Tópicos | fofocas

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso afirmou que é "impressionante quantidade de gente que está eufórica com os hackeadores” que são suspeitos de acessar contas de celulares de autoridades, entre elas o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro.

Em palestra na noite dessa sexta-feira (2), em São José dos Campos (SP), Barroso também afirmou que era preciso estar atento à agenda brasileira que, na ótica dele, foi "sequestrada por criminosos".  

##RECOMENDA##

Para o ministro, nos vazamentos "há mais fofocas do que casos relevantes, apesar do esforço de se maximizar os fatos". 

Desde 9 de junho, o site The Intercept Brasil publica reportagens com trechos de conversas entre Moro e integrantes da força-tarefa da Operação Lava Jato, como o procurador Deltan Dallagnol. O site disse ter recebido as informações de uma fonte confiável. Walter Delgatti Neto, um dos presos na Operação Spoofing, disse ter entregue os dados para o jornalista Glenn Greenwald, responsável pelo Intercept, que não confirmou e disse que preservaria a identidade da fonte.

Barroso disse também que "apesar de todo estardalhaço que está sendo feito, nada encobre o fato de que a Petrobras foi devastada pela corrupção”. “Não importa o que saia nas gravações", disse o ministro. "É difícil entender a euforia que tomou muitos setores da sociedade diante dessa fofocada produzida por criminosos", acrescentou.

A fala do ministro repercutiu na internet e fez com que o nome dele ficasse entre os mais falados no Twitter, por exemplo. 

O papa Francisco fez um alerta neste domingo (3) dizendo que líderes, como políticos, pastores, autoridades públicas, professores e até mesmo os pais, precisam "ter sabedoria para guiar alguém porque, caso contrário, correm risco de causar danos às pessoas que confiam neles". "Pode um homem cego guiar outro cego?", questionou o Pontífice durante o Angelus, na praça São Pedro. Em seguida, o líder argentino respondeu falando que "um guia não pode ser cego, mas deve ver bem, estar consciente de seu papel delicado e sempre discernir o caminho certo para liderar pessoas".

Ele ainda insistiu para que os fiéis evitem fofocas que podem prejudicar os outros e não sejam presunçosos e hipócritas. "Quem é mau traz o mau fazendo o exercício mais prejudicial: murmurando". "Isso destrói famílias, destrói escola, destrói empregos, destrói o bairro, gera guerras", explicou.

##RECOMENDA##

"Por que você olha para o cisco no olho de seu irmão e não se lembra do que está no seu?", questionou Francisco ressaltando que "é mais fácil e confortável condenar os defeitos dos outros, sem ser capaz de se ver com a mesma lucidez".

O líder da Igreja Católica lembrou que enquanto tentamos observar e corrigir as falhas do próximo devemos recordar que também temos falhas. "Se eu não penso que tenho, eu não posso condenar ou corrigir os outros. Todos nós temos defeitos e devemos estar cientes de que antes de condenar o próximo, precisamos olhar para dentro de nós mesmos".

Segundo o Papa, "é sempre útil ajudar os outros com conselhos sábios", mas é preciso ter discernimento, porque só assim "seremos críveis, agiremos com humildade, testemunhando a caridade".

"Não há árvore boa que produz frutos ruins, nem árvore ruim que produz bons frutos. De fato, cada árvore é reconhecida por seus frutos", finalizou. 

Da Ansa

Em novembro de 2016, Raul Gil anunciou que se despediria do seu programa no SBT, após seis anos na emissora, mas nunca deixou claro o porquê da saída. No entanto, na madrugada desta terça-feira (11), o apresentador esteve frente a frente com Fábio Porchat, no seu programa de entrevistas da Record, e revelou o verdadeiro motivo que o fez anunciar que deixaria a televisão.

"Um cidadão, que não vou falar o nome, que já chorou para caramba falou para mim: Como é que está o programa? E eu falei: O programa está bem. Tá difícil para todo mundo. Eu tenho bastante propaganda, só que eu poderia ganhar mais se o Silvio Santos e a empresa dele me pagasse a propaganda do Carnê do Baú, Jequiti, Telesena. [...] Eu iria ganhar uns 200 mil [reais] a mais por programa. E eu não o que foi que aconteceu que foi parar no ouvido do Silvio", contou.  

##RECOMENDA##

Ao saber da justificativa de Silvio Santos, Raul disse que manteve a tranquilidade e chegou a rescindir o contrato, mas sentia que seria chamado de novo. O que aconteceu. Silvio contou a Gil que seu plano era exibir filmes e desenhos até que o programa de Celso Portiolli passasse a ser exibido aos sábados. Raul se propôs a ficar no lugar até fevereiro e seu programa está indo ao ar até agora. 

Apesar do ocorrido, o apresentador não guarda mágoas do patrão. "O Silvio é maravilhoso. Eu conheço o Silvio desde 1961. [...] Quando ele não tinha dinheiro para pagar cachê na TV Paulista, só dava eu. [...] Eu amo o Silvio! O Silvio me ensinou a viver, me ensinou a guardar dinheiro, me ensinou a pagar impostos. [...] Silvio vai morrer com 110 anos [de idade], no palco", aposta Raul.

Apesar de aparecerem juntinhas no lançamento da novela Além do Tempo, da Globo, em que elas fazem parte do elenco, os rumores de que Alinne Moraes e Paolla Oliveira estavam se desentendendo nos bastidores das gravações e a relação entre elas não era uma das melhores começaram a surgir.

Os comentários maldosos da mídia irritaram Alinne e, mesmo estando internada por conta de uma crise renal, a atriz não deixou de comentar sobre o assunto em seu Instagram e afastou os boatos. Alinne publicou uma montagem na rede social com uma conversa no WhatsApp entre ela e Paolla falando sobre isso, mostrando que ela são só amores, e desabafou na legenda:

##RECOMENDA##

Nos conhecemos há dez anos e a admiro muito! Quando estamos juntas, não paro de fotografá-la. Publiquei fotos lindas dela aqui. Vale uma olhada! Sempre estudamos cenas juntas, é uma grande parceira! Nunca tivemos problema algum, ao contrário, somos amigas e nos gostamos muito. Infelizmente, tabloides cretinos inventam notas maldosas na falta de interesse por uma pauta mais séria... Ou pior, na falta de criatividade e talento mínimo (até) para criar factoides. Pobre sub-jornalismo mal pago.

As super fofocas que fizeram um mini terremoto na internet nos últimos dias. Na verdade essa semana foi mais fraca que som de boyband, então o que temos são Angelical Touch no Hot Dog, Solanja arretada e Lindsay doente. Confira:

[@#video#@]

##RECOMENDA##

A atriz francesa Julie Gayet informou que vai processar a revista Closer pelas publicação da notícia de que ela estaria tendo um romance de mais de dois anos com o presidente da França, François Hollande. Segundo a revista, eles começaram a se relacionar em sua campanha de 2012. Foram três pedidos na justiça: indenização por danos morais de 50 mil dólares, 4 mil dólares por gastos judiciais e ainda, quando  vencer, metade da capa da revista dizendo que ela venceu o caso.

A notícia ganhou o mundo e hoje Hollande, quando marca uma coletiva, evita comentários sobre o assunto. Quando um jornalista perguntou sobre o caso, ele respondeu que tem coisas interessantes para falar da França. Já em relação à primeira dama, a  jornalista Valérie Trierweiller, fontes dizem que ela passou mal após a revelação da história. A Revista diz que ainda irá publicar uma edição especial sobre o caso com mais fotos.

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando