Tópicos | filmes

Estão abertas as inscrições para o Concurso de Cosplay que acontece durante a Comic Con Experience (CCXP), entre os dias 5 e 8 de dezembro, na zona sul de São Paulo.

O concurso será individual e com temas de personagens da cultura pop dos quadrinhos, cinema, games, séries, filmes e músicas. Para participar é preciso preencher o formulário no site da CCXP até o dia 28 de outubro. A primeira etapa classificatório acontece pela internet. O prêmio para quem levar o título de Master Cosplay, na última fase do concurso, é um carro zero quilômetro, além de credenciais Full Experience para a CCXP20.

##RECOMENDA##

O público vai poder votar nos seus cosplays preferidos pelo site, entre 29 de outubro e 11 de novembro. No dia 12 de novembro serão conhecidos os finalistas, que vão ganhar credenciais para os quatro dias do festival e participar da grande final que será no dia 8 de dezembro. O cosplayer italiano Leon Chiro faz parte do grupo de jurados do concurso.

Entre quinta-feira e sábado, na semana do festival, acontecem os desfiles dos cosplayers no Creators Stage, porém eles não fazem parte do concurso. Quem estiver no evento e quiser participar pode fazer sua inscrição no Cosplay Universe, uma área exclusiva para os artistas de cosplays. O espaço terá um camarim com guarda-volumes, espelhos, bancadas para maquiagem, provadores e cosplay helper.  

A sexta-feira está chegando e, com ela, o fim de semana. Está com vontade de ver aquele filme no cinema, mas não sabe qual assistir? Confira abaixo a lista com os principais lançamentos da semana:

##RECOMENDA##

 

Malévola 2: Dona do Mal – Sequência do filme de 2014, o longa acompanha Aurora (Elle Faning) agora noiva do príncipe Philip (Harry Dickson). Só que Malévola (Anjelina Jolie) não aprova a união. Para provar o contrário, a princesa resolve levar a sua fada-mãe para conhecer a família de seu futuro pretendente. Lá, ela conhece Ingrith (Michelle Pfiffer), uma rainha que está disposta a fazer de tudo para afastar Malévola de Aurora. Além de Jolie, Faning e Pfiffer, o elenco ainda conta com Chiwetel Efajor e a direção fica a cargo de Joachim Ronning.

 

 

A Luz no Fim do Mundo – Dirigido, roteirizado e estrelado por Casey Affleck, o filme mostra a terra numa realidade pós-apocalíptica, onde uma pandemia eliminou quase todas as mulheres do planeta há dez anos, restou apenas uma menina, Rag (Anna Pniowsky), que precisa sobreviver ao caos junto com o seu pai (Casey). Além de Affleck e Pniowsky, Elizabeth Moss (The Marvelous Mrs. Maisel) integra o elenco.

 

 

Meu Nome é Daniel –   O documentário, estrelado e dirigido pelo próprio Daniel de Castro Gonçalves, foi gravado em primeira pessoa e mostra Daniel relembrando a sua infância através de relatos de seus pais, para entender a doença que tem desde que nasceu e nenhum médico conseguiu identificar. Enquanto no presente, ele busca por respostas para entender melhor a sua doença.

Fotos: Divulgação/IMDB

Por Pietro Tenório

Em 1998, Fernanda Montenegro invadia os cinemas na pele de Dora, no filme "Central do Brasil". A professora aposentada, que escrevia cartas em uma estação de trem para complementar o salário, emocionou espectadores mundo afora. A atuação de Fernanda Montenegro rendeu indicação ao Globo de Ouro de Melhor Atriz, mesma categoria que levou Arlete Pinheiro, seu nome verdadeiro, a ser ovacionada no Oscar daquele mesmo ano pelo ator Jack Nicholson.

Aclamada por onde passa, Fernanda continua dando suporte à arte brasileira com o seu talento fortificante. Entre inúmeros personagens que deu vida na televisão, teatro e cinema, "Fernandona" foi contemplada com trabalhos impactantes, destaque para Bia Falcão (novela Belíssima), Charlô (novela Guerra dos Sexos) e Zulmira (filme A Falecida). 

##RECOMENDA##

Premiada pelas atuações, e até com um Emmy Internacional no currículo pela obra de "Doce de Mãe", a atriz é referência no mundo artístico. Para celebrar os seus 90 anos nesta quarta-feira (16), o LeiaJá listou cinco filmes que exaltam a história de Fernanda Montenegro.

Central do Brasil

O Auto da Compadecida

Casa de Areia

Eles Não Usam Black-Tie

O Outro Lado da Rua

Estão abertas as inscrições para curtas-metragens da 12° edição do Janela Internacional de Cinema do Recife. Os realizadores interessados devem se inscrever através deste link, onde estão disponibilizados regulamento e formulários de inscrição.

A competição será dividida entre curtas nacionais e internacionais, disputando premiação do júri. As inscrições seguem até a próxima sexta-feira (18).

##RECOMENDA##

O festival segue em campanha de financiamento coletivo para realização neste ano. Em menos de cinco dias, o evento já arrecadou cerca de 30% da meta almejada, no valor de R$ 30.000.

 A campanha, no ar até o dia 7 de novembro deste ano, pode ser acessada pelo Benfeitoria. A iniciativa de crowdfunding segue modelo já adotado por outros eventos importantes do audiovisual brasileiro, como o Festival do Rio. Em mais de uma década de história, o Janela trouxe ao Recife desde clássicos até estreias mundiais, contribuindo para a tradicional cena do cinema recifense.

O mais antigo festival etnográfico do Brasil inicia nesta quinta feira (3), até o domingo (6) na Aliança Francesa, no Derby, área central do Recife. O 9º Festival Internacional do Filme Etnográfico do Recife Exibe e premia produções que abordam a cultura, saberes, artes e práticas popular.

Nesta edição a programação é composta por 21 filmes, muitos realizados no exterior. O festival também abre espaço para filmes que retratam a cultura dos povos indígenas. Para maiores informações e conferir a programação completa, clique aqui.

##RECOMENDA##

Serviço

9º Festival Internacional do Filme Etnográfico do Recife

3 a 6 de outubro | 18h30

Auditório da Aliança Francesa – Rua Amaro Bezerra 466, Derby

Não faz muito tempo que a Amazon causou um rebuliço na internet ao anunciar o seu pacote Prime, com diversos serviços por R$ 9,90. Por conta do valor, muita gente resolveu correr atrás da assinatura para ter acesso a séries premiadas, filmes, frete grátis e outros benefícios prometidos pela companhia. Uma dessas benesses é o Prime Video, serviço de streaming da gigante, que já operava em território nacional e que teve uma redução no valor para se juntar ao pacote.  

Para quem vai abrir o aplicativo de vídeo pela primeira vez, no auge da emoção da novidade, o catálogo pode parecer um mundo novo - cheio de possibilidades - ou um pequeno deserto de títulos medianos. Venhamos e convenhamos, a popularização dos serviços de streaming veio com a Netflix. A empresa chegou ao Brasil em 2011 e não é apenas pioneira, mas referência quando se fala em serviços de assinatura de vídeo.

##RECOMENDA##

Porém, assim como o império Romano, a plataforma passou pela fase de ascensão, teve seu apogeu e tem que correr para não entrar em uma queda verticalizada pelo crescimento da concorrência. Para o consumidor, acostumado com títulos como Stranger Things e La Casa de Papel ou até mesmo, assíduo telespectador das 10 temporadas de Friends, encontrar algo em terreno desconhecido pode não ser assim tão fácil. Afinal, existe vida fora da Netflix?

Se você ficou empolgado com os preços da Amazon, mas não tem ideia por onde começar no catálogo do Prime Video, listamos três categorias, entre filmes e séries, para você dar o pontapé inicial.

Para quem gosta de humor ácido

Fleabag (2 temporadas): Criada e protagonizada por Phoebe Waller-Bridge, é uma obra britânica, produzida pela Amazon em parceria com a BBC. O enredo traz uma mulher com cerca de 30 anos que enfrenta as agruras e os prazeres de relacionamentos amorosos e familiares, enquanto tenta lidar com a morte da melhor amiga, que se suicidou acidentalmente. Com muita quebra da quarta parede, diálogos bem construídos e boas interpretações a série foi a grande vencedora do Emmy Awards deste ano, conquistando seis importantes prêmios.

The Marvelous Mrs Maisel (2 temporadas): Se você gostou do trabalho do casal Amy Sherman-Palladino e Daniel Palladino em The Gilmore Girls, é possível que goste de Mrs. Maisel. Estrelada por Rachel Brosnahan, no papel de Miram "Midge" Maisel, a série mostra uma dona de casa que descobre que tem um talento especial para a comédia stand-up. Os diálogos rápidos, cheios de referências, que são marca registrada do casal Palladino, estão lá com o toque ácido de humor em situações da vida conjugal. Em sua estreia, a série conquistou três Globos de Ouro e cinco Emmys, incluindo Melhor Série de Comédia e Melhor Atriz numa Série de Comédia para Brosnahan. 

Homens? (1 temporada): Com produção do Porta dos Fundos e protagonizada por Fábio Porchat, a série brasileira pode ser considerada um achado. Com 8 episódios, ela é focada nas histórias de Gustavo (Gabriel Godoy), Pedrinho (Raphael Logam), Pedro (Gabriel Louchard) e Alexandre (Porchat), amigos de longa data que enfrentam um problema: um deles não consegue mais ter ereções. A partir desse mote a série começa a discutir temas relacionados ao machismo em relacionamentos, no trabalho, nas amizades e na forma como os homens são direcionados a enxergar certas situações. Os diálogos são recheados de humor, mas também bastante parecidos como conversas que você poderia ter com seus amigos. Além, é claro, da participação de Rafael Portugal, como o pênis de Alexandre.

Tiro, porrada e bomba

The Boys (1 temporada):  Já faz algum tempo que o mundo dos quadrinhos vêm invadindo as produções televisivas e cinematográficas. The Boys, surfa nessa onda com base nas HQs homônimas de Garth Ennis e Darick Robertson, que de longe retratam a virtude comum dos personagens com super-poderes. Em The Boys, descobrimos que "no mundo real" grandes poderes podem dizer grandes irresponsabilidades. Os personagens de capa e collant têm caráter duvidoso e recebem ajuda de grandes corporações que cuidam da imagem, publicidade e produtos relacionados à eles - muito parecido com as celebridades do nosso universo. O protagonista Hughie Campbell (Jack Quaid), perde a namorada em um estranho encontro com um desses famosos supers e para ajudá-lo em sua vingança (e com seus próprios objetivos), Billy Butcher (Karl Urban) monta um time que deve controlar os incontroláveis super-heróis.

Jack Ryan (1 temporadas): Jack Ryan é um personagem famoso da literatura americana, criado pelo escritor Tom Clancy's. Tanto que já foi interpretado por nomes como Alec Baldwin, Harrison Ford, Ben Affleck e Chris Pine. Agora, quem assume o cargo de analista da CIA é John Krasinski (The Office e Um Lugar Silencioso). Ele precisa achar as respostas para impedir uma crescente ameaça terrorista que oferece riscos à segurança dos Estados Unidos. A série já foi renovada para a segunda temporada e traz muitas explosões, suspense e o carisma de Krasinski que ajudam a tirar o fôlego durante as cenas de ação

John Wick 2: Um novo dia para matar (filme): Atualmente não dá para falar de filmes de ação, sem falar de John Wick, título protagonizado por Keanu Reeves. O filme mistura ação e suspense e conta a história de John Wick, um assassino aposentado que passa a buscar vingança após ter seu carro roubado e seu cachorro morto por integrantes da máfia. Para honrar a memória do pet, que era um presente de sua falecida esposa, John vai com tudo para cima de uma gangue inteira. Com direito a códigos de honra entre assassinos, muito tiro e a presença ilustre de Ian McShane (Deuses Americanos) como Winston, dono do Hotel Continental. Infelizmente, no catálogo da Amazon não consta o primeiro título da trilogia, mas se você já teve a sorte de assistir o início, continuar a história é uma ótima opção.

Para arrepiar os cabelos

Evil Dead (filme): Remake de Uma noite alucinante - A Morte do Demônio (1981), o filme melhora a qualidade dos efeitos especiais - em comparação com a obra tosca, mas muito querida de Sam Raimi e traz de volta os cinco jovens que vão passar um fim de semana em uma cabana isolada. Lá eles encontram o Livro dos Mortos encadernado em pele humana e escrito em sangue e passam a ser perseguidos por acontecimentos sobrenaturais. Tudo isso regado a muito sangue. 

Suspiria (filme): Outro remake de arrepiar os cabelos é Suspiria, que nada perde para o seu original de (1977). Assim como a história original, a obra acompanha Susie Bannion (Dakota Johnson), uma jovem bailarina americana que é aceita na prestigiada Markos Tanz Company, em Berlim. Logo no começo ela descobre que Patrícia (Chloë Grace Moretz) desaparece misteriosamente. O enredo se desenvolve em meio a coreografias, suspense e cenas tensas protagonizadas, principalmente por Madame Blanc (Tilda Swinton). Suspiria consegue fazer o que poucos remakes tem o prazer. Entregar uma obra digna do começo ao fim.

Hereditário (filme): Hereditário é uma dessas obras que te pegam logo nos primeiros 20 minutos de filme. Misturando terror sobrenatural e suspense, o título escrito e dirigido por Ari Aster chegou dando um ar de esperança a quem é fã do gênero. A história foca na família Graham, que após a morte da reclusa avó, começa a descobrir alguns fenômenos estranhos ligados à família. O enredo aparentemente simples divide os holofotes com as excelentes atuações de Toni Collette (Annie Graham), Alex Wolff (Peter Graham) e Milly Shapiro - (Charlie Graham). As miniaturas pintadas pela personagem de Collette são outro ponto de ligação entre as perturbações e a história.

O filme brasileiro "Pacificado", sobre a disputa de poder dentro de um grupo criminoso que controla uma favela do Rio de Janeiro, ganhou neste sábado a Concha de Ouro de melhor filme no Festival de San Sebastián.

Dirigido pelo americano Paxton Winters, que vivia na favela, e produzido por seu compatriota Darren Aronofsky, o filme é a primeira produção brasileira a conquistar o prêmio principal do festival espanhol.

##RECOMENDA##

A noite foi redonda para o filme, rodado no Morro dos Prazeres, que conquistou outros dois prêmios: o de melhor ator, para o protagonista Bukassa Kabengele, e o de melhor fotografia, para Laura Merians.

"Decidi ser uma voz, a voz de tantos que não têm oportunidades", disse Kabengele em mensagem lida na cerimônia de encerramento por sua colega de elenco Débora Nascimento.

Kabengele, nascido na Bélgica e naturalizado brasileiro, interpreta "Jaca", que, após passar 14 anos na prisão, retorna a uma favela pacificada por ocasião dos Jogos Olímpicos de 2016. Em seu retorno à liberdade, terá que recompor a relação com a filha "Tati", 13.

"Pacificado", competia na Seção Oficial contra 15 produções de diversos países, entre eles Espanha, México e Alemanha.

A Apple está criando alianças para exibir os filmes feitos para seu serviço de streaming nos cinemas antes de chegarem à plataforma, que será lançada em novembro, noticiou nesta sexta-feira (27) o The Wall Street Journal.

Citando fontes anônimas, o jornal aponta que a Apple espera que a estreia nos cinemas amplie o prestígio do serviço e ajude a atrair os maiores talentos da indústria cinematográfica para a Apple TV+.

##RECOMENDA##

A Apple não respondeu imediatamente um pedido de comentários.

A estreia nos cinemas também habilitará os filmes da Apple a competir nos prêmios da indústria cinematográfica. Netflix e Amazon Prime, seus principais rivais no mercado de streaming, lançaram algumas de suas produções originais em salas de cinema. Entre elas estão títulos como "Manchester à Beira-mar", da Amazon, e "Roma", da Netflix, que receberam vários prêmios, inclusive o Oscar.

O serviço Apple TV+ será lançado em 1 de novembro em mais de 100 países a US$ 4,99 por mês, mais barato que os US$ 6,99 dólares mensais da Disney+, que será lançada em 12 de novembro nos Estados Unidos, além da Netflix, cuja assinatura básica nos EUA custa US$ 8,99.

O festival de Animação do Agreste - AnimaCine acontece nos dias 1 a 5 de outubro, nas cidades de Gravatá, Bezerros e Caruaru. O festival conta com a exibição de curtas, longas, exposições e debates, sob o olhar da preservação do acervo audiovisual pernambucano, especialmente da produção de cinema de animação.

Será exibido no Festival o longa premiado “Tito e os pássaros” que trata da história de um menino, Tito, que se lança na missão de salvar o mundo de uma epidemia incomum, A exibição acontece no Armazém da Criatividade, em Caruaru, com a presença do diretor André Catoto que também lança d exposição dos desenhos originais de seu curta denominado @DiSexta, no Museu de Cinema de Animação – MUCA, em Gravatá.

##RECOMENDA##

Nesta edição, o AnimaCine vai homenagear o cineasta, Wilson Lazaretti à Pernambuco para a estreia do seu longa-metragem “História antes da uma história” que apresenta a jornada humana de forma inquietante e criativa. Lazaretti é um dos fundadores do Núcleo de Cinema de Animação de Campinas (SP) que traz sua experiência de formador e difusor da técnica de desenho animado.

Outra presença importante neste Festival é a exibição do premiadíssimo longa “Tito e os pássaros” que trata da história de um menino, Tito, que se lança na missão de salvar o mundo de uma epidemia incomum, no Armazém da Criatividade, em Caruaru, com a presença do diretor André Catoto que também vem para o lançamento da exposição dos desenhos originais de seu curta denominado @DiSexta, no Museu de Cinema de Animação – MUCA, em Gravatá.

Confira a programação completa:

BEZERROS

01/10 - Terça

16h - Mostra Internacional Mestre J. Borges Escola Técnica Estadual de Bezerros

(R. José Pereira de Mendonça, 164 - Lot. Santo Amaro II)

CARUARU

02/10 - Quarta-feira

14h - Mostra Nacional Mestre Vitalino

15h - Longa: História antes de uma história, de Wilson Lazaretti

17h - Debate com o diretor Wilson Lazaretti (Armazém da Criatividade - BR 104, KM 62 - Nova Caruaru)

03/10 - Quinta-feira

14h - Mostra Latino-americana Simón Bolívar

15h - Longa: Tito e os pássaros, de Gustavo Steinberg / André Catoto / Gabriel Bitar 1

7h - Debate com o diretor André Catoto

(Armazém da Criatividade - BR 104, KM 62 - Nova Caruaru)

GRAVATÁ

04/10 - Sexta-feira 

15h - Lançamento Exposição @DiSexta + Exibição do Curta, com a presença do diretor André Catoto  16h - Coquetel

05/10 - Sábado

10h - Mostra Formação Mestre Lula Gonzaga

11h - Apresentação do projeto: Documentação Museológica do MUCA - Museu de Cinema de Animação Lula Gonzaga, com a museóloga Rosélia Rocha e o professor Marcos Buccini 13h - Almoço de encerramento e confraternização (MUCA - Museu de Cinema de Animação Lula Gonzaga - Rua Taciano Gomes Melo Nº 03 - Bairro Porta Florada)

Na próxima terça (17) e quinta-feira (19), o Museu da Imagem e do Som (MIS), recebe o Move Cine Arte. O evento é exclusivo para filmes que retratam processos de criação artística, biografias de artistas ou obra de qualquer linguagem, como arquitetura, pintura, escultura, teatro, fotografia, dança, poesia, literatura, música, entre outras.

Com curadoria de Andre Fratti Costa e Steve Bisson, a exibição dos filmes têm entrada gratuita e, os ingressos serão distribuídos uma hora antes das sessões, na recepção do MIS.

##RECOMENDA##

O primeiro dia de sessão, fica por conta de "Cravos" (2018), onde arte, natureza e família se entrelaçam na intensa relação entre as três gerações de artistas da família Cravo: o escultor Mario Cravo Junior, o fotógrafo Mario Cravo Neto e seu filho, também fotógrafo, Christian Cravo. Após a exibição do longa, o diretor Marco Del Fiol, participa de um bate-papo junto com os curadores do evento.

Já no segundo dia serão exibidos filmes internacionais, como o curta alemão "The Divine Way" (2018), o francês "Message in a Bottle" (2018) e o estoniano "Roosenberg" (2017).

Serviço

Move Cine Arte

Quando: 17 e 19 de setembro, a partir das 19h

Onde: MIS - Avenida Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo - SP

Gratuito

Informações: (11) 2117-4777 e www.mis-sp.org.br

O terror é um dos gêneros mais clássicos da história do cinema e sempre oferece produções com enredos horripilantes. Há os que gostam e engrossam a legião de fãs sedentos pelo susto, pela apreensão e pelos gritos durante as sessões. E há aqueles que morrem de medo - mesmo quando tendam dar aquela espiadinha.

Por isso, aproveitando esta sexta-feira 13, dia das várias superstições, como não cruzar o caminho de um gato preto, passar por debaixo de uma escada e pisar em uma rachadura, o LeiaJá indica cinco filmes de terror para quem quer curtir a noite tremendo de medo.

##RECOMENDA##

1. "O Iluminado" (1980) - um clássico do cinema, estrelado por Jack Nicholson e dirigido por Stanley Kubric. O filme é baseado na obra de Stephan King.

2. "O Orfanato" (2007) - dirigido pelo vencedor do Oscar Guillermo Del Toro, conta com uma história prende o espectador do início ao fim, além de deixá-lo de cabelo em pé.

3. Corra! (2017) - o contemporâneo da lista foi escrito por Jordan Peele, que criou o filme ao perceber que não haviam protagonistas negros em obras do gênero. A produção estrelada por Daniel Kaluuya conta a história de um rapaz que vai conhecer a família da namorada e coisas estranhas começam a acontecer.

4. "Sexta-Feira 13 (1980)" - dirigido por Sean S. Cunningham, é mais um clássico dos filmes de terror que conta com a participação do icônico personagem Jason. E falar de sexta-feira 13 e não citar esse filme é quase impossível. Em 2020, a obra ganhará um nova adaptação.

5. "O Chamado (2002)" - estrelado por Naomi Watts e dirigido por Gore Verbinski, o filme conta a historia da jornalista Rachel Keller que decide investigar a morte de sua sobrinha e descobre que outros assassinatos ocorreram misteriosamente.

por Thiago Apelbaum

Em outubro, chega a São Paulo, a Horror Expo, uma das maiores feiras internacionais de cinema, TV/streaming, literatura, games e cultura pop do gênero do horror e terror. Durante três dias de evento, a programação reúne grandes nomes do entretenimentos, atrações especiais, palestras, workshops, shows e exposições.

Entre os nome confirmados estão o cineasta Mick Garris, parceiro de longa data de Steven Spielberg, Stephen King e Michael Jackson, que dirigiu e escreveu grandes clássicos do terror para o cinema e a TV; Derek Riggs, artista responsável pelas capas dos álbuns da banda britânica Iron Maiden e criador do Eddie, mascote da banda; a atriz Naomi Grossman que viveu personagem Pepper em “American Horror Story: Asylum” e “American Horror Story: Freak Show” e retornou no papel de Samantha Crowe em “American Horror Story: Apocalypse”, entre outros.

##RECOMENDA##

Já as atrações especiais ficam por conta de Juan Espeche, o mesmo criador do Noites do Terror, Castelo dos Horrores, Katakumb, atrações dos maiores parques de diversão do país. Os visitantes precisam preparar o coração para entrar no Castelo dos Horrores, Cemitério, Hospital Abandonado, Trem Fantasma em Realidade Virtual e o Museu dos Monstros.

A trilha sonora será comandada pelas bandas Deathstars, Therion e pela Orquestra da Banda Marcial de Cubatão, que fará releituras de canções de filmes e séries de terror.

Os ingressos para a feira já estão disponíveis para vendas exclusivas no site do HORROR EXPO, com diversas opções de ingressos. A meia entrada também é estendida para as pessoas que doarem 1kg de ração para cães e gatos, que serão destinadas para ONG’s que resgatam e cuidam de animais.

 

Serviço

HORROR EXPO

Quando: 18 a 20 de outubro das 12h às 22h

Onde: Expo Center Norte – Rua José bernardo Pinto, 333 – Vila Guilherme – SP

 

Na corrida pela oscar 2020, Cuba indicou pela primeira vez um longa-metragem protagonizado por um estrangeiro, o ator Rodrigo Santoro. “O Tradutor”, dirigido pelos irmãos cubano-canadenses Sebastían e Rodrigo Barriuso, vai representar o país na categoria de melhor filme estrangeiro.

Através do Instagram, Rodrigo compartilhou uma mensagem em comemoração pela pré-indicação: “Fazer esse filme foi um dos maiores desafios, em muitos sentidos, que tive na minha jornada até hoje. Recebi essa notícia com muita alegria. É uma honra e um grande estímulo, receber esse reconhecimento.”

##RECOMENDA##

Na trama, o personagem Malin (Santoro) é um professor universitário de literatura russa que é designado para ser um intérprete na ala infantil de um hospital cubano que recebe vítimas do acidente nuclear de Chernobyl, no ano de 1989. A história é baseada na vida real dos pais dos diretores do longa.

Por Suellen Elaine

No dia 29 de agosto de 1996, foi realizado no Rio de Janeiro o primeiro Seminário Nacional de Lésbicas (Senale). Na época, o congresso abordou assuntos relacionados à proibição dos direitos das mulheres por conta da orientação sexual. Assim como na vida real, a ficção trata do tema para que sirva de reflexão perante a sociedade.

Para celebrar a data nesta quinta-feira (29), o LeiaJá escolheu oito filmes com a temática lésbica estrelados por atrizes renomadas como Gloria Pires, Julianne Moore, Cate Blanchett e Hilary Swank, e disponíveis nas plataformas on-line Netflix, Amazon Prime Video e YouTube.

##RECOMENDA##

Meninos Não Choram

Flores Raras

Ana e Vitória

Elisa y Marcela

Amor por Direito

Loving Annabelle

Azul é a Cor Mais Quente

Carol

Marc Maron, ator que interpretará Ted Marco em Coringa, revelou ter problemas com filmes da Marvel. Em entrevista para o programa de Conan O’ Brien, ele disse que, por sua semelhança com com o escritor de quadrinhos Stan Lee, muitos fãs esperam que ele participe em filmes do gênero.

Além de afirmar não ter interesse e dizer que não gosta do bullying feito para que todos assistam Vingadores, o ator criticou os fãs de heróis: “Sou um adulto, não tenho sete anos. Acho que esses filmes são para homens nerds crianções”.

##RECOMENDA##

Anteriormente, Mac Maron havia elogiado o roteiro de Coringa, filme que tem estreia marcada para 3 de outubro no Brasil.

Por Isabelle França

Uma notícia recente abalou os fãs da Marvel. Segundo o site Deadline, os filmes da franquia do Homem-Aranha podem não ser mais produzidos. Isso aconteceria pelo fato de a Disney e a Sony supostamente não estarem mais concordando sobre a distribuição do lucro obtido com as obras. A negociação já estaria acontecendo há alguns meses e a disputa teria começado pois a Disney sugeriu que cada empresa recebesse metade do dinheiro obtido com os longas, o que não teria agradado a Sony, que passaria a receber menos do que ganha atualmente.

De acordo com a publicação, as duas gigantes do entretenimento não estão chegando a um acordo sobre o assunto e isso pode resultar no cancelamento dos filmes do herói. Porém, isso não seria vantajoso para ninguém, pois o último do filme do Homem-Aranha foi o mais lucrativo para a distribuidora da obra, já que a Sony e a Disney detêm os direitos autorais do Universo Marvel, então perder um herói tão popular seria ruim para todos os filmes da franquia, que estão entrando agora em seu quarto arco.

##RECOMENDA##

Mas não são só as empresas que não estão gostando nada da situação. Os admiradores do personagem de Tom Holland lançaram a hashtag #SaveSpiderMan para pedir que não cancelem o Homem-Aranha. O assunto tem sido um dos mais comentados, mas ninguém sabe ainda qual será o desfecho de toda essa história.

Nada melhor do que chegar em casa após um dia cheio de trabalho e se esparramar no sofá para assistir a um bom filme. Só ou acompanhado, o importante é se divertir no conforto do lar. Na Netflix, uma lista imensa de títulos sensuais pede uma atenção especial quando se tem em mente a ideia de inovar durante o contato sexual.

Por isso, o LeiaJá separou alguns filmes calorosos para serem assistidos no Dia do Orgasmo, comemorado mundialmente nesta quarta-feira (31). De Bruna Surfistinha a Rocco, confira os títulos que dão o que falar no serviço de streaming.

##RECOMENDA##

Branquinha

Bruna Surfistinha

Newness

Rocco

Segundas Intenções

Desejarás

Como Planejar uma Orgia em uma Cidade Pequena

Amar

Os dias de chuva pedem aconchego, comidinhas, companhia (ou não) e uma boa programação na televisão. Por mais que os canais por assinatura ofereçam na grade os clássicos do cinema, os serviços de streaming estão saindo na frente com uma infinidade de opções nos seus catálogos.

Animação, aventura, drama, comédia, entre outros gêneros, caem muito bem quando fica impossível sair de casa quando a chuva toma conta do clima. Pensando nisso, o LeiaJá listou alguns filmes para os dias chuvosos. Prepare a pipoca, fique atento ao barulho da chuva na janela e confira as opções cinematográficas.

##RECOMENDA##

Uma Família de Dois - Filme disponível na Amazon Prime Video

Histórias Cruzadas Filme disponível na Netflix

Extraordinário - Filme disponível na Amazon Prime Video

Toy Story 3 - Filme disponível na Netflix

Um Senhor Estagiário - Filme disponível na Amazon Prime Video

Girl - Filme disponível na Netflix

Tully - Filme disponível na Amazon

Sequestrando Stella - Filme disponível na Netflix

Os atores escalados para interpretar vilões, na maioria das vezes, sempre são adultos. Desviando a lógica da maturidade, alguns diretores deixam os 'grandões' de lado e convidam crianças para riscar o fósforo da maldade nos filmes. Apesar de demonstrarem rostinhos angelicais, os pequenos atores se sobressaem com atuações impactantes. 

Conquistando espetadores mundo afora com interpretações assustadoras, o LeiaJá relembra quais foram os personagens que colocaram o terror nos cinemas, e que foram bastante elogiados pelos trabalhos.

##RECOMENDA##

Regan - O Exorcista

Personagem interpretada pela atriz Linda Blair

Henry - O Anjo Malvado

Personagem interpretado pelo ator Macaulay Culkin

Gage - Cemitério Maldito

Personagem interpretado pelo ator Miko Hughes

Samara - O Chamado

Personagem interpretada pela atriz Daveigh Chase

Damien Thorn - A Profecia

Personagem interpretado pelo ator Harvey Spencer Stephens

Toshio Saeki - O Grito 2

Personagem interpretado pelo ator Yuya Ozeki

Isaac - Colheita Maldita

Personagem interpretado pelo ator John Franklin

Rhoda - The Bad Seed

Personagem interpretada pela atriz Patty McCormack

Natalie Portman levou os fãs à loucura no último sábado (20) na San Diego Comic-Con. A atriz participou do painel da Marvel e, surpreendendo a todos, levantou o famoso martelo do Thor, confirmando que interpretará a versão feminina do super-herói na nova fase de filmes do MCU.

"Me sinto muito bem. Sempre tive inveja do martelo, brincou a atriz, segundo informações do site Entertainment Weekly".

##RECOMENDA##

Natalie tomará o lugar de Chris Hemsworth - que sim, ainda aparecerá nas telonas - no filme Thor: Love And Thunder (Thor: Amor e Trovão). A atriz Tessa Thompson e a diretora Taika Waititi também retornarão para o projeto. O longa tem estreia prevista para 5 de novembro de 2021.

Viúva Negra

Scarlett Johansson também trouxe novidades para os fãs da Marvel. A atriz confirmou que fará um filme solo da Viúva Negra, com estreia prevista para 1º de maio de 2020. No painel, ela falou um pouco sobre a experiência de interpretar Natasha Romanoff e ainda revelou que o longa começou a ser filmado bem recentemente, há cerca de um mês.

"Eu não acho que poderia ter interpretado essa nova Natasha 10 anos atrás. Teria sido um filme muito diferente. Eu posso interpretar Natasha como uma mulher totalmente realizada e em todas as suas muitas facetas. Estou animada para os fãs verem o lado defeituoso dela, ou o que ela percebe ser o lado defeituoso dela. E eu estou tentando apagar um pouco desse vermelho na história dela, então vocês vão ver muito disso".

Dirigido por Cate Shortland, o filme da Viúva Negra tem no elenco Rachel Weisz como Malena, David Harbour (de Stranger Things) como Alexi, O-T Fagbenle como Mason e Florence Pugh como Yelena Belova. O filme é ambientado em Budapeste e apresenta o Taskmaster como o principal vilão.

Páginas

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando