Tópicos | Instagram

Se você usa o WhatsApp ou Instagram deve ter reparado que, desde a semana passada, ao abrir algum dos aplicativo, a mensagem “From Facebook” aparece em uma tela inicial. A mensagem acabou causando estranhamento a alguns usuários que não sabiam que tanto o mensageiro, quanto a rede social de compartilhamento de fotos pertencem a Mark Zuckerberg, criador do Facebook.

Em novembro, um comunicado à imprensa feito pela empresa, informou que haveria uma mudança na forma como os aplicativos pertencentes ao Facebook seriam identificados. Porém, a novidade não é tão nova assim. A versão beta do WhatsApp - por exemplo - já apresentava, desde agosto, o nome na Play Store e na App Store "WhatsApp do Facebook". Mas só agora a mudança atingiu todos os usuários das plataformas.

##RECOMENDA##

O Facebook comprou o WhatsApp?

Se você foi uma das pessoas que fez essa pergunta ao Google nos últimos dias, saiba que a resposta é sim. O WhatsApp passou a fazer parte do Facebook em 2014 e o Instagram em 2012 e a adição do “From Facebook” é justamente para marcar essa adição. De acordo com a empresa de Zuckerberg, os nomes passaram a figurar na tela inicial e nas configurações para deixar mais claro quais produtos pertencem a marca. 

“As pessoas devem saber quais empresas fabricam os produtos que usam. Nossos principais serviços incluem o aplicativo do Facebook, Messenger, Instagram, WhatsApp, Oculus, Workplace, Portal e Calibra. Esses aplicativos e tecnologias compartilham infraestrutura há anos e as equipes por trás deles frequentemente trabalham juntas”, diz o comunicado enviado pela empresa.

Na última quinta-feira (5), a Mc Mirella compartilhou um vídeo em stories do Instagram onde ela aparece se maquiando e supostamente recebendo sexo oral do namorado Dynho Alves.

Ainda nos stories, a funkeira disse que o namorado estava apenas fazendo uma massagem nas costas e acertou bem o local onde ela estava com dor. No Twitter, os fãs e seguidores de Mirella, não acreditaram nem um pouco na justificativa dada pela funkeira e o assunto chegou ao primeiro lugar nos trending topics da rede.

##RECOMENDA##

Confira:

[@#video#@]

Jason Derulo desafiou mais uma vez as regras do Instagram. Depois que a rede social deletou uma foto em que mostrava o pênis de Jason sendo destaque na sunga, o cantor voltou a publicar o conteúdo. A voz dos hits Wiggle, Swalla e Want To Want Me ficou revoltado na nova postagem.

"Estou de cueca… não tenho culpa do tamanho [do pênis]", disse. Em entrevista ao site TMZ, Jason Derulo declarou que ficou bastante chateado pelo fato do Instagram ter removido a imagem, mas que depois achou a situação bastante engraçada. "O engraçado é que eu não estava excitado. Eu estava literalmente saindo da água", contou.

##RECOMENDA##

Confira o clique polêmico:

[@#video#@]

O Instagram anunciou, nesta sexta-feira, que pedirá aos novos usuários que confirmem que têm ao menos 13 anos para poder se unir à rede social, propriedade do gigante Facebook.

Essa decisão permitirá ao Instagram acatar uma lei americana e suas próprias políticas, que exigem que qualquer usuário tenha no mínimo essa idade.

##RECOMENDA##

"Perguntar por essa informação ajudará a evitar que pessoas sem a idade necessária se juntem ao Instagram, ajudando-nos a manter os jovens em segurança", informou a empresa em seu blog.

A companhia indicou que a informação sobre a idade não estará disponível para os demais usuários.

Ainda não se sabe como a empresa pretende evitar que os jovens usuários deem uma informação falsa sobre sua idade ao se registrar.

O anúncio chega um dia depois de que o meio especializado TechCrunch escreveu um artigo no qual afirmou que o Instagram não havia seguido o exemplo da maioria das redes sociais, que pedem que seus novos usuários indiquem sua idade.

Segundo esse veículo, o Instagram podia estar descumprindo a lei americana de proteção da privacidade das crianças na Internet.

Após descobrir que a filha havia ajudado rapazes a entrar de penetra em uma festa, no Texas, Estados Unidos, Larry Sumpter decidiu puni-la de um modo inusitado. O pai assumiu o Instagram da garota de 15 anos, fez publicações irreverentes e fez tanto sucesso que conseguiu mais que duplicar o número de seguidores.

Madellyn ainda teve a oportunidade de escolher seu castigo. Entre ficar sem o celular por um mês ou permitir que os pais controlassem suas redes sociais, ela escolheu a segunda opção. Porém, também acabou sendo surpreendida pelas fotos e vídeos constrangedores postados pelo pai.

##RECOMENDA##

Em poucos dias, Larry mais que dobrou o número de likes. Antes, a conta de Madellyn possuía 2.500 seguidores; após a 'coordenação' do pai, a rede social atingiu 5.723.   

Larry conquistou o público vestido com top, botas e shortinho dançando country com um amigo. Após o sucesso, os seguidores da filha querem que ele faça sua própria conta para prosseguir com o conteúdo bem-humorado.

[@#video#@]

O Facebook deixou de funcionar nesta quinta-feira (28) por um problema de software, o que impediu os usuários de acessar a rede social e outros de seus aplicativos, como o Instagram.

"Na primeira hora de hoje, um problema em nossos sistemas de software central levou muitas pessoas a terem problemas para acessar os aplicativos da família do Facebook", disse um porta-voz da companhia.

##RECOMENDA##

"Investigamos rapidamente, começamos a restabelecer o acesso e agora estamos controlando para uma recuperação completa", acrescentou.

Muitos usuários ironicamente foram ao Twitter para comentar o ocorrido.

O Downdetector, que monitora quedas de serviços na internet, disse que os usuários das plataformas do Facebook começaram a ter problemas às 13H45 GMT (10H45 de Brasília).

Heloísa Wolf Bolsonaro, esposa do deputado Eduardo Bolsonaro, fez um desabafo através do Instagram sobre a vida que leva com o seu marido e os "perrengues" que passa com o salário de R$ 33 mil que Eduardo pelo cargo que ocupa. "A gente foi pro Havaí, mas nosso almoço era US$ 2 ou US$ 3, no mercadinho. Ficava até mais magrinha", lembra. 

##RECOMENDA##

A nora do presidente Jair Bolsonaro afirma que a "glamourização da vida política tem que acabar". Para economizar, Heloísa diz que prefere fazer faxina na sua casa - além de ter achado caro pagar R$ 60 para fazer as unhas. 

Mesmo com alguns "perrengues", a esposa de Eduardo relata: "Não nos falta nada. A vida é muito boa com a gente. A gente consegue fazer viagens nas férias e jantar bem com os amigos", desabafa. Inclusive, segundo relato da Heloísa, é assim que o casal mais gosta de gastar os 'poucos' R$ 33 mil que o parlamentar recebe mensalmente.

"Não estou reclamando, só quero que vocês entendam que não é esse luxo. A gente não fica andando de iate e barco à toa, de jatinho, de primeira classe. A gente passa muito perrengue também. Quando a gente vai pros Estados Unidos, economiza", pontua Heloísa Bolsonaro. 

 

O Instagram está apresentando instabilidade na manhã desta quinta-feira (28) no Brasil e no mundo. O relato de alguns usuários dá conta de dificuldade para abrir fotos no feed assim como alguns stories. O assunto está entre os mais comentados no Twitter.

O problema tem atingido de forma mais contundente a região da Europa e Estados Unidos, mas no Brasil também existem várias reclamações confirmando a instabilidade. "Insta fora do ar logo quando posto uma foto no feed, só acontece comigo", publicou um usuário no Twitter.

##RECOMENDA##

Apesar das reclamações o problema não atingiu a todos. Algumas pessoas relataram que estão conseguindo utilizar a rede social normalmente mesmo com a instabilidade.

No site Downdetector, que avalia o funcionamento de redes sociais no mundo, os Estados mais afetados no Brasil foram São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Pernambuco. Na Europa, a Inglaterra e a Holanda aparecem como países que foram mais atingidos pela queda.

Os Estados de Minas Gerais e Rio de Janeiro são os que mais estão sofrendo com a instabilidade. Foto: Reprodução/Downdetector

A prova da segunda fase do XXX Exame de Ordem Unificado da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), contendo questões objetivas e a elaboração de uma peça profissional, será realizada no próximo domingo (1º). Para ajudar os candidatos nas revisões finais antes do processo seletivo, o Vai Cair Na OAB (@vaicairnaoab) realiza um debate entre professores de direito transmitido ao vivo, às 19h desta segunda-feira (25). 

Estão confirmadas as participações da professora Ana Priscylla (Direito Constitucional), Danielle Burichel (Direito Penal), João Paulo Torres (Direito Tributário), Luciana Garret (Direito Civil) e Arthur Albuquerque (Direito Constitucional). Durante a live, que será transmitida pelo LeiaJá através do Instagram e do Youtube do Vai Cair na OAB, os docentes vão abordar os principais assuntos que caem nas provas da segunda fase do exame.

##RECOMENDA##

Na área de Direito Civil, serão debatidos temas como Família, Contratos, Responsabilidade Civil e Parte Geral (Pessoas, Natural, Jurídica, Vícios de Consentimento e Direito do Consumidor). Em Direito Penal, os assuntos abordados serão prisões cautelares, nulidades, ritos processuais, competência, causas extintivas de punibilidade e causas excludentes de tipicidade. 

Já no Direito Constitucional, Controle de Constitucionalidade, Organização do Estado e dos Poderes, Remédios Constitucionais, Processo Legislativo e Ordem Social foram os assuntos escolhidos. Por fim, na área do Direito Tributário, os professores vão debater princípios tributários, Imunidades Tributária, Responsabilidade Tributária, ICMS  - Lei Complementar 87/96, ISS - Lei Complementar 116/03, Lei 6.830/1980 e a Lei 12.016/2009.

[@#video#@]  

LeiaJá também

--> Vídeo: aula para prova da OAB traz dicas sobre contestação

--> OAB: veja uma aula sobre Cláusula de Desempenho

--> OAB XXX: confira o resultado da 1ª fase

--> OAB: saiba como o filme 'Bacurau' pode te ajudar no Exame

O Departamento de Estado americano pediu ao Facebook, Instagram e Twitter para suspender as cuentas dos líderes do regime iraniano até que a conexão com a internet seja restabelecida no país, em meio a violentas manifestações.

Os iranianos estão isolados do mundo há mais de uma semana após a interrupção quase total da rede por ordem de Teerã.

"É um regime profundamente hipócrita. Ele bloqueia a Internet enquanto o governo continua a usar todas essas contas nas redes sociais", disse o enviado para o Irã, Brian Hook, em entrevista à Bloomberg, divulgada no Twitter neste sábado.

"Pedimos que empresas de mídia social como o Facebook e o Instagram (de propriedade do Facebook) e o Twitter que bloqueiem as contas do líder supremo (Ali) Khamenei, do ministro das Relações Exteriores (Mohammad Javad) Zarif e do presidente (Hassan) Rohani até que a Internet seja restaurada para o povo", disse Hook.

Os problemas surgiram em 15 de novembro, horas após o anúncio de uma reforma nos subsídios à gasolina, que supostamente beneficiará as famílias menos favorecidas, mas acompanhadas por um forte aumento de preços, em um contexto de profunda crise econômica.

No dia seguinte, os iranianos foram isolados do mundo após uma drástica restrição de acesso à internet, vista como uma forma de impedir a troca de vídeos dos tumultos, nos quais cinco pessoas morreram segundo um registro oficial, mas a ONG Anistia Internacional denuncia mais de cem mortes.

"O regime cortou a Internet porque está tentando esconder todas as mortes e tragédias que infligiu a milhares de manifestantes em todo o país", declarou Hook.

Na sexta-feira, os Estados Unidos impuseram sanções ao ministro das Comunicações do Irã, Mohamad Javad Azari Jahromi, por "seu papel na vasta censura da Internet" no Irã.

Através do Twitter, o secretário de Estado dos americano, Mike Pompeo, havia pedido aos manifestantes iranianos que transmitissem aos Estados Unidos qualquer evidência de "repressão" pelo regime de Teerã, garantindo a eles que puniriam esses abusos.

A Semana Global do Empreendedorismo, evento realizado desde 2007 para fortalecer e disseminar a cultura empreendedora em vários países, tem programação gratuita no Recife. Até o próximo domingo (24), serão realizadas feiras de oportunidades, palestras, oficinas, congressos e workshops em diversos pontos da cidade.

Entre os temas abordados, estão o uso de redes sociais para negócios, empreendedorismo feminino, empreendedorismo individual, comércio eletrônico e anúncios na internet. O hall da Prefeitura do Recife, por exemplo, recebe atividades gratuitas e a entrega de kits sorteados pelo projeto Renda Por APP, contendo bicicletas e smartphones com pacote de dados para possibilitar empreendimentos com serviço de entrega via aplicativo.

##RECOMENDA##

A Semana Global do Empreendedorismo é organizada por várias instituições, entre elas o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). Para mais informações sobre a programação, os interessados podem acessar o site da Semana Global de Empreendedorismo ou ligar para o número 0800 281 3535. 

LeiaJá também

--> Caixa lança crédito exclusivo para mulheres empreendedoras

--> UNAMA promove feira de empreendedorismo e inovação

--> O empreendedorismo negro e a relação com a oportunidade

--> Como é ser uma empreendedora negra no Brasil

O Facebook lançou o Facebook Pay, sistema que promete facilitar o envio e recebimento de pagamentos em todas as redes sociais e aplicativos da empresa de Mark Zuckerberg, como Instagram, Messenger e WhatsApp. O objetivo é oferecer para os usuários "uma experiência de pagamento conveniente, segura e consistente entre todas aplicações".

A ferramenta foi colocada em operação apenas nos Estados Unidos, sem previsão para chegada em outras regiões. Segundo a empresa, o "Facebook Pay" é uma espécie de carteira digital que permite a introdução dos dados de cartão de crédito, débito ou do PayPal, além de garantir que os internautas consigam fazer transferências e pagamentos entre si sem sair das redes sociais.

##RECOMENDA##

"Os usuários já usam pagamentos em nossos aplicativos para fazer compras, fazer doações por uma causa ou enviar dinheiro. O Facebook Pay facilitará essas transações, enquanto continuará a manter as informações de pagamento seguras e protegidas", explica Deborah Liu, vice-presidente de marketplace e comércio do Facebook.

Como forma de segurança, a funcionalidade terá a opção de adicionar um PIN ou a biometria e identificação facial poderão ser usadas. O Facebook ainda explicou que o novo serviço utiliza estruturas financeiras já existentes, e não está relacionado ao seu projeto da moeda digital libra, duramente criticado.

Da Ansa

A partir desta terça-feira (12) os usuários brasileiros do Instagram terão mais um recurso para se expressarem na rede social. Isso porque a empresa vai começar a testar no Brasil uma nova ferramenta de vídeos curtos com música. Chamada de Cenas, a funcionalidade permitirá que qualquer pessoa grave um filmete de até 15 segundos, fazendo uma coreografia ou uma interpretação dramática de uma canção. É a primeira vez que o Instagram, que pertence ao Facebook, começa o protótipo de uma função pelo Brasil.

Segundo a empresa, o recurso ainda está em fase de testes e não há previsão de lançamento global. De acordo com Robby Stein, diretor de produto global do Instagram, há vários motivos para a escolha - entre eles, estão a forte cultura musical local e o alto engajamento dos brasileiros na rede social. "Os criadores e os usuários que se comunicam com amigos no País utilizam muito as funções de música no Instagram", explicou o executivo, em entrevista exclusiva ao jornal O Estado de S. Paulo.

##RECOMENDA##

A rede social não divulga o total de usuários que tem por aqui - no mundo, são mais de 1 bilhão de pessoas ativas mensalmente na plataforma. Na visão de Luiz Peres-Neto, professor da Escola Superior de Propaganda e Marketing, há uma boa promessa de que o Brasil se transforme em um espaço de testes para redes sociais cada vez mais ativo. "No que diz respeito a experimentar novas ideias na área cultural, o brasileiro é bastante aberto a fuçar e criar em cima (das possibilidades)", afirma o pesquisador. "Somos um grande laboratório de mídia a céu aberto", completa.

Distribuição

Será possível visualizar as Cenas em duas áreas diferentes do Instagram. Para quem quiser produzir os próprios vídeos, será necessário acessar os Stories, recurso popular de mensagens efêmeras da rede social. Introduzida em agosto de 2016, a ferramenta deixa vídeos e fotos no ar por até 24 horas e já contabiliza 500 milhões de usuários ativos todos os dias no mundo. Além disso, será possível assistir às Cenas mais populares dentro da aba Explorar, que busca mostrar às pessoas as principais criações de influenciadores e produtores de conteúdo na rede social.

Fazer um vídeo curto desses é fácil e não leva mais do que alguns cliques. Em demonstração assistida pelo Estado de S. Paulo, uma funcionária do Facebook não levou mais do que dois ou três minutos para criar um filme curto dançando Macarena, o hit latino dos anos 90. Mais do que apenas simular a clássica coreografia, porém, o vídeo também tinha efeitos de corte de cenas e até uma mudança de penteado, tudo feito em sincronia com a canção do grupo Los Del Rio.

A nova ferramenta vai utilizar os mesmos acordos de licenciamento que o Instagram já possuía com gravadoras e artistas para o Instagram Music - a funcionalidade, lançada no ano passado lá fora, permite que usuários incluam trechos de músicas e letras em suas publicações. Segundo Stein, a diversidade musical do Brasil, com gêneros como sertanejo e funk entre os mais populares, não é um problema para os testes. De acordo com o executivo, o novo recurso terá as mesmas regras de moderação de conteúdo para violência e sugestões sexuais que já vigoram no restante da plataforma.

Rivalidade

Com o lançamento das Cenas, o Instagram não só testa um recurso novo, mas também busca frear o avanço de aplicativos de vídeos curtos que buscam um lugar na tela inicial de aplicativos dos celulares dos brasileiros. Nas últimas semanas, programas chineses como o TikTok e o Kwai têm ganhado popularidade por aqui, prometendo algo bastante parecido com a nova ferramenta da empresa de Mark Zuckerberg: vídeos com música, edição esperta e compartilhamento rápido.

"Estamos de olho no surgimento de plataformas de vídeos com bastante foco em música", disse Stein ao Estado de S. Paulo, sem falar em nomes específicos. "Acreditamos, porém, que somos a única empresa a ter uma comunidade de criadores e usuários bem formada, bem como uma edição fácil de conteúdo."

Na visão de Peres-Neto, da ESPM, é difícil prever como será a resistência dos chineses perante o Facebook - em outras temporadas, desafiantes como o Snapchat acabaram tendo recursos imitados pela companhia e perderam lugar. "A vida de produtos como Facebook e Instagram se dilata porque são apps que têm alterações constantes."

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

A fila não andou para Tristan Thompson. Após muitas polêmicas, com direito a traição, o jogador de basquete deixou claro que realmente não superou o término com Khloé Kardashian, mãe de sua filha, True Thompson.

No último domingo (10), Tristan publicou em seu Instagram uma foto da empresária a parabenizando por uma conquista no People's Choice Awards, premiação norte-americana. No post, ele distribui elogios à ex-namorada e isso acabou enfurecendo alguns fãs de Khloé, que ainda não se esqueceram do escândalo de traição do jogador com Jordyn Woods, ex-melhor amiga de Kylie Jenner, que veio à tona em fevereiro deste ano.

##RECOMENDA##

Khloé levou para casa duas estatuetas nas categorias de Melhor Estrela de Reality Show e Melhor Reality Show, com o Keeping Up With The Kardashians. Pelo que parece, Tristan acompanhou tudo de casa e não perdeu a oportunidade de interagir com a ex. 

"Uau uau uau, Khloé Kardashian! Parabéns mamãe Koko por ganhar como Melhor Estrela de Reality 2019 por dois anos seguidos. Campeã duas vezes. Eu amo como isso soa. Tão orgulhoso de tudo que você realizou este ano. O programa Revenge Body é algo que sempre se destaca para mim, você desafia as pessoas a lutar pra serem melhores. É mais sobre o que a vida realmente nos dá como verdadeira felicidade e o que está nos impedindo de alcançar isso. True e eu estamos tão orgulhosos de você e das suas irmãs por tudo ontem à noite. Vocês são realmente exemplos para nossa geração mais jovem. Continue liderando com amor e felicidade. Continue assim, garota!!!", escreveu na legenda.

[@#video#@]

O textão, no entanto, incomodou os fãs da empresária, que deixaram diversas críticas nos comentários da foto. "Você é um homem confuso que precisa de ajuda, deixe Khloé em paz", escreveu uma internauta. "Deixe-a sozinha. Se isso não é sobre sua filha, deixe-a em paz. Você está com muita sede ao pote. Você só a quer de volta porque você sabe que ela está indo muito bem sem você por perto", disse outra.

Conhecido por posicionamentos duros contra opositores nas redes sociais, o vereador do Rio de Janeiro, Carlos Bolsonaro (PSC), amanheceu, nesta terça-feira (12), sem as contas ativas nas plataformas do Twitter, Instagram e Facebook. Ainda não há informações se o parlamentar e filho do presidente Jair Bolsonaro (PSL) desativou os perfis ou se foi alvo de alguma punição de políticas das empresas.

Carlos fica sem redes sociais no momento em que o Congresso Nacional apura, através de uma Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI), a difusão de fake news nas eleições de 2018. Em depoimento, o deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP) afirmou que o vereador é quem lidera a chamada "milícia digital" que age em favor de Bolsonaro nas plataformas. 

##RECOMENDA##

Reprodução Twitter

Reprodução Instagram

Protagonista de constantes polêmicas nas redes sociais, Carlos é um usuário assíduo das contas e, inclusive, também é um dos administradores dos perfis de Jair Bolsonaro, que usa o Twitter como meio de comunicação oficial do governo. 

Algumas dessas polêmicas, chegaram a derrubar ministros dos seus postos, como foi o caso de Gustavo Bebianno, ex-ministro da Secretaria de Governo. A briga pública aconteceu logo após as primeiras acusações de que o PSL teria dado o aval nas eleições de 2018 para a prática de candidaturas laranjas em diretórios como o de Minas Gerais, em fevereiro deste ano.

Na época das eleições, Bebianno era presidente nacional do PSL. Carlos chamou o ex-aliado de mentiroso nas redes sociais e isso desencadeou uma celeuma no governo. O ex-ministro deixou a gestão insatisfeito com a postura do presidente diante do desentendimento entre ele e Carlos.

LeiaJá também

--> Carlos: Brasil não mudará rápido por vias democráticas

--> Ao rebater Freixo, Carlos termina expondo Flávio Bolsonaro

--> Facebook bloqueia conta de Carlos Bolsonaro por sete dias

Através de sua conta no Instagram, Débora Dantas, 19 anos, tenta mostrar um pouco da sua luta para a recuperação plena depois que sobreviveu ao escalpelamento. Sempre sorridente, nesta segunda-feira (11), a jovem compartilhou uma foto mostrando boa parte da sua cabeça que, antes, ela não mostrava tanto. 

"A questão é que sempre há o que aprender, o que se conquistar e todos tem um pedaço disso. Minha filosofia de vida é salvar outras vidas, respeitar o direito e o dever, se eu nasci com isso? Não, nós nos construímos a cada dia que vivemos, a vida é linda quando aprendemos com os erros. Escolha o seu caminho e conquiste-o", escreveu Débora. 

##RECOMENDA##

No dia 11 de agosto, a jovem sofreu o escalpelamento quando pilotava um kart num espaço montado dentro do supermercado Walmart, em Boa Viagem, Zona Sul do Recife. Depois de passar por 15 cirurgias, Débora recebeu alta médica no dia 12 de outubro.

[@#video#@]

Um vídeo viralizou nas redes sociais, na última sexta-feira (8), por mostrar uma criança fazendo um trabalho escolar em uma loja de eletrônicos no Shopping Recife, na Zona Sul da capital pernambucana. Nas imagens, o menino aparece escrevendo ao lado de um tablet e uma pessoa que narra o momento diz que ele está no local fazendo um trabalho de geografia, porque não tem acesso à internet ou um computador em casa.

[@#video#@]

##RECOMENDA##

O vídeo logo ganhou repercussão e muitas pessoas apareceram dispostas a ajudar e querendo identificar o garoto. O perfil do Instagram 'Razões para acreditar' publicou as imagens para tentar localizar a criança e em menos de 20 horas após a publicação o vídeo já contava com mais de 900 mil visualizações. Além disso, descobriu-se também que ele se chama Guilherme, tem 10 anos e é aluno do 5º ano. 

A Samsung, marcada na postagem por diversos seguidores, comentou a publicação se disponibilizando para ajudar a família. Outros internautas também afirmaram que vão se mobilizar em prol do garoto. O perfil informou ainda que já está em contato com a família dele.

Reprodução / Instagram @razoesparaacreditar

Após o Supremo Tribunal Federal (STF) derrubar a possibilidade de prisão em segunda instância, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) deixou nesta-feira (8), em Curitiba, a Polícia Federal. A saída de Lula foi recebida na internet por crítica e apoio.

No meio da repercussão em volta do político, Pabllo Vittar não escondeu sua alegria ao saber da liberdade de Lula. "Que amor", escreveu a voz do hit 'Problema Seu', ao ver uma foto do ex-presidente arrumando a mala para deixar a prisão. A mensagem de Pabllo em um perfil no Instagram, que aborda o universo sociopolítico, divertiu os fãs da cantora. 

##RECOMENDA##

"Mulher, tu não ia buscar ele [Lula] no teu helicóptero rosa?", brincou um dos seguidores. "Vai buscar o nosso pai, po***", comentou outra pessoa. Assim como Pabllo Vittar, outros famosos se manifestaram a favor da soltura de Lula. José de Abreu, Maria Ribeiro, Caio Paduan, Débora Nascimento, Thiago Lacerda, Tulipa Ruiz e Guta Stresser realizaram postagens de apoio nas redes sociais.

Que Anitta é chegada a procedimentos estéticos e cirurgias plásticas não é segredo para ninguém. A cantora faz questão de falar sobre as intervenções pelas quais já passou em busca do visual dos seus sonhos. Na última quinta-feira (7), ela contou aos seguidores que seu novo objetivo é ficar com a boca igual ao efeito de um filtro do Instagram e que já passou por 'agulhadas' em uma clínica para chegar lá. 

Em seus stories, Anitta mostrou o resultado do procedimento que deveria deixar seus lábios tal qual o filtro que ela gosta de usar no aplicativo. Mas, ela não pareceu muito satisfeita com o resultado. "Eu queria mais! Está metida, mas não está. Queria mais pro alto. Vou voltar, doutor. Não acho que deu tanta diferença", disse. 

##RECOMENDA##

Ela também explicou para o público como foi a intervenção que fez. "Para quem quer saber, ele (o médico) não colocou nada embaixo, nem dos lados, foi só para dar uma arrebitada". Fazendo graça, Anitta ficou questionando os amigos que estavam junto a ela no momento se realmente precisava fazer mais aplicações. 

Mesmo em lados opostos na política e até em pensamentos ideológicos, Manuela D'Ávila, que é ex-deputada pelo PCdoB e foi candidata à vice-presidência na chapa de Fernando Haddad (PT) na última corrida eleitoral, compartilhou uma carta pública se solidarizando com a deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), que vem sofrendo ameaças e ataques machistas desde que começou um atrito com os filhos do presidente Jair Bolsonaro (PSL) - principalmente com o vereador Carlos Bolsonaro (PSL).

Na carta, Manuela escreveu que ela e Joice nunca estiveram juntas, mas recentemente haviam participado, por telefone, de uma entrevista. Naquela ocasião, Hasselmann ainda era líder do governo e ambas divergiam sobre a existência do machismo no congresso nacional. “Fico sinceramente triste por você ter percebido, na prática, que aquilo que eu dizia era real de uma maneira tão brutal e cruel. O machismo existe alí porque existe no mundo”, escreveu D'Ávila.

##RECOMENDA##

Essa solidariedade para com a deputada federal acontece depois dela ter subido na tribuna chorado na Câmara dos Deputados ao falar sobre ataques que vem sofrendo nas redes sociais pela chamada "milícia digital" bolsonarista. Hasselmann disse na ocasião que esses ataques já chegaram aos seus filhos e outros familiares.

“Eu lhe escrevo para ser solidária com tudo o que você tem passado. Não é mesmo nada fácil ser mulher e cair nas mãos da milícia virtual que governa o Brasil. Não é fácil ver como eles envolvem os nossos filhos para buscar nos destruir emocionalmente. Eles buscam nos liquidar, Joice, nos levar às lágrimas. Como te levaram na tribuna, como me levam quase todos os dias há longos quatro anos”, pontua Manuela.

O texto de apoio a Joice fez com que o nome de Manuela D'Ávila ficasse entre os assuntos mais comentados do Twitter hoje. Muitos classificaram a ação de Manuela como uma atitude nobre, tendo em vista que, durante a corrida presidencial, Joice participou de alguns movimentos contra a esquerda - inclusive foi apontada como uma das pessoas que disseminaram informações falsas contra Manuela. 

Na rede social, vários internautas falaram do assunto: "Eu senti vontade de chorar vendo a Joice chorando no Congresso, depois chorei de fato com a carta aberta que a Manuela D'Ávila fez sobre o choro da Joice"; "Manuela D´Ávila é gigante! já foi vítima do exército dos Bolsonaros enquanto Joice os apoiava, mas ao invés de tripudiar em cima da sua dor, Manu se solidariza e chama na responsabilidade de denunciar esse esquema mafioso".

Páginas

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando