouse", lembra Arévalo.

Mas assim que aprendeu a jogar, especialmente Free Fire, ela se entusiasmou. Com seu personagem Mami Nena, como seu neto a chama, ela ficou conhecida como uma feroz rival que persegue seus oponentes escondidos atrás de árvores e construções.

"Eu não queria machucar ninguém", lembra. Mas com o tempo, ela gostou de "persegui-los e matá-los", afirma com um sorriso.

Arévalo praticou cerca de duas horas, três vezes por semana, por um ano, até ganhar os pontos necessários para alcançar a liga de classificação "Mestre", a segunda maior patente do jogo.

Como homenagem ao marido, ela nomeou o pássaro que segue sua personagem, Mami Nena, de Benito - como ela costumava chamar o esposo.

Três anos após começar sua aventura digital em sua casa em Llay-Llay, uma vila rural a 90 km de Santiago, atingiu quatro milhões de seguidores no TikTok - antes de terem roubado sua conta - e 700.000 inscritos no YouTube.

Ela interage com seus apoiadores, dá conselhos de jogabilidade no Free Fire e presenteia-os com o cobiçado "Passe de Elite", um benefício do jogo que permite acessar recompensas exclusivas como armas, trajes e medalhas.

Neste renascimento de María Elena Arévalo, seu neto foi crucial. "Ele me ensinou tudo o que sei. Sem ele, eu não estaria aqui", diz emocionada.

"Sinto que é como uma melhor amiga", acrescenta o jovem, que a acompanha sempre em seus vídeos.

Embora seja uma ótima jogadora de Free Fire, ela não entende muito bem como funcionam os celulares ou os computadores. Mas, para essa função, seu neto está presente.

Ele gerencia suas redes sociais, transmite suas partidas online e organizou sua única viagem fora do Chile até agora.

Graças ao seu sucesso no jogo, o Free Fire a reconheceu como uma das figuras influentes da plataforma e a levou para a Cidade do México em 2022, para o aniversário da marca.

"Todas as crianças (jogadores) pediam para eu dar autógrafos (...) Foi muito lindo. No dia em que eu me for, vou levar isso comigo", disse Arévalo.

Esta é uma paixão compartilhada por cada vez mais idosos ao redor do mundo. Entre eles, a japonesa Hamako Mori, de 93 anos, a gamer mais idosa do mundo.

No Chile, Mami Nena continua acumulando sucesso.

Em 21 de dezembro passado, foi reconhecida pela Universidade Católica e pelo jornal El Mercurio como uma das 100 Líderes Seniores do país por seu papel na redução dos estereótipos geracionais.

"Nunca imaginei isso. Eu jogava só por jogar, por estar lá, mexendo o dedo", comemorou após a cerimônia.

O código-fonte de Grand Theft Auto (GTA) 5 vazou na véspera de Natal, pouco mais de um ano após a desenvolvedora Rockstar Games ter seus dados corporativos roubados em uma outra invasão criminosa. Links para baixar o código-fonte foram compartilhados em vários canais, incluindo Discord, um site dark web e um canal no Telegram que já havia sido utilizado pelos hackers anteriormente, para vazar dados da empresa. Informações de GTA 6 e Bully 2 também foram vazadas. 

Em uma postagem em um canal de vazamento do game, o proprietário da conta, conhecido como “Phil”, postou links para o código e compartilhou uma captura de tela de uma das pastas, supostamente com o arquivo roubado. O dono do canal também prestou homenagem ao hacker Lapsus$ Arion Kurtaj, que anteriormente vazou vídeos de pré-lançamento de Grand Theft Auto 6 sob o nome de “teapotuberhacker”. Recentemente, no Reino Unido, Kurtaj foi condenado a internação hospitalar por tempo indeterminado, após invadir a Rockstar e a Uber. 

##RECOMENDA##

O código de GTA 6 vazado, por sorte, foi o que menos sofreu violações. Trata-se de um arquivo de Python que traz algumas linhas sobre implementação de animação e rig nos personagens. O arquivo está em uma pasta chamada "motionbuilder2014" e traz a "GTA 6 Config" relacionada ao "Project Americas", e não há informações detalhadas sobre o que se trata. 

Captura de tela da suposta leva de arquivos roubados da Rockstar (nomes em inglês). Reprodução/Twitter

A Rockstar Games foi hackeada em 2022 por membros do grupo de hackers Lapsus$, que obtiveram acesso ao servidor Slack interno da empresa e ao wiki do Confluence. Na época, os atores da ameaça alegaram ter roubado o código-fonte e os ativos do GTA 5 e GTA 6, incluindo uma versão de teste do GTA 6, com parte do conteúdo roubado vazando em fóruns e no Telegram. Os hackers também compartilharam amostras do código-fonte do GTA 5 como prova de que eles roubaram os dados. 

A Rockstar Games revelou que esses ataques e vazamentos já custaram mais de US$ 5 milhões (cerca de R$ 24 milhões) aos cofres da empresa, conforme apuração da GamesRadar. 

 

As autoridades chinesas divulgaram nesta sexta-feira (22) um projeto de regulamentação para a indústria de jogos online. As propostas incluíam proibir menores de dar gorjeta aos jogadores e limitar os gastos dos usuários no jogo.

As empresas de jogos não estão autorizadas a definir recompensas para induzir comportamentos como prêmios por logins diários, recargas pela primeira vez ou recargas contínuas, de acordo com o projeto de proposta divulgado pela Administração Nacional de Imprensa e Publicações (NPPA, na sigla em inglês).

##RECOMENDA##

A proposta também proíbe menores de dar gorjetas a anfitriões que transmitem jogos ao vivo e impede que empresas ofereçam serviços de loteria baseados em probabilidade para usuários menores de 18 anos.

A NPPA disse que busca comentários públicos sobre as regras até 22 de janeiro de 2024. Fonte: Dow Jones Newswires.

O grupo japonês Sony anunciou que o console de jogos PlayStation 5 superou a marca de 50 milhões de unidades vendidas, três anos após o lançamento.

"Graças ao apoio dos fãs do PlayStation no mundo inteiro, o console PS5 teve um forte impulso este ano, estimulado por uma série de jogos muito populares", afirmou a Sony em um comunicado.

##RECOMENDA##

As vendas foram sustentadas pelo lançamento de jogos de sucesso como "Marvel’s Spider-man 2", que vendeu 2,5 milhões de exemplares nas primeiras 24 horas no final de outubro, "Baldur’s Gate 3" e "Alan Wake 2".

A produção e os envios do PS5, lançado em novembro de 2020, em plena pandemia del covid-19, foram afetadas pela escassez de semicondutores e as dificuldades na cadeia global de abastecimento devido às medidas sanitárias em muitos países.

"Estamos empolgados porque esta é o primeiro período de festas de fim de ano desde o lançamento do PS5 em que dispomos de um estoque completo de consoles PS5. Então, qualquer pessoa que deseja adquirir pode conseguir", afirmou Jim Ryan, presidente e CEO da Sony Interactive Entertainment.

O número foi alcançado 161 semanas após o lançamento do PS%, apenas uma semana a mais que as 160 necessárias para a venda de 50 milhões de unidades do PlayStation 4, lançado em 2013, segundo números compilados pelo jornal Financial Times.

Em todo o ciclo desde o lançamento, o PS4 vendeu mais de 117 milhões de unidades, segundo o site especializado VGChartz.

Entre todos os modelos, o console mais vendido da história foi o PlayStation2, com mais de 158 milhões de unidades.

A franquia de filmes “Avatar”, do cineasta canadense James Cameron, se consolidou em 2010, como uma das maiores experiências 3D do cinema, seja pelos efeitos especiais ou pelo enredo envolvente. A aguardada sequência “O Caminho da Água” estreou nas telinhas em 2022 e, em dezembro, o game “Avatar: Frontiers of Pandora” foi lançado pela Ubisoft, com a promessa de expandir este universo e agradar os jogadores que são fãs da saga. O LeiaJá pode testar o título na versão de Playstation 5.

O jogador assume o controle de um Na’Vi (nome da raça que habita o planeta Pandora), que pertence a um grupo de crianças que foram sequestradas por uma equipe de humanos e afastados de suas culturas. O título se passa após os eventos do primeiro filme, quando Jake Sully domina a criatura lendária Toruk Makto e expulsa a grande maioria dos seres humanos de Pandora.

##RECOMENDA##

Após esses acontecimentos, o grupo de crianças é colocado para hibernar por 17 anos e o game se inicia no momento em que eles acordam. O protagonista se trata de um personagem criado pelo próprio jogador, onde é possível definir detalhes do rosto, proporção do corpo e sexo. A princípio, será preciso fugir das ruínas de uma base, mas não demora muito para que o título introduza um vasto mundo aberto.

Um dos grandes acertos de “Frontiers of Pandora” é o seu visual deslumbrante, que consegue transmitir com fidelidade os cenários vistos nos filmes de James Cameron. Tudo em Pandora é um espetáculo à parte, desde as vegetações, vida animal, água e efeitos de luzes, que conseguem impressionar tanto no modo gráfico, quanto no modo desempenho.

Vale destacar que assim como em outros títulos da Ubisoft, este também conta com inúmeras tarefas secundárias distribuídas pelo vasto mapa, que buscam estender o tempo de duração do game. Contudo, essas missões tendem a ficar repetitivas após serem realizadas diversas vezes. Outro problema é que a narrativa do game se desenvolve de uma maneira lenta, o que torna a parte inicial bastante arrastada.

Além de uma skin de Far Cry

Logo quando foi anunciado, muitos jogadores se questionaram se “Frontiers of Pandora” seria apenas um game de “Avatar” com a estrutura de “Far Cry” (outra franquia famosa da Ubisoft). Muito disso foi validado com o gameplay em primeira pessoa e também pelo combate. Porém, existem diversos recursos que tornam o game bem único.

Da mesma maneira que é mostrado nos filmes, os Na’Vis são seres com o dobro de tamanho dos humanos e essa proporção é visível durante o gameplay. Outra característica, é o sentido Na’Vi, que funciona como uma espécie de bússola e serve para indicar a direção dos objetivos. O ponto fraco, é que este radar é bastante impreciso e pode deixar o jogador confuso em diversos momentos.

Para se locomover no mapa, o jogador também contará com um Ikran (uma criatura alada) que servirá como principal meio de transporte ao longo da jornada. Também é possível utilizar outras montarias, ao se aproximar com calma de alguns animais selvagens e domá-los.

Assim como em Far Cry, também é possível caçar animais selvagens para recolher alimentos e outros recursos. Mas, caso o jogador abuse demais desta matança, ele será punido pelo planeta Pandora, sendo impedido de utilizar montarias ou o sentido Na’Vi por um tempo de um minuto.

Combate repetitivo

A maior falha de “Frontiers of Pandora” é a pouca diversidade de inimigos, que torna o combate repetitivo a longo prazo. Durante a maior parte da aventura, o jogador terá que lidar com alguns inimigos de armaduras, que possuem aproximadamente quatro variações.

Outro ponto que pode desagradar alguns jogadores, são os níveis de dificuldades, que não oferecem um desafio real, já que apenas aumentam artificialmente a resistência dos inimigos e reduz a quantidade de dano que o personagem pode receber.

‘Avatar: Frontiers of Pandora’ é um game que consegue oferecer uma experiência bastante sólida, que deve agradar principalmente os fãs da franquia de filmes. Com um visual rico, o título é bem sucedido em fazer o jogador se sentir um verdadeiro Na’Vi, por outro lado, a jornada cai em algumas repetições durante o percurso. O título está disponível para Playstation 5 e Xbox Series X/S e por R$329,90; e PC por R$299,99.

Colaboração de Alfredo Carvalho para o LeiaJá

No último dia 30 de novembro, a Rockstar Games anunciou que GTA: The Trilogy - The Definitive Edition estaria disponível sem custo adicional para os assinantes da Netflix. Agora, a espera acabou, e já é possível encontrar os títulos GTA 3, GTA: Vice City e GTA: San Andreas em modo jogável na plataforma, mas apenas na versão mobile para os sistemas Android e iOS. Para jogar, basta abrir o aplicativo no celular e buscar a aba "Jogos". Os três títulos são gratuitos e foram remasterizados. 

Todos os três jogos são otimizados para serem jogados em dispositivos móveis, mas o usuário também tem a opção de sincronizar um controle compatível. Além disso, GTA: The Trilogy no celular vem com um novo modo de iluminação clássica que "restaura a aparência do céu nos jogos originais". 

##RECOMENDA##

[@#video#@] 

Lançada inicialmente em 2021 para consoles e PC, a trilogia enfrentou críticas dos jogadores devido a vários problemas técnicos e visuais. O feedback adverso levou ao adiamento do lançamento mobile. A Rockstar parece ter levado o feedback em consideração, com o objetivo de oferecer uma experiência de jogo refinada neste último lançamento. 

Para usuários móveis não assinantes da Netflix, os jogos estão disponíveis para compra individual. GTA: Vice City e GTA 3 estão custando R$ 24,99, enquanto GTA: San Andreas custa R$ R$ 19,99. 

 

A Sony Interactive Entertainment (SIE) realizou, nesta semana, o PlayStation Partner Awards 2023 Japan Asia para reconhecer e premiar alguns dos melhores títulos do PlayStation 5 e do PlayStation 4 que viraram grandes sucessos ao longo do último ano. Três títulos levaram o Grand Award, sete ficaram com o Partner Award, três conquistaram o Special Award e cinco ganharam o Users’ Choice Award (categoria voltada para jogos selecionados pelos usuários nas regiões do Japão e da Ásia). Esta é a 29º edição desse prêmio histórico, que começou como PlayStation Awards após a criação do PlayStation original, em 1994.

Grand Award

##RECOMENDA##

Concedido aos três principais títulos desenvolvidos nas regiões do Japão e da Ásia com o maior número de vendas em todo o mundo entre outubro de 2022 e setembro de 2023.

Genshin Impact – HoYoverse.

Resident Evil 4 – Capcom Co., Ltd.

Final Fantasy XVI – Square Enix Co. Ltd.

Partner Award

Concedido a títulos desenvolvidos na região do Japão e da Ásia que tiveram destaque em vendas globais de outubro de 2022 a setembro de 2023.

Armored Core VI: Fires of Rubicon – FromSoftware, Inc.

eFootball 2023 – Konami Digital Entertainment, Inc.

Wo Long: Fallen Dynasty – Koei Tecmo Games Co., Ltd.

Elden Ring – FromSoftware, Inc.

Crisis Core Final Fantasy VII Reunion – Square Enix Co. Ltd

Street Fighter 6 – Capcom Co., Ltd.

Sonic Frontiers – Sega.

Special Award

Concedido a títulos desenvolvidos fora da região do Japão e da Ásia que alcançaram as maiores vendas no Japão e na Ásia entre outubro de 2022 e setembro de 2023 no PS5. Também concedido a jogos desenvolvidos na região do Japão e da Ásia durante o mesmo período que se destacaram por seus recursos de acessibilidade excepcionais.

Hogwarts Legacy – Warner Bros. Japan LLC.

Street Fighter 6 – Capcom Co., Ltd.

VR de Resident Evil Village – Capcom Co., Ltd.

Users’ Choice Award

Concedido aos cinco melhores títulos lançados no Japão e Ásia entre outubro de 2022 e setembro de 2023, selecionados de acordo com os votos dos usuários da região.

Armored Core VI: Fires of Rubicon – FromSoftware, Inc.

Resident Evil 4 – Capcom Co., Ltd.

Final Fantasy XVI – Square Enix Co. Ltd.

Persona 5 The Royal  – Atlus. Co., Ltd.

Hogwarts Legacy – Warner Bros. Japan LLC.

O jogo de estratégia ambiental Terra Nil vai ser lançado no Nintendo Switch no próximo dia 18 de dezembro. Disponível para PC e mobile no início do ano, o game conquistou admiradores pela proposta de construir espaços naturais saudáveis ao invés de grandes cidades.

Um novo trailer foi lançado pela desenvolvedora Free Lives em parceria com a Devolver Digital, que descreve o jogo como uma "reviravolta calma e meditativa no gênero de construção de cidades". No lugar de prédios e rodovias, o Terra Nil oferece tecnologia ecológica ao jogador para que um terreno estério dê lugar a um ecossistema próspero.

##RECOMENDA##

"Traga a vida de volta a um mundo sem vida purificando o solo, limpando os oceanos, plantando árvores e reintroduzindo a vida selvagem, e depois saia sem deixar rastros", destaca a editora. O conceito rendeu duas indicações no The Game Awards 2023, nas categorias Jogo de Impacto e Melhor Jogo Mobile.

[@#video#@]

A Garena em parceria com o e-commerce de moda Lolja, lançou uma coleção de roupas inspiradas no jogo Free Fire, que conta com dez estampas diferentes nos modelos de regata, manga curta e manga longa - ambos já disponíveis no site: https://www.lojadofreefire.com.br/.

Os produtos são baseados nos personagens: Hayato, Shiro, Álvaro, Kelly, aPets PaTopinho e Dom Pisante. Um deles faz referência à calça angelical, um dos itens mais requisitados no game. A colaboração será expandida em breve, com  modelos de estampas e camisetas inéditas.

##RECOMENDA##

O Free Fire também realizará coleções em parceria com influenciadores do jogo. A primeira linha de roupas desta categoria, é assinada pelo streamer Gabriel Lemos, mais conhecido como Bak. Há modelos de regata, manga curta e longa nas cores preta e branco.

Camilota XD, Freitas e Weedzão também estão na lista de lançamentos em colaboração com a Loja Oficial do game. 


 

O trailer do aclamado jogo de videogame "Grand Theft Auto 6" (GTA) ultrapassou as 100 milhões de visualizações no YouTube nesta quarta-feira (6), apenas 30 horas após sua publicação na segunda-feira.

O trailer, também publicado por sua desenvolvedora Rockstar Games, na rede social X (antigo Twitter) na segunda-feira, informou o lançamento para 2025, 12 anos após a estreia de GTA 5, o segundo jogo de videogame mais vendido da história.

##RECOMENDA##

A publicação da primeira prévia de GTA 6, prevista para terça-feira, teve que ser antecipada devido a um vazamento. A expectativa era tanta que o vídeo ultrapassou 60 milhões de visualizações no YouTube em 12 horas, quebrando o recorde do YouTuber americano MrBeast.

O conteúdo, no entanto, não atingiu o recorde de reproduções em 24 horas na plataforma, que ainda pertence ao grupo coreano BTS, com mais de 108 milhões de acessos no videoclipe da música "Butter".

O vídeo acumulou nove milhões de curtidas, mas muitos comentaram sobre o tempo decorrido entre a quinta e a sexta edição do jogo. "Nesse ritmo, ainda tenho cerca de três GTAs na minha vida", escreveram os YouTubers The Slow Mo Guys em resposta ao trailer.

Nesta terça-feira (5), a premiação Brazil Game Awards revelou os ganhadores da edição de 2023. Com destaque para Baldur's Gate 3, que ganhou três categorias, incluindo: Jogo do Ano, Melhor RPG e Multiplayer. Seguido de Forza Motorsport (Turn 10/Xbox Game) e The Legend of Zelda: Tears of the Kingdom (Nintendo EPD) - ambos venceram duas categorias cada. 

Veja a lista completa:

##RECOMENDA##

Jogo do Ano: Baldur's Gate 3 (Larian Studios)

Jogo Brasileiro do Ano: Pocket Bravery (Statera Studio/PQube)

Jogo Mais Aguardado – 2024: Final Fantasy VII Rebirth (Square Enix)

Melhor Jogo Original: Hi-Fi RUSH (Tango Gameworks/Bethesda Softworks)

Melhor Periférico/Hardware: ROG Ally (ASUS)

Melhor Jogo de Tiro: Cyberpunk 2077: Phantom Liberty (CD Projekt RED)

Melhor Jogo de Ação e Aventura: The Legend of Zelda: Tears of the Kingdom (Nintendo EPD/Nintendo)

Melhor Jogo de Luta: Street Fighter 6 (Capcom)

Melhor RPG: Baldur's Gate 3 (Larian Studios)

Melhor Jogo de Corrida: Forza Motorsport (Turn 10/Xbox Game Studios)

Melhor Jogo de Esporte: Forza Motorsport (Turn 10/Xbox Game Studios)

Melhor Jogo de Estratégia: Pikmin 4 (Nintendo EPD/Nintendo)

Melhor Jogo para a Família: Super Mario Bros. Wonder (Nintendo EPD/Nintendo)

Melhor Jogo Mobile: FINAL FANTASY VII EVER CRISIS (Applibot/Square Enix)

Melhor Multiplayer: Baldur's Gate 3 (Larian Studios)

Melhor Trilha Sonora: The Legend of Zelda: Tears of the Kingdom (Nintendo EPD/Nintendo)

Melhor Estúdio: Larian Studios

Melhor Publisher: Capcom

Melhor Jogo Independente: Sea of Stars (Sabotage Studio)

Melhor Dublagem em Português: Marvel's Spider-Man 2 (Insomniac Games/SIE)

Melhor Equipe de eSport do Brasil: LOUD

Melhor atleta de eSports do Brasil: Gabriel "Fallen" Toledo de Alcântara Sguario (FURIA)

Melhor Atleta Feminina de eSports do Brasil: Julia "Jelly" Iris (LOUD Female)

Melhor Jogo de eSports: League of Legends (Riot Games)

O estúdio Rockstar Games lançou nesta segunda-feira (4) o primeiro trailer oficial do tão esperado jogo "Grand Theft Auto 6", popularmente conhecido como 'GTA', dez anos após o lançamento do último título da adorada série de videogames, e marcou seu lançamento para 2025.

Um vídeo divulgado pela empresa no YouTube, antes do previsto devido a um vazamento, mostra que o jogo será ambientado na fictícia Vice City, inspirada em Miami, e apresentará, pela primeira vez, um personagem feminino como protagonista.

##RECOMENDA##

O lançamento do primeiro vislumbre do GTA 6, programado para terça à noite, teve que ser antecipado devido a um vazamento.

"Nosso trailer vazou, então veja a versão real", escreveu a Rockstar Games, desenvolvedora do jogo, em uma mensagem no YouTube.

O vídeo acumulou cerca de dois milhões de curtidas em seus primeiros 30 minutos online.

Lançado há uma década, GTA 5 vendeu cerca de 190 milhões de cópias, de acordo com a Take-Two Interactive (do conglomerado Rockstar), tornando-se o videogame mais vendido nos Estados Unidos na última década, com base nas vendas unitárias.

A franquia completa do GTA vendeu 410 milhões de cópias até o momento, segundo a Take-Two.

O analista da Wedbush, Nick McKay, estima que o quinto jogo, somado a uma expansão multijogador massivo online, gerou quase US$ 10 bilhões (R$ 49 bilhões) em receitas.

Com o enorme sucesso de vendas, também veio uma onda de controvérsias. Críticos do título acusaram o jogo de glorificar a violência e incentivar os jogadores a adotar comportamentos criminosos. Executivos da Take-Two negaram essas acusações.

No mundo fictício do GTA, um jogo fortemente influenciado pela cultura de gangues e música rap, os jogadores vendem drogas, lutam, roubam, assaltam e fogem das autoridades, entre outras coisas.

O título também oferece modos de jogo que incluem conteúdo sexual, interações em clubes de striptease, violência e assassinatos.

Em versões anteriores, os jogadores podiam assumir papéis na máfia italiana ou seguir os passos de chefes do crime como Tony Montana, o "Scarface".

GTA 5 incluía personagens transgêneros, mas "eram trabalhadoras do sexo caricaturizadas como mulheres transgêneros grotescas", disse Blair Durkee, diretora associada de videogames na GLAAD, uma organização sem fins lucrativos que defende a comunidade LGBTQ.

Segundo Durkee, não é difícil encontrar vídeos na internet em que jogadores agridem personagens trans com tacos de beisebol dentro do jogo.

"Esperamos realmente que o GTA 6 reflita uma atitude mais inclusiva em relação aos personagens e jogadores LGBTQ", disse Durkee.

Historicamente, os protagonistas do GTA têm sido personagens cheios de falhas, mas agradáveis em um mundo virtual "inspirado na loucura do que lemos nas notícias diárias", segundo o analista McKay.

"Posso jogar a narrativa principal, ou simplesmente explorar o mundo e causar o caos para passar o tempo", disse McKay. "Muito poucas coisas estão fora do alcance do jogador."

A Rockstar tem adicionado constantemente novo conteúdo à sua versão online do GTA, que é gratuita e inclui opções de compra de itens dentro do jogo.

Até o dia 8 de dezembro, estão abertas as inscrições para o torneio de jogo Honor Of Kings “Copa Intel”, realizado em parceria com a empresa de tecnologia de mesmo nome. A competição inicia no dia 9 de dezembro e os interessados podem se inscrever na plataforma: Hok Club.

Para participar, é necessário que os jogadores tenham mais de 18 anos, residência no Brasil e uma equipe completa. Também haverá a participação dos influenciadores Daniel “Tealzlol” Menezes e Leonard "LeoVeio" Yahata. Além de uma premiação em dinheiro que soma o total de R$ 23.500. 

##RECOMENDA##

Entre os dias 9 e 10 de dezembro acontece a fase inicial, onde os times serão divididos em duas chaves, cada uma representando os influenciadores, Tealzol e LéoVeio. O formato será eliminação única, com partidas melhor de três (MD3); os dois finalistas de cada chave vão para o melhor de cinco (MD5); e a melhor equipe de cada chave representará os influencers na Grande Final.

As Finais das Chaves ocorrem  no dia 16 de dezembro, e a Grande Final no dia 17. Tealzol e LéoVeio terão uma partida melhor de três (MD3) no modo Mini Rift. Após o duelo, eles assumem o posto de treinadores de seus times, em partidas melhores de sete (MD7). Ambas competições serão transmitidas no canais oficiais de Honor of Kings Brasil, com narração de Toboco e comentários de Kurama Show.

1º lugar - R$ 11.750

2º lugar - R$ 5.875

3º lugar e 4º lugar - R$ 2.350 cada

MVP - R$ 1.175

Na próxima sexta-feira (8), acontece a estreia do jogo “O Arqueólogo na Cidade de Guarulhos” no site: http://www.guarulhos.sp.gov.br/arqgru. Criado pelo designer, cartunista e escritor Marcos Cárfora, o game comemora o aniversário de 463 anos do município. 

Voltado para crianças, o jogo é dividido em módulos que ensinam os símbolos municipais, como a bandeira e o hino de Guarulhos; além dos bairros da cidade, pontos turísticos e momentos históricos. Em breve, também haverá atualizações para ampliar a interatividade, diversão e instrução.

##RECOMENDA##

Foi feito um trabalho de pesquisa, com visitas ao Acervo Histórico Municipal, além de bibliotecas e consultas em sites confiáveis. Eu também pude contar com o apoio de amigos da Prefeitura e do historiador Elton Soares de Oliveira, que é um grande especialista em nossa cidade. Espero que esse jogo possa trazer muito conhecimento às pessoas por meio da diversão e da interação com o meu personagem, o arqueólogo”, explica Cárfora.

O diretor do Departamento de Ciência, Tecnologia e Inovação da Secretaria de Desenvolvimento Científico, Econômico, Tecnológico e de Inovação, Marcos Aurélio Fernandes Garcia, destaca os aspectos positivos do projeto: “Além de termos construído uma parceria que não gerou qualquer custo para os cofres públicos, obtivemos um produto que concentra muito conhecimento sobre nossa cidade em um formato lúdico, divertido e acessível a todos os cidadãos”, comenta.

A PlayStation, anunciou hoje (30), os novos títulos disponíveis para membros dos planos Essential, Extra e Deluxe do PlayStation Plus no mês de dezembro. Títulos como Lego 2K Drive, Powerwash Simulator e Sable ficarão disponíveis a partir desta terça-feira, 5 de dezembro, até segunda-feira, 1 de janeiro de 2024. Já nesta segunda-feira (4), os usuários do serviço terão a última chance para adicionar Mafia II: Definitive Edition, Dragon Ball: The Breakers e Aliens: Fireteam Elite em sua biblioteca de jogos. Confira a seguir, as informações dos três jogos disponíveis: 

Unidade Lego 2K - A Bricklandia é um lar de uma enorme aventura de condução Lego em mundo aberto. Corra em qualquer lugar, jogue com qualquer um, construa os veículos dos seus sonhos e derrote um elenco de rivais de corrida selvagens pelo cobiçado Sky Trophy. Corra pelas ruas, mares e areias enquanto constrói os brinquedos dos seus sonhos, tijolo por tijolo, e aproveite o extenso modo de história do Lego 2K Drive. Jogue nos modos online Play With Friends e Play With Everyone habilitados para crossplay. Explore suas habilidades nos modos Cup Series e Race. De minijogos a missões secundárias, é uma série de diversão repleta de veículos.  

##RECOMENDA##

Simulador de lavagem de energia - Pegue sua lavadora de alta pressão e elimine a sujeira de veículos, edifícios, parques e muito mais. O PowerWash Simulator é uma limpeza satisfatória onde o estresse é baixo e a pressão da água é alta. Use seus ganhos como lavador profissional para atualizar sua coleção de lavadoras, bicos, fluidos de limpeza e extensões, permitindo que você execute trabalhos maiores e deixe-os totalmente limpos com maior eficiência. Deixe sua marca sozinho na cidade coberta de terra de Muckingham ou relaxe no modo cooperativo online. 

Zibelina - Embarque em uma viagem única e guie Sable em seu deslizamento; um rito de passagem que a levará através de vastos desertos e paisagens fascinantes, coroadas por restos de naves espaciais e maravilhas antigas. Explore as dunas em sua hoverbike, escale ruínas monumentais e encontre outros nômades enquanto desvenda mistérios há muito esquecidos e descobre quem ela realmente é por trás de sua máscara. Com seu estilo de arte único e trilha sonora original de Japanese Breakfast, se envolva no mundo de Sable e explore no seu próprio ritmo. 

 

Páginas

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando