Tópicos | Neymar

Segundo informações da jornalista Fábia Oliveira, Nadine Gonçalves, a mãe de Neymar Jr., estaria sendo alvo de chantagem do seu namorado, Tiago Ramos, e por esse motivo, ela ainda estaria no relacionamento. A assessoria nega o caso e diz que a história não passa de uma "fake news".

De acordo com a fonte de Fábia Oliveira, Tiago teria um vídeo íntimo do casal, onde eles aparecem se relacionando. A mãe do craque do PSG não teria denunciado com medo do escândalo que envolveria sua família.

##RECOMENDA##

Ainda, segundo informações da coluna, Neymar e a família estão cientes do vídeo.

Assessoria desmente colunista

Em contato com o LeiaJá, a assessoria de Nadine Gonçalves negou que exista qualquer tentativa de chantagem e que ela está "solteira e feliz".

Com informações da Agência Estado

Se você acompanhou de perto o anúncio dos participantes do Big Brother Brasil 22, já está sabendo que Neymar Jr. apoiará a integrante do time Pipoca, Bárbara. E a escolha da torcida não é por acaso. A sister e o jogador já se conheciam e se seguem nas redes sociais.

Segundo Marci Fernandes, amiga da participante, contou ao jornal Extra, a dupla já trocou beijos quando ambos eram solteiros:

##RECOMENDA##

- Os dois não têm mais tanto contato hoje, mas têm essa relação de admiração. Eles ficaram quando eram solteiros e fim. São vários amigos em comum, mas atualmente Neymar namora e Bárbara, também.

Além de contar sobre a história de Neymar e Bárbara, Marci confessou que as amizades famosas da gaúcha quase nunca são pautas:

- A gente nem fica falando muito sobre isso, porque Bárbara sempre frequentou, até por conta da profissão, em meio a locais com celebridades. E tudo sempre de forma natural. Com o Neymar, por exemplo, eles têm amigos em comum, no mesmo grupo. As pessoas ficam falando dele, mas também há muitos outros que são amigos de verdade também, tão famosos quanto.

Apesar de ter ficado com outras personalidades conhecidas, como Gabriel Medina e Gabriel David, a sister está em um relacionamento com Rick Maia, empresário e piloto de helicóptero.

Uns amam, outros não o suportam. Neymar já foi manchete de inúmeras notícias, seja por suas polêmicas dentro e fora dos campos, ou por suas jogadas, seus gols e suas conquistas, como quando comandou a seleção brasileira na inédita medalha de ouro em Jogos Olímpicos, no Rio-2016, ou quando liderou o Paris Saint-Germain em sua primeira final da história de Liga dos Campeões.

O fato é que poucos conhecem realmente como é o cotidiano e a vida pessoal de Neymar. Seus conflitos internos e externos, seus gostos e costumes, seu convívio com seu pai e empresário, seus amigos e todas as pessoas que o cercam. Tudo isto e muito mais é trazido pela série documental "Neymar: O Caos Perfeito", da Netflix. A produção se propõe a contar como é a vida do astro do futebol brasileiro de uma forma que nenhum torcedor do Brasil ou do mundo sequer imaginou.

##RECOMENDA##

[@#video#@]

A série estreia mundialmente na plataforma de streaming no dia 25 de janeiro, mas a reportagem do Estadão já teve acesso exclusivo de forma antecipada aos três episódios desta história. O responsável por dirigir o projeto é David Charles Rodrigues, cineasta que nasceu nos Estados Unidos, mas viveu boa parte da sua vida em território nacional e que se identifica como brasileiro.

David fez, durante um bom tempo, parte da rotina de Neymar. Seja no Paris Saint-Germain ou na seleção brasileira. Ele conta a história do camisa 10 desde sua aparição nas categorias de base do Santos, sua revelação ao futebol brasileiro e mundial, a primeira convocação e trajetória até agora na delegação nacional, a chegada ao mercado europeu com o contrato com o Barcelona, a polêmica transferência ao Paris Saint-Germain e o 'quase-retorno' ao time catalão. Mas, acima de tudo, o lado de Neymar que ninguém conhece.

"Eu acho, e é uma coisa que eu até gostaria de ter explorado mais na narrativa, mas que não deu certo por falta de tempo... eu acho que ele é uma pessoa muito criativa. Eu acho que a criatividade dele, você vê em campo. Mas eu acho que tem outros aspectos na vida dele. Eu acho que a criatividade dele vai se revelar mais ainda depois que ele se aposentar, depois que ele tiver tempo realmente de explorar esse lado", contou David.

O diretor revela que o próprio título da série foi Neymar quem sugeriu. "Ele me ligou um dia e falou o que eu achava. Bem humilde, na verdade. Eu tinha escrito umas mil ideias, mil versões, mas acho que essa realmente encapsulou a série da melhor forma possível. E isso foi muito antes de ele ver a série. Ele não tinha visto nada. Ele não tinha ideia do que eu estava construindo. Isso mostra a visão criativa dele", acrescentou.

David fala ainda que, além da criatividade, outra coisa que o impactou bastante foi a identidade forte de Neymar. "A consistência da personalidade dele é até admirável. Eu nunca vi ninguém assim.", declarou. "As pessoas mudam quando mudam de país, de emprego, de vida... Você vai mudando o seu jeito de ser e ele é uma das poucas pessoas que eu conheci na minha vida que continua evoluindo como ser humano, mas a essência dele é a mesma desde pequeno."

POLÊMICO E DIVISÍVEL - O que ninguém nega, nem o próprio diretor, é a capacidade de Neymar de ser protagonista e de gerar manchetes de notícias onde estiver. Seja pelo lado bom, seja pelo lado ruim. Tantos altos e baixos fazem de Neymar uma pessoa que divide a opinião pública. Tem os que o idolatram, e tem os que não o suportam. Para David, que conviveu diretamente com estes dois momentos do astro, existem também duas hipóteses que justificam a divergência de opiniões.

"A primeira é que ele é apenas o símbolo do momento dividido que estamos vivendo no mundo inteiro. Não só no Brasil, mas aqui nos Estados Unidos. Essa divisão que vem sendo criada, seja ela por mídias sociais ou pela imprensa ou só pela evolução da nossa história mundial", analisou o cineasta. "Acho que você sempre tem que pegar algumas pessoas, especialmente pessoas famosas ou ídolos, e elas acabam virando símbolos desta divisão. Eu acho que tem a ver com o momento histórico que estamos vivendo e, por sorte ou por azar, o Neymar é a estrela deste momento."

Em uma conversa de David com o editor do jornal esportivo francês L'Équipe, a dupla acabou chegando à segunda hipótese. Os dois compararam Messi e Neymar e a conclusão a que chegaram foi bastante reveladora. "Ele me falou que com Messi, você passa duas horas por semana com ele. Talvez quatro, se tiver dois jogos na semana. É o tempo que ele está em campo. Fora de campo você não pensa, ou conhece, ou vive o Messi", explicou.

"Já o Neymar está no ar 24 horas por dia. A diferença é como se você tivesse um amigo que você vê uma vez por mês e outro amigo que você vive com ele. Aquele que você vive todos os dias você acaba vendo todos os lados da pessoa e vão ter coisas que você gosta e coisas que não gosta."

Para contar a história do polêmico jogador, de uma personalidade tão particular do futebol brasileiro e mundial, foram ouvidas diversas personalidade do mundo esportivo. Foram colhidos depoimentos de importantes jornalistas brasileiros e estrangeiros e outras pessoas que marcaram a carreira de Neymar: Lima, o "Curinga da Vila" e ídolo do Santos, e jogadores como Lionel Messi, Luis Suárez, Daniel Alves, Thiago Silva, Kylian Mbappé e David Beckham.

A série mostra que, desde cedo, Neymar teve de viver com uma realidade de holofotes, glamour e outras consequência que a fama precoce traz. Boa parte do documentário mostra que o astro tem de lidar com dois mundos: esportivo e das celebridades. Neste meio, família e amigos surgem como alicerces para que o camisa 10 continue em busca de seus objetivos pessoais e profissionais, mesmo que estes entrem em conflito em determinados momentos.

Produzir o projeto, entretanto, não foi fácil. David conta dirigir um documentário sobre alguém que está 24 horas por dia nos holofotes não é tarefa simples. O espectador deve assistir aos episódios sem conceitos antecipados, segundo o diretor. "O segredo é entrar na história de cabeça e de coração aberto. De não usar nenhum julgamento próprio, ou da mídia, da carreira ou da história dele. De chegar lá e de ver ele no tempo presente, como quando você conhece uma pessoa nova na sua vida."

"Foi essa relação que eu acabei estabelecendo com ele e com a família, que acabou abrindo todas as portas e que nos deu a oportunidade de criar uma série tão íntima e tão reveladora. Não no sentido de fofoca, mas reveladora no sentido de realmente mostrar o lado humano dele e de mostrar a vida dele como ela é", completou o diretor.

"É muito difícil filmar uma pessoa que é filmada o tempo inteiro. E mostrar um lado dele que você não conhecia. Para mim, é uma honra poder apresentar um lado novo do Neymar", afirmou o cineasta. "Lógico que na série vão ter vários lados que as pessoas já conhecem. Mas tem um lado muito sincero, muito íntimo que eu acho que muita gente ainda não conhece. Apresentar esse Neymar para as pessoas é muito especial para mim poder fazer isso."

CARREIRA E IDENTIDADE NACIONAL - Assim como foi um desafio para Neymar abrir as portas de sua vida, também foi para o diretor entrar por esta. Ele diz que este trabalho o reconectou com a infância e adolescência vivida no Brasil. David Charles Rodrigues mora na Califórnia há 16 anos. Mas a família e o pai ainda estão por aqui. O contato pessoal e cultural, por mais que distante, é constante.

"Eu sou cruzeirense (risos). Meu pai jogava basquete no Cruzeiro. Eu cresci no bar do Cruzeiro indo com meu pai. Ele era amigo do Tostão, do Dirceu Lopes, do Raul Plassmann...", revelou. "Para mim foi legal me reconectar com esse lado da minha vida que estava bem distante. Por isso foi importante para mim ir até o bar do Santos e filmar lá, filmar o seu Lima... De resgatar um lado mais poético, mais nostálgico do futebol que se perdeu na minha vida, mas também um pouco no mundo mesmo."

David nasceu nos Estados Unidos, mas viveu no Brasil dos 8 aos 25 anos. Ele mesmo se identifica como brasileiro nos lugares onde vai. "Poder mostrar um lado mais real do Brasil. Mesmo dentro de uma 'surrealidade' de um atleta como Neymar. É lógico que não é a realidade de um brasileiro normal. Mas eu queria muito apresentar de uma forma não clichê."

"O jeito que as pessoas olham para o Brasil... O jeito que o Brasil é apresentado para o mundo nem sempre é de uma forma que o brasileiro considera real. Para mim foi muito importante mostrar esse lado o máximo que eu pude", disse. "Tem várias dimensões de brasilidade que foram importantes para mim. Uma delas foi a música."

Através da pesquisa pela trilha sonora para o documentário, David pôde fortalecer o laços que já tinha com a cultura do País.

"Eu sou muito amigo do DJ João Brasil. No começo da série eu pedi para ele criar uma playlist", conta o cineasta. "Eu perguntei: qual seria a playlist que o Neymar ouviria? E o João criou pra mim. E dentro desta playlist tinha essa música do Rincón (Sapiência), que é uma das minhas músicas favoritas na série, que traz esse Brasil de agora para o mundo. Para mim foi muito importante fazer e mostrar isso."

MENSAGEM - "Assistir sem preconceito. Assistir como se tivesse conhecendo uma pessoa pela primeira vez. Talvez você saiba a história do Neymar. Talvez você tenha opiniões sobre ele vendo a mídia e as redes sociais dele. Mas, assistindo a este documentário, eu acho que é uma oportunidade de você conhecer a pessoa dele e da família dele. É uma trajetória muito especial e que poucas pessoas têm a oportunidade de vivenciar. É uma forma da gente compartilhar essa história com as pessoas", finalizou o diretor.

Segundo informações da colunista Fábia Oliveira, Nadine Gonçalves, mãe do jogador Neymar Jr. prestou um depoimento defendendo o filho das acusações de homofobia, incitação ao ódio, ameaça de morte e formação de quadrilha contra o ex-namorado Tiago Ramos feitas pelo ativista LGBTQIA+ Agripino Magalhães. Ela teria dito que o atleta jamais faria ou mandaria fazer uma maldade contra qualquer pessoa.

Ainda conforme a jornalista, Ângelo Carbone, advogado do ativista, afirmou que o depoimento de Nadine, cujo teor está em segredo de Justiça, é uma tentativa de salvar o filho da condenação do crime de homofobia.

##RECOMENDA##

"Ela quer livrar o filho de pena que pode ser de dois a oito anos de prisão. A mãe, claro, amenizou os xingamentos, apelou para o nervosismo, para o ciúme de um filho com a mãe. Enfim. Temos que agora conseguir que o próprio Neymar seja ouvido. Mas, a polícia não consegue achá-lo no Brasil nem na França."

Em junho de 2020, Agripino Magalhães fez as denúncias ao Ministério Público por conta de um áudio vazado. Nele, Neymar Jr. xingava Tiago Ramos, que é bissexual, de viadinho e os amigos do jogador sugeriam que ele fosse torturado com um cabo de vassoura.

Fábia Oliveira afirma que o militante também está acusando o atleta de ser o mandante de um assalto à mão armada e cobrará um milhão de reais por danos morais.

O atacante Neymar já está na França após passar as festas de fim de ano no Brasil. Recuperando-se de grave lesão no tornozelo esquerdo, o brasileiro iniciará em Paris sua corrida contra o tempo para estar inteiro nos jogos contra o Real Madrid pelas oitavas de final da Liga dos Campeões.

O brasileiro usou suas redes sociais para anunciar que já está "em casa". O primeiro duelo com os espanhóis está marcado para o dia 15 de fevereiro, no Parque dos Príncipes, e Neymar terá pouco tempo para se preparar. O clube acredita em tê-lo nesta partida.

##RECOMENDA##

[@#video#@]

Saúde do Neymar

No último boletim médico dos franceses, a expectativa é a de que o brasileiro retorne aos treinos somente daqui três semanas, ou seja, no fim do mês. "Neymar continua o seu cuidado com os membros da equipe médica e com o desempenho do Paris Saint-Germain", informou o PSG. "O seu regresso aos treinos ainda está previsto para dentro de cerca de 3 semanas."

O astro não joga desde o dia 28 de novembro, quando se lesionou em visita ao Saint-Étienne, pelo Campeonato Francês. Já são oito jogos de ausência e a ideia no PSG é prepará-lo para estar inteiro na Liga dos Campeões.

No fim de janeiro e início de fevereiro ocorrem mais dois jogos das Eliminatórias Sul-Americanas, mas sua ida à seleção brasileira está descartada. O PSG imagina que Neymar nem seja convocado - caso antecipe a recuperação - pelo fato de a seleção brasileira já estar garantida na Copa do Catar.

O PSG terá cinco partidas antes de encarar os merengues, sendo três em janeiro, e a ideia do técnico Maurício Pochettino é testá-lo ao menos um vez. Os embates de fevereiro serão diante do Lille e do Rennes.

Um estudo feito pela CIES Football Observatory (Observatório de Futebol do Centro Internacional de Estudos de Esporte) definiu o brasileiro Vinícius Júnior como jogador mais valioso atuando em uma das 5 principais ligas de futebol do mundo. No pódio, atrás dele estão Foden, jovem inglês do Manchester City e Haaland, do Borussia Dortmund.

O estudo detalha os 100 mais valiosos e leva em consideração idade, momento atual, tempo de contrato restante e alguns outros fatores.

##RECOMENDA##

No topo da lista, Vinícius Júnior, com 21 anos, e o valor de Є 166,4 milhões, cerca de R$ 1,05 bilhão na conversão direta. Foden, em segundo, foi avaliado em Є 152,6 milhões e Haaland, disputadíssimo atualmente no mercado, Є 142,5.

Neymar e Mbappé

O estudo demonstra ainda a desvalorização de Neymar e Mbappé, desvalorizados, na posição 83º e 46º respectivamente. Os astros não lideram entre os mais valiosos nem na Liga Francesa, atrás de companheiros de PSG como o goleiro Donarumma e o lateral direito Hakimi.

A situação do francês se dá exclusivamente por conta do seu contrato estar no fim e sua saída para o Real Madrid estar próxima de ser feita apenas com pagamentos de luvas, podendo já ter pré-contrato assinado a partir de janeiro.

Já a do brasileiro é mais crítica. Uma sequência de lesões e seus desempenhos atuais o colocam atrás de vários brasileiros com menos mídia que o próprio. Além de Vinícius Júnior, Gabriel Jesus, Militão, Marquinhos, Alisson e Ederson estão à frente do atacante do PSG.

Confira a lista de classificação de valores dos brasileiros que aparecem na lista:

Vinícius Jr. - Є 164,4 milhões (1º)

Gabriel Jesus – Є 88,2 milhões (28º)

Éder Militão – Є 78,6 milhões (39º)

Marquinhos – Є 60,9 milhões (66º)

Alisson Becker – Є 57,4 milhões (74º)

Ederson Moraes – Є 56,2 milhões (81º)

Neymar Jr. – Є 56,1 milhões (83º)

Paquetá – Є 55,0 milhões (90º)

Para ver a lista completa, acesse o link.

Nesta quarta-feira (22), o departamento médico do Paris Saint-Germain divulgou, por meio de um boletim oficial, que a lesão nos ligamentos do tornozelo esquerdo de Neymar Jr. precisa de pouco mais de um mês para ter recuperação completa. Desta forma, ao que tudo indica, o camisa 10 do PSG volta aos gramados apenas no final de janeiro ou no início de fevereiro, quando estará em vigor a 23ª rodada da Ligue 1.

A lesão em questão aconteceu em 28 de novembro, em partida válida pela 15ª rodada do Campeonato Francês. O PSG visitou o Saint Etienne e venceu o duelo por 3 a 1, mas apesar da vitória, aos 38 minutos do 2° tempo, Neymar pisou em falso no gramado, justamente no momento em que um adversário chegou com um carrinho por trás. O craque saiu de maca do estádio para ser atendido imediatamente.

##RECOMENDA##

Vale lembrar que esta não é a primeira vez que Neymar sofre uma lesão que o tirou dos gramados por mais de um mês. Anteriormente, em 2018 e 2019, o brasileiro sofreu duas fraturas no osso metatarso do pé direito, o que o fez perder ritmo de jogo, e chegou a comprometer não apenas o PSG, mas também a Seleção Brasileira com um desempenho abaixo da média na última Copa do Mundo FIFA sediada na Rússia.

 

 

O ingresso mais barato para ver o duelo entre Neymar, do PSG, e Vinicius Junior, do Real Madrid, está custando cerca de 1.600 reais. Mas calma, o valor mais salgado, bem na beira do gramado está sendo vendido por 2.173 euros, algo em torno de 13 mil reais. E aí, você pagaria?

A informação é do jornal francês Le Parisien. O alto preço do duelo, bem acima do que é costumeiramente praticado no Parque dos Príncipes, casa do time francês, chamou atenção da mídia local. 

##RECOMENDA##

PSG e Real Madrid se encontram no dia 15 de fevereiro, para o jogo de ida das oitavas de final da Liga dos Campeões. O duelo vai colocar frente a frente os dois brasileiros, levando em conta que Neymar deve se recuperar da lesão no tornozelo que o afastou dos últimos jogos.

Já Vinícius vem vivendo uma grande fase e se tornando a referência no time madrilenho. Para muitos, inclusive, ‘Vini malvadeza’ atualmente é o melhor brasileiro atuando na Europa. O jogo de volta das equipes, no Santiago Bernabéu, acontece no dia 9 de março.

Neymar vai ter um documentário na Netflix, que será lançado no dia 25 de janeiro de 2022, contando sobre a sua vida dentro e fora dos campos. "Neymar: O Caos Perfeito" é uma série dividida em três partes que mostra o lado pessoal do astro, acompanha a sua ascensão à fama no Santos, seus dias de glória no Barcelona e a montanha-russa com a seleção brasileira e atuando pelo Paris Saint-Germain.

Dirigida por David Charles Rodrigues, o documentário também apresenta a máquina de marketing por trás do atleta, comandada pelo seu pai. A série traz entrevistas com astros como Lionel Messi, Kylian Mbappé, David Beckham e outros grandes jogadores, que analisam o lugar de Neymar na história do futebol.

##RECOMENDA##

Em sua conta no Instagram, Neymar comemorou o lançamento do seu documentário. "Hoje é um dia muito especial pra mim e acredito também para todos os que estiveram comigo nesta longa jornada desde que comecei no futebol. A @netflix anuncia hoje o lançamento de 'Neymar: O Caos Perfeito', que estará disponível na plataforma a partir de 25 de Janeiro. Minha história toda, dentro e fora do campo, com muitos bastidores, depoimentos, gestão de carreira e muito mais. Ansioso é pouco! Obrigado @kingjames e @mavcarter pela produção e @davidas pela direção e condução".

Esse é o segundo documentário sobre o craque brasileiro lançado este ano. Em novembro, a NR Sports, empresa que gerencia a imagem do jogador, lançou o filme Por dentro da História.

Neymar se recupera de uma lesão sofrida no dia 29 de novembro. Na partida contra o Saint-Étienne, pelo Campeonato Francês, o astro brasileiro pisou em falso no chão e acabou virando o tornozelo esquerdo. Ele sofreu uma lesão ligamentar e está em processo de tratamento.

[@#video#@]

LeiaJá também

--> Romário vai ganhar série documental na HBO Max

O atacante Neymar já tem data prevista para voltar aos treinos no Paris Saint-Germain. Neste sábado, o clube francês atualizou a condição clínica do brasileiro, que se recupera de uma lesão nos ligamentos do tornozelo esquerdo.

Segundo o clube, a recuperação de Neymar segue como planejado e o retorno acontecerá em meados de janeiro. O brasileiro sofreu a lesão no dia 28 de novembro, na vitória por 3 a 1 diante do Saint-Étienne, pela 15ª rodada do Campeonato Francês.

##RECOMENDA##

Sem Neymar, o PSG ainda não venceu na competição. Empatou sem gols diante do Nice, no Parque dos Príncipes, e ficou no 1 a 1 com o Lens, fora de casa.

No entanto, vem de goleada na Liga dos Campeões. O PSG fez 4 a 1 no Brugge e confirmou a segunda colocação do Grupo A, com 11 pontos, um a menos do que o Manchester City.

A expectativa do PSG, inclusive, é contar com Neymar nas oitavas de final do torneio. O confronto será definido através de sorteio, a ser realizado na próxima segunda-feira.

Enquanto isso, Neymar vem usando as redes sociais para mostrar sua evolução do tratamento estipulado pelo departamento médico do clube. O atacante ainda vem se locomovendo com ajuda de muletas, mas tem feito vários exercícios físicos para diminuir o prejuízo com o tempo parado.

Sem Neymar, o PSG volta a campo diante do Monaco, em jogo marcado para este domingo, às 16h45, no Parque do Príncipe, pela 18ª rodada do Campeonato Francês.

O ano de 2021 dentro dos gramados acabou para Neymar neste domingo, na visita ao Saint-Étienne, pelo Campeonato Francês. Ao tentar pular um adversário, o brasileiro pisou em falso no chão e acabou virando o tornozelo esquerdo. Foi retirado de campo chorando. Após exames, o Paris Saint-Germain anunciou que o atacante sofreu uma lesão ligamentar e ficará ausente dos jogos "entre seis e oito semanas."

Após a vitória por 3 a 1, Neymar deixou o estádio amparado por muletas, sem conseguir colocar o pé esquerdo no chão e foi submetido a exames mais detalhados já em Paris que confirmaram a gravidade da lesão.

##RECOMENDA##

"Os exames realizados ontem à noite confirmam que Neymar Jr sofreu um entorse no tornozelo esquerdo com lesão ligamentar. É previsível uma indisponibilidade de 6 a 8 semanas. Um novo exame será feito em 72 horas para especificar a evolução", anunciou o clube francês.

Neymar deve desfalcar o PSG por até oito partidas e perderá as tradicionais "peladas" de fim de ano que costuma disputar com os amigos no Brasil. Caso fique o tempo máximo em recuperação, chegará sem ritmo para a próxima rodada das Eliminatórias Sul-Americanas, no fim de janeiro, quando estará retornando ao PSG.

A seleção brasileira visita o Equador, dia 27 de janeiro. No dia 1° de fevereiro hospeda o Paraguai. Apesar de classificada, a equipe de Tite vai encarar dois rivais em busca da vaga e promete não facilitar para não prejudicar os demais adversários também lutando para ir à Copa do Mundo do Catar.

Neymar virou alvo de preocupação neste domingo ao sofrer dura falta durante o jogo do Paris Saint-Germain contra o Saint-Étienne, em rodada do Campeonato Francês. O atacante brasileiro sofreu uma torção no tornozelo esquerdo e deixou o gramado do estádio Geofrroy Guichard de maca e chorando.

"Bora recuperar, infelizmente esses contratempos fazem parte da vida de uma atleta. Agora é o que tem, levantar a cabeça e vamo que vamo. Voltarei melhor e mais forte", disse o atacante brasileiro, nas redes sociais.

##RECOMENDA##

Ao lado da mensagem, Neymar publicou duas fotos em que aparece caído no gramado. A primeira mostra o momento do choque entre ele e o adversário, em que aparece o momento exato da torção no tornozelo. A segunda exibe o jogador chorando com as mãos no rosto no campo.

[@#video#@]

O jogador deixou o estádio de muletas e com um bota no pé esquerdo. O clube francês ainda não se manifestou sobre o problema físico do brasileiro. De acordo com o time de Paris, os médicos vão precisar fazer exames de imagem nesta segunda-feira para avaliar a gravidade da lesão.

A lesão deve preocupar o técnico Tite para a sequência da preparação brasileira para a Copa do Mundo do Catar, em novembro do próximo ano. O Brasil já está classificado, mas busca fazer amistosos com seleções europeias nos primeiros meses de 2022 para testar a equipe diante de rivais mais complicados.

A seleção volta a campo no fim de janeiro para enfrentar o Equador, fora de casa, pelas Eliminatórias Sul-Americanas da Copa.

O PSG teve dificuldades mesmo com um homem a mais durante todo o segundo tempo, mas conseguiu a virada e venceu o Saint-Étienne por 3 a 1 neste domingo, no Geoffroy Guichard, com dois gols de Marquinhos e um de Di María. Apesar do alívio com o resultado, o sentimento se misturou a uma grande dose de preocupação, já que Neymar torceu o tornozelo nos minutos finais e deixou o gramado chorando.

A cena do sofrimento do brasileiro contrastou também com a alegria pela estreia de Sergio Ramos, que foi contratado em julho e só agora reuniu as condições ideais de jogo. Sem atuar desde maio, quando ainda era jogador do Real Madrid, o espanhol começou jogando depois de ficar no banco de reservas na partida anterior, contra o Manchester City, sem ser aproveitado. O grande destaque da defesa, contudo, foi Marquinhos, com duas bolas na rede.

##RECOMENDA##

A vitória suada contra o lanterna da liga nacional, no jogo válido pela 15ª rodada, mantém o time de Paris isolado na liderança, com 40 pontos, 14 a mais que o vice-líder Nice. O Saint-Étienne, que fez um jogo de superação depois de ter Kolodziejczak expulso no final do segundo tempo, tem apenas 12 pontos.

O PSG não fez um bom primeiro tempo. Neymar chegou a balançar a rede aos quatro minutos, mas o gol foi anulado por impedimento, conforme constatou a análise do VAR. Depois disso, o que se viu foi um Saint-Étienne mais organizado para aproveitar as fraquezas demonstradas pelo adversário. Assim, o zero saiu do placar aos 22 minutos, quando Bouanga pegou rebote após chute de Kolodziejczak e bateu firme para a rede parisiense.

Enquanto isso, o Paris Saint-German sofria com uma atuação apagada de seus craques, principalmente de Messi. Em um momento de pressão nos minutos finais antes do intervalo, Kolodziejczak acabou expulso após carrinho em Mbappé e abriu caminho para o empate, alcançado com um gol de cabeça de Marquinhos, aos 46.

Com um a mais em campo, o PSG conseguiu se arrumar e começou a dominar a partida, com Mbappé, Neymar e Messi mais ligados e participativos, mas a bem montada defesa adversária se protegia com eficiência. Em uma das tentativas de passar pelos adversários, o time de Paris teve uma sequência com um chute de Neymar em cima do goleiro Green e outro de Messi, que mandou para fora no rebote.

No fim das contas, a atuação esforçada do Saint-Etienne não suportou a qualidade dos jogadores adversários. Aos 33 minutos, Messi recebeu perto da área, ganhou a bola após dividida e deu um lindo passe para o compatriota Di María marcar a gol da virada.

Lesão de Neymar

Perto do final, aos 38 minutos, a alegria do torcedor do PSG virou preocupação quando Neymar foi ao chão após torcer o tornozelo, chorando de dor, e precisou sair de campo carregado pela maca. Algum tempo depois, aos 45, Marquinhos fechou o placar.

[@#video#@]

O PSG volta a campo na próxima quarta-feira, quando enfrenta o Nice no Parc des Princes, pela 16ª rodada do Francês, a partir das 17 horas. Já o Saint-Étienne visita o Brest no Franncis-Le Blé, às 15 horas.

A Fifa divulgou nesta segunda-feira os indicados ao The Best, prêmio que coroa os melhores jogadores da temporada no futebol internacional. Serão escolhidos os melhores jogadores, treinadores e goleiros nas categorias masculina e feminina da modalidade. A cerimônia está marcada para 17 de janeiro de 2022.

A votação para a escolha dos melhores do mundo já está aberta no site oficial da Fifa e vai ficar disponível até o dia 10 de dezembro. Representando o Brasil, Neymar e Alisson, goleiro do Liverpool e da seleção brasileira, estão entre os indicados ao prêmio. Marta, eleita seis vezes a melhor jogadora do planeta, acabou ficando fora desta vez.

##RECOMENDA##

Atual vencedor do prêmio na categoria masculina, o atacante Robert Lewandowski é um dos cotados para levar o título mais uma vez para casa. Em alta no Bayern de Munique, o atacante polonês tem como principal concorrente Jorginho, meia brasileiro naturalizado italiano que foi destaque na conquista da Liga dos Campeões, pelo Chelsea, e da Eurocopa, pela seleção da Itália.

Messi e Cristiano Ronaldo, que dominaram a premiação praticamente sozinhos na última década, também estão entre os indicados. O craque argentino é o recordista na categoria masculina, com seis títulos, enquanto o português foi eleito cinco vezes. Ambos trocaram de equipe recentemente. Messi deixou o Barcelona para fazer fama no Paris Saint-Germain, junto com Neymar. Cristiano Ronaldo rompeu seu contrato com a Juventus para voltar a defender o Manchester United. Vencedor em 2018, o meio-campista croata Luka Modric, do Real Madrid, também não foi lembrado desta vez.

O Brasil não tem representantes em nenhuma das outras categorias, nem como jogadora, treinadora ou goleira.

A escolha dos melhores jogador e jogadora do mundo será feita por votação, como de costume, entre esta segunda e o dia 10 de dezembro. Os eleitores serão os técnicos e capitães das seleções e jornalistas escolhidos de cada federação nacional associada à Fifa.

Em parceria com o FIFPRO, o sindicato dos jogadores, a Fifa também vai compor uma escalação dos 11 melhores do mundo, por posição. Essa premiação também haverá no feminino.

Estes prêmios serão concedidos com base no desempenho dos atletas na temporada europeia de 2020/2021. Será levado em conta também a performance dos jogadores no torneio de futebol da Olimpíada de Tóquio, no Japão. Além disso, a Fifa vai entregar prêmio de Fair Play, dos fãs (sobre iniciativa de torcedores) e também o Puskás Award, concedido ao autor do gol mais bonito do ano.

 

Confira os indicados ao prêmio The Best:

MELHOR JOGADOR

Karim Benzema (França / Real Madrid)

Kevin De Bruyne (Bélgica / Manchester City)

Cristiano Ronaldo (Portugal / Juventus / Manchester United)

Robert Lewandowski (Polônia / Bayern de Munique)

Lionel Messi (Argentina / Barcelona / Paris Saint-Germain)

Neymar (Brasil / Paris Saint-Germain)

Erling Haaland (Noruega / Borussia Dortmund)

Jorginho (Itália / Chelsea)

N’Golo Kanté (França / Chelsea)

Kylian Mbappé (França / Paris Saint-Germain)

Mohamed Salah (Egito / Liverpool)

MELHOR JOGADORA

Stina Blackstenius (Suécia / BK Häcken)

Aitana Bonmati (Espanha / FC Barcelona)

Lucy Bronze (Inglaterra / Manchester City FC)

Magdalena Eriksson (Suécia / Chelsea FC)

Caroline Graham Hansen (Noruega / FC Barcelona)

Pernille Harder (Dinamarca / Chelsea FC)

Jennifer Hermoso (Espanha / FC Barcelona)

Ji So-yun (Coreia do Sul / Chelsea FC)

Sam Kerr (Austrália / Chelsea FC)

Vivianne Miedema (Holanda / Arsenal FC)

Ellen White (Inglaterra / Manchester City FC)

Alexia Putellas (Espanha / FC Barcelona)

Christine Sinclair (Canadá / Portland Thorns FC)

MELHOR GOLEIRO

Alisson Becker (Brasil / Liverpool)

Gianluigi Donnarumma (Itália / Milan / Paris Saint-Germain)

Édouard Mendy (Senegal / Chelsea)

Manuel Neuer (Alemanha / Bayern de Munique)

Kasper Schmeichel (Dinamarca / Leicester City)

MELHOR GOLEIRA

Ann-Katrin Berger (Alemanha / Chelsea FC)

Christiane Endler (Chile / Paris Saint-Germain / Lyon)

Stephanie Lynn Marie Labbé (Canadá / FC Rosengård / Paris Saint-Germain)

Hedvig Lindahl (Suécia / Atlético de Madrid)

Alyssa Naeher (EUA / Chicago Red Stars)

MELHOR TREINADOR NO FUTEBOL MASCULINO

Antonio Conte (Itália / Inter de Milão / Tottenham)

Hansi Flick (Alemanha / FC Bayern München / seleção alemã)

Pep Guardiola (Espanha / Manchester City)

Roberto Mancini (Itália / seleção italiana)

Lionel Sebastián Scaloni (Argentina / seleção argentina)

Diego Simeone (Argentina / Atlético de Madrid)

Thomas Tuchel (Alemanha / Chelsea)

MELHOR TREINADORA NO FEMININO

Lluís Cortés (Espanha / FC Barcelona)

Peter Gerhardsson (Suécia / seleção sueca)

Emma Hayes (Inglaterra / Chelsea FC)

Beverly Priestman (Inglaterra / seleção canadense)

Sarina Wiegman (Holanda / seleção holandesa / seleção inglesa)

A saída de Camila Queiroz do elenco de Verdades Secretas 2 ainda está dando o que falar. Nesta quinta-feira (18), nada mais, nada menos que Neymar resolveu comentar sobre o assunto em seu perfil no Twitter.

"Verdades Secretas sem a Angel é a mesma coisa que arroz sem feijão, sem graça", escreveu o craque.

##RECOMENDA##

Lembrando que a confusão teve início na última quarta-feira (17), quando a TV Globo emitiu um comunicado afirmando que Camila teria sido desligada da série por ter feito demandas contratuais inaceitáveis para renovar o contrato de gravações das últimas cenas.

"A atriz Camila Queiroz não faz mais parte do elenco de Verdades Secretas 2, novela em exibição no Globoplay. Impactado pelos rigorosos protocolos adotados durante a pandemia, o período de gravação da obra, previsto para terminar no último dia 10, teve que ser ampliado por sete dias", dizia comunicado da Globo.

"A Globo, então, decidiu concluir Verdades Secretas 2 sem a participação da atriz. A novela seguirá sendo gravada e as cenas serão adaptadas para que seja mantida a essência da trama", emendou a emissora.

A equipe da atriz, por sua vez, rebateu as alegações da TV Globo dizendo que a artista, a princípio, recebeu um roteiro sobre a trajetória de sua personagem, Angel, e que ele teria sido modificado ao longo das gravações e que a emissora já havia expressado o seu desejo de mantê-la em sua terceira temporada.

A assessoria da moça ainda afirmou que a mudança dos rumos da trama de Walcyr Carrasco deixam claro que a empresa tentou puni-la exclusivamente pelo fato de ter tomado a decisão unilateral de readequar o formato de seu contrato com a TV Globo no passado - Camila optou por deixar o canal de televisão para assinar com a plataforma Netflix.

Após confirmação de que Neymar desfalcará a seleção brasileira no confronto contra a Argentina pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo nesta terça-feira (16), o Extra divulgou maratona de festas realizadas pelo atacante, desde a última partida contra a Colômbia, na última quinta-feira (11), com direito a duas viradas de noite e beijos com a atriz e cantora Mariana Rios.

A vitória sobre a Colômbia por 1 a 0 fez com que o Brasil se tornasse a primeira seleção da América do Sul garantida na Copa do Catar em 2022 e deu aos jogadores, dois dias de folga, que por Neymar, foram bem aproveitados. Segundo o jornal, na mesma noite do jogo a festa foi no bar Santo Cupido e foi até o amanhecer, com a presença de amigos e outros famosos como João Guilherme e Duda Reis. Em certo período da noite, o atacante do PSG chegou a trocar beijos com Mariana Rios, que renderam até envio de flores a atriz no dia seguinte.

##RECOMENDA##

Na sexta (12), Neymar fez algo mais privado e em sua mansão no Alphaville, com celulares proibidos e muitos famosos convidados, rolou até show de Pedro Sampaio.

A festa que durou até as 6h da manhã contou com a presença de outros jogadores da seleção como Vinícius Júnior e Lucas Paquetá, além dos cantores Pocah, Rodolffo e Kevinho.

Ao se reapresentar a seleção, na manhã do último sábado (13), foi descoberto um desconforto muscular na coxa esquerda de Neymar, o que impossibilita sua participação na partida contra a Argentina.

O atacante Neymar desfalca o Brasil no clássico desta terça-feira (16), às 20h30 (horário de Brasília), diante da Argentina, fora de casa, pela 14ª rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo. De acordo com a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) , o camisa 10 reclamou de dores no adutor da coxa esquerda durante o treino desta segunda-feira (15), na Academia de Futebol do Palmeiras, em São Paulo.

"Por não haver tempo hábil para a realização de exames complementares, a comissão técnica optou por preservar o jogador que não viajará com a delegação da seleção brasileira para San Juan [Argentina], local do jogo desta terça-feira", informou a CBF, em nota à imprensa.

##RECOMENDA##

A atividade na qual Neymar se contundiu foi realizada no período da manhã. A imprensa só teve acesso às imagens do aquecimento dos atletas, transmitidas pelo canal da CBF TV no YouTube. O treino tático comandado por Tite, com a disposição da equipe que será titular diante dos argentinos, não foi exibido.

No treino de terça-feira (14), Tite fez três mudanças em relação à equipe que derrotou a Colômbia por 1 a 0 na última sexta-feira (12), na Neo Química Arena, em São Paulo: o zagueiro Thiago Silva, o volante Casemiro (suspenso) e o atacante Gabriel Jesus deram lugar a Éder Militão, Fabinho e Matheus Cunha, respectivamente. Na vaga de Neymar, a provável opção será Vinícius Júnior, que também atua pelo lado esquerdo do ataque.

O Brasil deve enfrentar a Argentina com: Alisson, Danilo, Éder Militão, Marquinhos e Alex Sandro; Fabinho, Fred e Lucas Paquetá; Raphinha, Matheus Cunha e Vinícius Júnior.

Ganhando cada vez mais a confiança do técnico Tite, o meia Lucas Paquetá não escondeu nesta terça-feira a alegria pela grande fase que vive tanto na seleção brasileira quanto no Lyon. O jogador de 24 anos celebrou o "maravilhoso" 2021 que faz em campo e também revelou que Neymar o ajudou com um empurrãozinho em seu crescimento na seleção.

"Fico feliz pelo que estou vivendo. Me dediquei e trabalhei bastante para viver momentos como esse. Para mim, 2021 está sendo maravilhoso. Espero continuar fazendo o meu melhor, sendo feliz dentro de campo. E, na seleção, buscando meu espaço, porque muitas coisas podem acontecer, a disputa é muito grande. Sei que preciso continuar me dedicando para ter cada vez mais oportunidades", disse o meia, em entrevista coletiva.

##RECOMENDA##

Neste ano, Paquetá se tornou um dos principais armadores da seleção, ao lado de Neymar. Na França, vem brilhando a cada jogo do Lyon. Cérebro do time, participa de cada jogada decisiva da equipe tanto no Campeonato Francês quanto na Liga Europa.

"Acredito que, para chegar neste momento, cada situação que vivi valeu a pena. A passagem pelo Milan, na Itália, foi um aprendizado. Me deu mais caixa, experiência para encarar as agora as adversidades de forma diferente. Cada lugar teve o seu momento de aprendizado. E fico feliz pelo momento de hoje."

E, para atingir essa grande fase em campo, Paquetá contou com a ajuda de Neymar. "Quando vivi momentos difíceis até mesmo na seleção, ele conversou comigo. Falou para eu ter calma, disse que eu era um grande jogador, que eu poderia contribuir bastante. Atitudes como essas me tranquilizaram e deram confiança para poder dar o meu melhor", comentou.

A amizade fora de campo se revela no bom entrosamento apresentado pela dupla no último jogo, na goleada por 4 a 1 sobre o Uruguai, e até nas comemorações dos gols. "Temos uma boa amizade, com alegria, e combinar as dancinhas após os gols é sempre algo bem descontraído. Tem acontecido com bastante tranquilidade e a gente está fazendo bem dentro de campo."

Paquetá lembrou de outro atacante da seleção em sua entrevista. Ele fez elogios ao amigo Vinicius Junior, seu amigo da época do Flamengo, e disse que o jogador do Real Madrid ainda não mostrou seu potencial com a camisa da seleção.

"Fico muito feliz pelo momento do Vini. É uma coisa que ele sempre buscou, batalhou, se dedicou. E agora as coisas estão acontecendo muito bem para ele. É mérito do grande trabalho que ele vem fazendo", declarou o meia do Lyon. "Fico feliz de ele estar aqui, comigo mais uma vez. Temos a mesma amizade de antes, muito forte. Ele vem se desenvolvendo, cada vez mais forte. No tempo certo, vai conseguir fazer também um grande desempenho aqui para estar ajudando a seleção."

A seleção vai enfrentar nesta quinta-feira a Colômbia, em nova rodada das Eliminatórias sul-americanas da Copa do Mundo de 2022. O jogo será disputado na Neo Química Arena, em São Paulo. Na terça da próxima semana, o adversário será a Argentina, na última partida do Brasil neste ano.

Declaradamente fã e amigo de Marília Mendonça, Neymar fez dois gols ainda no primeiro tempo do jogo entre PSG e Bordeaux na tarde deste sábado (6) e homenageou a cantora, que faleceu em trágico acidente aéreo nessa sexta-feira (5).

A homenagem veio no primeiro gol dele na partida e o 400º na carreira. Na comemoração, homenageou Marília com uma camisa branca onde estava escrito: “Serei seu eterno fã Rainha da Sofrência. RIP MM".

##RECOMENDA##

Confira o gol e a homenagem:

[@#podcast#@]

Desde a notícia do falecimento da cantora, Neymar fez publicações aparentemente emocionadas nas redes sociais, sofrendo com a notícia.

“Me recuso a acreditar, me recuso”, publicou inicialmente.

Já pela manhã falou sobre o sentimento ao acordar. “Juro que fui dormir pedindo a Deus para que tudo fosse um sonho e que hoje, eu acordasse somente de um pesadelo”, escreveu.

O empate do Paris Saint-Germain com o RB Leipzig pela quarta rodada da Liga dos Campeões sobrou para Neymar. Irritado com a arbitragem e com o uso do VAR, o técnico Jesse Marsch detonou a turma do apito no empate de 2 a 2 e disse que o juiz sueco Andreas Ekberg se rendeu ao talento e à fama do camisa 10 do clube francês, um dos principais candidatos a ganhar a competição da Europa.

"Em muitos momentos, parecia que o árbitro queria um autógrafo do Neymar quando lhe mostrou um cartão amarelo. Sei que o PSG tem muitos craques, mas deixem-nos ter um jogo normal onde as decisões sejam justas. Até no segundo pênalti, que foi claríssimo, ele precisou ir ao VAR confirmar", disse o treinador do clube alemão.

##RECOMENDA##

Sem Lionel Messi, machucado, coube a Neymar e Mbappé conduzir o PSG em busca de sua classificação. Não foi fácil porque o rival jogou bem e saiu na frente. Desde o começo do jogo, o treinador do Leipzig se viu às turras com a arbitragem. Após o empate, ele não economizou em seus argumentos.

"Estava irritado com a atuação do árbitro desde o primeiro minuto. Já estou habituado a ver os grandes clubes a serem exageradamente respeitados pelos árbitros, em detrimento dos pequenos. Portanto, ou deixo passar ou digo o que penso e tento obter mais respeito da parte da arbitragem."

Com a vitória do Manchester City diante do Club Brugge por 4 a 1, o time de Pep Guardiola assumiu a liderança do Grupo A, com nove pontos, mas ainda sem garantir matematicamente sua classificação para a fase de mata-mata da Liga. O PSG, com o empate, chegou a oito pontos, em segundo lugar. O resultado contra o time francês eliminou da briga o Leipzig, o que explica todo o desabafo do treinador. Com apenas 1 ponto em quatro partidas, o time não tem mais chance de se classificar.

Páginas

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando