Tópicos | programa

No ano em que os movimentos por inclusão e diversidade ganharam importância inédita, o Magazine Luiza abriu as inscrições para seu programa de trainees de 2021 - e vai aceitar apenas candidatos negros. "O objetivo é trazer mais diversidade racial para os cargos de liderança da companhia, recrutando universitários e recém-formados de todo Brasil, no início da vida profissional", diz a empresa.

Atualmente, a varejista tem em seu quadro de funcionários 53% de pretos e pardos. Mas apenas 16% deles ocupam cargos de liderança. "O alerta despertado por essa baixa participação fez com que o Magalu decidisse atuar, oferecendo oportunidades para quem ainda está começando a carreira", reforça a companhia.

##RECOMENDA##

Para a consultora e professora de MBA na área de Recursos Humanos, Jorgete Lemos, a iniciativa vem em um momento no qual as diferenças sociais e raciais ficaram escancaradas, tanto em razão da pandemia, quanto em virtude das manifestações antirracistas americanas. Movimentos como o Black Lives Matter voltaram com força em todo o mundo este ano, após o assassinato do americano George Floyd.

Segundo a especialista, além de estar sensível a uma preocupação que é global, a varejista deverá ter ganhos na ponta do lápis. "As empresas favorecem seu próprio negócio quando reduzem a desigualdade", garante Jorgete. Vários estudos acadêmicos comprovam os ganhos financeiros quando o quadro de empregados é mais diverso. Além disso, para ela, o desenvolvimento econômico do País só virá quando a população negra for incluída economicamente. "Estamos falando de cerca de 57% da população."

A professora da Escola de Direito da Fundação Getúlio Vargas (FGV) e pesquisadora em racismo e seus efeitos no mercado de trabalho, Alessandra Benedito, chama a atenção para o fato de que processos deste tipo ajudam o crescimento profissional dos jovens contratados.

Para ela, ações afirmativas são, por natureza, temporárias, com o sentido de reduzir desigualdades históricas. "Ações afirmativas não são permanentes. Devem existir enquanto existe o processo de exclusão."

Regras

As inscrições para o programa de trainee do Magalu tiveram início nessa sexta-feira (18) e podem participar profissionais formados entre dezembro de 2017 e dezembro 2020, em qualquer curso superior. O conhecimento em língua inglesa e experiência profissional anterior não fazem parte dos pré-requisitos para a seleção.

O processo seletivo será dividido em seis etapas. A seleção começará com testes online. Em seguida, os candidatos passarão pela etapa que consiste na gravação de um vídeo de apresentação profissional e por entrevistas com o departamento de recursos humanos.

Aqueles que seguirem no processo serão entrevistados por diretores de área e, depois, pela diretoria executiva. Os finalistas participarão de uma conversa com o presidente da empresa, Frederico Trajano.

O programa de trainees 2021 foi desenvolvido em parceria com as consultorias Indique Uma Preta e Goldenberg, Instituto Identidades do Brasil (ID_BR), Faculdade Zumbi dos Palmares e Comitê de Igualdade Racial do Mulheres do Brasil.

Desde que estreou na última semana, A Fazenda está fazendo o maior sucesso. Reunindo um monte de famosos, o reality show repercutiu esta semana com um vídeo hilário de Jojo Todynho. A funkeira, sem papas na língua, fez um pedido inusitado para a produção. Depois que levou uma bronca nos bastidores, a voz do hit Que Tiro Foi Esse? solicitou um óleo ungido.

Sem titubear, mas no tom de brincadeira, a cantora disparou: "Pessoal, pede para o bispo Macedo mandar um óleo ungido". Assim que Jojo citou o nome de Edir Macedo, dono da Record, a produção da atração rural cortou rapidamente a transmissão. Na internet, a funkeira divertiu muita gente.

##RECOMENDA##

"Certeza que a produção odeia ela, mas a gente ama. Isso que importa", comentou um dos usuários do Twitter. "Minha gente, essa garota não é município mesmo, pois não tem limites", escreveu outra pessoa.

Veja:

[@#video#@]

A ministra Damares Alves participou do programa “Conversa com Bial”, na madrugada desta sexta-feira (18), e deixou clara sua opinião sobre o caso da criança abusada sexualmente pelo tio, dos seis aos dez anos, e que precisou sair do Espirito Santo para realizar um aborto legal no Recife.

Damares afirmou que a criança deveria ter levado a gravidez adiante e realizado uma cesárea. "Eu acredito que o que estava no ventre daquela menina era uma criança com quase seis meses de idade e que poderia ter sobrevivido. Discordo do procedimento do Dr. Olímpio, mas discordo de tudo o que aconteceu em torno dessa criança", observou.

##RECOMENDA##

A ministra ainda defendeu que deveria ter sido realizada uma antecipação do parto. "Os médicos do Espírito Santo não queriam fazer o aborto, eles estavam dispostos a fazer uma antecipação de parto. Seriam mais duas semanas, não era ir até o nono mês, a criança [não iria] ficar nove meses grávida. Mais duas semanas e poderia ter sido feito uma cirurgia cesárea nessa menina, tiraria a criança, colocaria em uma incubadora e se sobrevivesse, sobreviveu. Se não, teve uma morte digna", declarou.

O caso ganhou repercussão nacional e um vazamento dos dados pessoais da criança levou um grupo de radicais religiosos para a unidade de saúde onde a menina foi encaminhada no Recife, na tentativa de impedir a interrupção da gestação, realizada pelo Dr. Olímpio Moraes Filho e autorizada judicialmente pelo juiz Antonio Moreira Fernandes, da Vara de Infância e da Juventude de São Mateus.

Questionada sobre a suspeita de que seus dois assessores teriam vazado informações da criança, Damares afirmou que não foram eles os responsáveis pelo crime e disse por a mão no fogo pela equipe. “A nossa equipe foi à cidade com um deputado estadual e as três reuniões que fizemos lá foram com muitas pessoas juntas na delegacia, no Conselho Tutelar e na Secretaria de Ação Social. Em momento algum os profissionais disseram para os nossos técnicos o nome dessa menina. Mesmo porque não era só com essa menina que o ministério estava preocupado, era com todo o contexto em São Mateus. Naquela cidade existem outros casos, inclusive, há uma menina de 11 anos que já está com um bebê no colo”, disse.

A ministra encerrou a conversa com o apresentador afirmando que não tem interesse em ser vice do presidente Jair Bolsonaro nas eleições de 2022, nem mesmo de assumir um cargo no STF, que deseja apenas encerrar seu trabalho e voltar a lecionar. “Quero cumprir a minha missão como ministra que é entregar esse ministério. Meu desejo é parar, me aposentar, cuidar da minha filha e se eu puder voltar a uma atividade pública, gostaria muito de voltar para a alfabetização de crianças, que é onde comecei", contou.

Luiza Brunet participou do programa ‘Sensacional’ na Rede TV e, durante a entrevista, revelou porque decidiu denunciar o ex-marido Lirio Parisotto, por agressão. A entrevista com a empresária vai ao ar nesta quinta-feira (17).

Em um trecho do programa, Luiza fala: "No meu caso, foram quatro costelas fraturadas com um movimento só, e não tem nenhuma razão que justifique um comportamento desse… O agressor bate em privado, não demonstra ser agressivo para a sociedade. Em privado ele comete esses crimes regularmente contra suas mulheres, seus filhos... A vítima fica insegura".

##RECOMENDA##

A empresária também usou seu perfil nas redes sociais para publicar um texto sobre a sua vitória na Justiça pela violência que sofreu.

“Na data de ontem o Superior Tribunal de Justiça confirmou a pena do meu agressor, por unanimidade. Ele até pode insistir na interposição de recursos, como lhe faculta a lei. Mas com esse julgamento, a Justiça Brasileira reitera,de maneira contundente, que a agressão contra mulher é crime e merece reprimenda a altura,principalmente para aquele que chamou a Lei Maria da Penha de 'LEIZINHA VAGABUNDA'. Não importa a classe social, tampouco o poder que o agressor acredite ter. No fundo, agressores de mulheres são sempre covardes. Temos sempre que acreditar na Justiça e denunciar a violência sofrida, para que outros agressores sejam condenados também, como ele foi. A luta é difícil e longa mais não vamos desistir de lutar pelos nossos direitos”.

A empresa de fast-food McDonald’s anunciou abertura de inscrições para a segunda edição do programa Escalando o Futuro. Para participar, o candidato deverá preencher o formulário de inscrição até 8 de outubro, disponível no do site da ação.

A iniciativa pretende desenvolver jovens talentos da comunicação nas áreas de produção de conteúdo, storytelling e empreendedorismo através de workshops e oficinas com especialistas atuantes no mercado. O público-alvo do projeto é composto por estudantes de comunicação e funcionários do McDonald’s de todo o Brasil. São oferecidas 50 vagas para a qualificação.

##RECOMENDA##

Além de preencher o formulário, o interessado no programa deverá submeter um texto de até mil caracteres ou enviar um vídeo de até 60 segundos, contando uma história de tema livre. Os inscritos serão avaliados pelo potencial criativo. 

Segundo os organizadores, um perfil diverso é um diferencial. O resultado com a aprovação será enviado por e-mail cadastrado na plataforma. A data não foi divulgada.

Dentre as etapas do programa, dez ideias serão selecionadas e encaminhadas para a fase de apresentação dos projetos, que serão avaliados virtualmente. Ao final, apenas três serão premiadas com o valor R$ 4 mil, com a possibilidade de execução mediante ao apoio do Mc e parceiros em 2021.

O Padre Juarez de Castro que comanda o programa “Bendita Hora”, usou o espaço da atração para demonstrar sua indignação ao discurso homofóbico feito pela cantora Ana Paula Valadão, que ganhou as redes sociais na última quinta-feira (12).

Durante o seu posicionamento, o padre não chegou a citar o nome da atriz, mas ficou claro que se referia de Ana Paula. “Você acredita nisso, que nós escutamos uma pessoa falar isso? Você acredita que uma pessoa, que se diz religiosa, falar que a Aids é culpa dos homossexuais? Isso é burrice misturada com preconceito! Burra, sim”, disse o padre.

##RECOMENDA##

O padre comentou sobre o assunto após um dos telespectadores questionar se ele como homem homossexual poderia frenquentar a igreja e comungar por conta de sua orientação sexual.

“Bastaria qualquer pesquisa científica que ela veria que não existe nenhuma relação da homossexualidade com a Aids. Preconceituosa. Afastando as pessoas e levando elas a considerarem um outro como se fossem doentes e pecadoras. Preconceito. Talvez seja essa doença que precisamos combater. Porque o preconceito é uma doença mais feia, mais horrível do que a própria Aids”, comentou o pároco.

O vídeo onde a cantora e também pastora Ana Paula fala é de 2016, no programa “Diante do Trono’, apresentado por ela. A fala viralizou nas redes sociais e a cantora vem recebendo muitas críticas.

[@#vídeo#@]

Nesta segunda-feira (14), a apresentadora Ana Maria Braga protagonizou uma cena bem inesperada no programa 'Encontro'. Em protesto contra alto preço do arroz em todo o País, a apresentadora surgiu usando um conjunto de brincos e colar feito com o alimento.

As imagens sobre o fato durante o programa global da apresentadora logo ganharam repercussão nas redes sociais. Os internautas colocaram o nome de Ana entre os assuntos mais comentados.

##RECOMENDA##

[@#video#@]

Os telespectadores que estavam sentindo falta de Angélica irão matar saudade da apresentadora no mês que vem. A loira vai estrear o programa Simples Assim no dia 10 de outubro, após a exibição do Caldeirão do Huck. A nova atração comandada por Angélica contará histórias de pessoas anônimas e de famosos. Segundo informações do site Notícias da TV, Paulo Gustavo e Ingrid Guimarães já gravaram um dos episódios do projeto.

A cada programa, um elenco vai mostrar com muito humor situações do dia a dia. Angélica aparecerá também como atriz. Nesta quinta-feira (10), ela publicou um vídeo convidando os internautas a estarem ligados na TV Globo no dia que a atração for ao ar.

##RECOMENDA##

"Oi! O que que você vai fazer no dia 10 de outubro? Eu tenho um convite! Que tal se encontrar comigo à tarde, pra gente se conectar? Juntar os amigos e a família pra falar sobre vida, dilemas, as possíveis soluções. Falar sobre o que realmente importa pela busca pela felicidade. Tudo em uma conversa descontraída, leve, sem julgamentos, cheia de empatia, aprendizado, bom humor e inspiração. Eu tô voltando para as tardes de sábado na TV Globo. E vejo você no Simples Assim", disse.

Veja:

[@#video#@]

A Otan pediu nesta sexta-feira à Rússia que revele a totalidade de seu programa Novichok à Organização para a Proibição de Armas Químicas (OPAQ), depois do envenenamento do opositor Alexei Navalny.

"Pedimos à Rússia que apresente informações completas sobre o programa Novichok à OPAQ. Mais de uma vez observamos líderes e críticos do regime russo atacados", afirmou o secretário-geral da Organização do Tratado do Atlântico Norte, Jens Stoltenberg, em uma entrevista coletiva.

Após uma reunião de emergência do conselho da Otan, Stoltenberg disse que todos os países estavam unidos para condenar o "horrível" ataque contra Navalny.

A Alemanha, onde o opositor russo está hospitalizado, apresentou detalhes às outra 29 nações da Otan sobre o caso. Stoltenberg disse que há "prova além de qualquer dúvida" do uso Novichok.

"O governo russo deve cooperar plenamente com a OPAQ em uma investigação internacional imparcial", disse Stoltenberg.

O agente nervoso da era soviética também foi utilizado contra o ex-agente duplo russo Serguei Skripal e sua filha na Inglaterra há dois anos, um ataque que levou à expulsão de sete diplomatas russos de sua missão na Otan.

Stoltenberg não descartou uma represália similar, mas enfatizou que o envenenamento de Navalny, que aconteceu na Rússia, foi muito diferente do ataque a Skripal, que aconteceu no território de um país membro da Otan.

"Acreditamos firmemente que se trata de uma violação flagrante do direito internacional, o que exige uma resposta internacional, mas agora não vou especular sobre o tipo de resposta internacional", disse.

A UE e outras potências internacionais também pediram uma investigação da OPAQ, expressando ceticismo a respeito de um inquérito adequado na Rússia sobre o envenenamento de Navalny.

De fato, o Kremlin insiste que o Estado russo não pode ser culpado.

Nesta sexta-feira, o toxicólogo russo Alexander Sabayev, que analisou o prontuário médico de Navalny, afirmou que o opositor pode ter sido vítima de um problema de digestão, abuso de álcool ou de fadiga, mas não de envenenamento, como afirma a Alemanha.

"Seu organismo não reagiu ao veneno, porque não havia. É evidente", disse Alexander Sabayev, toxicologista-chefe da região de Omsk, onde o líder da oposição foi inicialmente internado no final de agosto antes de ser transferido para a Alemanha.

Os médicos russos não localizaram a presença de uma substância neurotóxica da família do Novichok, como fizeram especialistas na Alemanha.

O especialista russo considera que a súbita deterioração da saúde de Navalny pode ter sido provocada por "qualquer fator externo, incluindo o simples fato de não ter tomado café da manhã" ou problemas de digestão.

"A situação pode ser causada não apenas por uma dieta alimentar, mas talvez também pelo consumo excessivo de álcool, do qual não temos conhecimento. Também pode ter sido provocado por estresse ou fadiga”, acrescentou.

O líder da oposição russa, de 44 anos, passou mal a bordo de um avião na Sibéria. Ele foi inicialmente tratado em um hospital local, antes de ser transferido em 22 de agosto para a capital alemã, onde permanece internado em estado grave.

Terminam, nesta quinta-feira (3), as inscrições para o Programa de Trainee da VTEX. A empresa especialista em comércio digital está ofertando dez vagas para graduandos em qualquer curso do Brasil.

O intuito do programa é preparar estudantes que estão iniciando suas carreiras para um futuro na indústria digital, mesclando aprendizado e experiências de trabalho. Os selecionados participarão de aulas para se desenvolverem, além de experiências teóricas e práticas criadas para quem deseja iniciar a carreira em e-commerce, negócios junto com seus mentores.

##RECOMENDA##

Os participantes entregarão projetos relevantes que irão gerar impacto direto na empresa e nos clientes. O programa tem duração de dois anos e quem deseja obter mais informações pode acessar o site da VTEX, onde há detalhes sobre critérios e etapas do processo seletivo.

O cantor George Ezra foi um dos convidados no programa semanal 'How Do You Cope?… Com Elis e John', lançado nesta terça-feira (1°). Durante a entrevista, o cantor britânico revelou que sofre de Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC) e antes do dia apresentação no Brit Awards passou por uma terapia intensiva. 

"Encontrei um curso intensivo especializado em TOC. Terminou no dia da premiação e eu estava em pedaços. Era a TCC (Terapia Cognitivo-Comportamental) e, essencialmente, o que eu estava fazendo é ser exposto às coisas que mais me preocupavam. Então você está subindo no palco para dizer como o mundo é lindo e 'obrigado por me chamarem esta noite'", disse ele.

##RECOMENDA##

George, 27 anos, ficou famoso em 2013, com o sucesso de 'Budapeste', depois alcançou o top 10 com as músicas 'Blame It On Me' e 'Shotgun'.

Nesta segunda-feira (31), o fundador do Ser Educacional, Janguiê Diniz, fará parte do programa "Conversa com Bial", exibido na Rede Globo, após o Jornal da Globo. No encontro, o tema abordado será a educação a distância.

"Nessa conversa, falamos sobre o cenário da educação no Brasil durante a pandemia e as tendências para o futuro, com destaque para a educação a distância", disse Janguiê Diniz, por meio do seu perfil no Instagram.

##RECOMENDA##

"Foi um papo muito legal e produtivo. Espero vocês nessa conversa!", finalizou o empreendedor. Confira, abaixo, mais detalhes da publicação:

[@#video#@]

Após o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) chamar jornalistas de 'bundões'  durante um evento oficial, nessa segunda-feira (24) o apresentador José Luiz Datena reagiu a provocação. "Bundão é o Jair. Bundão é o senhor. Eu não sou bundão, presidente", disparou o ex-apoiador durante seu programa.

"Ele abre um caminho de duas mãos, porque ele não pode ofender qualquer cidadão brasileiro da forma que ele ofendeu. Eu, por exemplo, sou do jornalismo e não sou bundão", continuou Datena, que recentemente rompeu laços com Bolsonaro e se irritou com um meme no qual aparecia como comunista radical.

##RECOMENDA##

A fala do presidente ocorreu durante o evento "Vencendo a Covid-19". Mesmo com mais de 115 mil mortes, Bolsonaro não prestou solidariedade as famílias e preferiu reforçar seu 'histórico de atleta' para atacar os jornalistas. "Quando [a Covid-19] pega num bundão de vocês a chance de sobrevive é bem menor", garantiu.

O vice-líder do governo, o senador Chico Rodrigues (DEM-RR), informou na quinta-feira (20) que o Auxílio Emergencial será prorrogado até dezembro. O valor das parcelas, no entanto, será reduzido para R$ 300.

Os detalhes da prorrogação devem ser apresentados pelo Governo Federal na próxima terça-feira (25) durante cerimônia de lançamento do Pró-Brasil, programa que impulsiona investimentos em obras de infraestrutura. 

##RECOMENDA##

O Governo Federal considera insustentável manter novas parcelas com valor de R$ 600. O custo do programa é de R$ 50 bilhões por mês.

Inicialmente, o ministro da Economia, Paulo Guedes, queria que o benefício fosse de R$ 200, mas o Congresso definiu o valor em R$ 600 por três meses. O pagamento foi ampliado por mais dois meses em junho. 

O auxílio é direcionado a informais, microempreendedores individuais, autônomos desempregados e beneficiários do Bolsa Família.

Participando do programa 'Encontro com Fátima Bernardes', nesta quinta-feira (20), o irmão do cantor sertanejo Cauan, Fernando, falou sobre seu estado de saúde. O músico está internado desde o dia 12 de agosto, diagnosticado com a Covid-19 e apresentou uma piora em seu quadro clínico, precisando ser transferido para a UTI.

"O Cauan ainda é um paciente muito grave, depende de oxigenoterapia 24 horas por dia, não consegue ficar nem um minuto sequer sem oxigênio. Até para se alimentar, ele tira a máscara, mas tem que colocar o cateter, para que possa comer rapidinho. Graças a Deus houve uma discreta melhora na imagem tomográfica, que apresentava 75% de comprometimento no sábado, e na madrugada de terça-feira foi feita uma nova tomografia que apresentou 60 a 65% de comprometimento pulmonar. Os exames de laboratório têm se mantido estáveis, o que já é uma grande conquista", explicou o irmão do artista.

##RECOMENDA##

Dupla de Cauan, o cantor Cleber também fez uma participação no programa matinal e falou sobre o amigo. "Parece um pesadelo para a gente. O Cauan é muito forte, alto-astral, a alegria da dupla. Acho que ele confiou demais, achou que a doença não fosse evoluir para um quadro tão grave. Quando ele me falou que estava com febre, já estava no terceiro dia e isso me preocupou bastante. Falei: ‘você tem que procurar um médico’. Mas ele estava tranquilo", contou.

Na última semana, um vídeo onde o cantor Cauan aparece zombando do coronavírus, viralizou nas redes sociais. Nas imagens, o cantor aparece batendo no peito, dizendo: "Coronavírus, vem em nós".

O apresentador Emílio Surita foi diagnosticado com a Covid-19 e temporariamente afastado do programa 'Pânico', na rádio Jovem Pan. Apesar de não comentarem sobre o afastamento do apresentador, a informação acabou sendo confirmada durante uma entrevista pelo governador de São Paulo, João Doria (PSDB).

Emílio foi substituído pelo colega Daniel Zukermann e durante a entrevista com o governador, acabou recebendo a informação, que de acordo com o colega de bancada, Rogério Morgado, a equipe do programa não havia sido informada.

##RECOMENDA##

"Mandando um abraço para o Emílio Surita, que deve estar nos acompanhando. Como eu, está se recuperando da Covid, em isolamento. Como eu estou, na minha casa, solitário, com a minha esposa. Deixo um grande abraço, para que ele se recupere", disse Doria.

O humorista Marcelo Adnet participou, na noite da última segunda-feira (17), do programa 'Roda Viva'. Na ocasião, o humorista abordou diversos assuntos inclusive sobre política e trouxe algumas reflexões para a bancada de entrevistadores. 

O programa comandado por Vera Magalhães, entrevistou o humorista da sua residência, devido a pandemia do novo coronavírus. A bancada para fazer os questionamentos ao artista foi composta pelo humorista Hélio de la Peña, a humorista Bruna Braga, o escritor Antonio Prata, a jornalista Anna Virginia Ballousier e o apresentador Marcelo Tas. 

##RECOMENDA##

Questionado sobre o seu posicionamento político, Adnet afirmou: "Me considero de esquerda, sem dúvidas. Me considero progressista. Não comunista… Mas de esquerda sim, eu acho que é óbvio. Você tem que ser de esquerda no Brasil. Como é que eu vou morar no Brasil e não ser de esquerda? Eu acho muito complicado", disse o humorista. 

Adnet ainda aproveitou para esclarecer seu ponto de vista dizendo que as políticas públicas da esquerda progressiva são as únicas a fazerem a diferença no combate à desigualdade do país, que de outras formas só aumentam. 

O humorista também negou ter interesse em ingressar para a política do país e revelou que por suas paródias e imitações de figuras públicas, como o presidente Jair Bolsonaro, ele recebe constantes ameaças e afirmou que teme pela própria vida.  

Durante a entrevista, Adnet fez críticas a Bolsonaro, dizendo: "Nosso presidente vem investindo contra a cultura. A cultura perdeu seu ministério, ela foi caindo, caindo, hoje você nem ouve falar na Secretaria de Cultura, só por umas notícias tristes relativas a ela. Então é uma destruição da cultura".

Nesta segunda-feira (17), a Cebrusa Brasil, empresa de soluções de imigração para o Canadá, divulgou uma nova etapa do programa Maratona do Brasil ao Canadá, que será realizado a partir do dia 7 setembro, de forma gratuita e on-line. O programa orienta pessoas interessadas a se preparar para morar legalmente em solo canadense.

“Mostraremos na maratona uma série de conteúdo, do mais básico, para quem está começando a pesquisar sobre imigração, até ao mais avançado, para quem precisa da informação certa para poder realizar esse sonho. O programa ajuda qualquer pessoa, independente de questões financeiras, idade, formação ou experiência profissional, a se preparar para morar no país com a melhor qualidade de vida do mundo”, afirma Daniel Braun, presidente da Cebrusa, segundo informações da assessoria.

##RECOMENDA##

Além desse encontro, haverá uma pré-maratona que será realizada no próxima segunda-feira (24), que trará em uma série de lives diárias abordando temas relacionados à vida no país, planejamento financeiro, critérios dos programas de imigração até assessorias gratuitas com outros participantes. A transmissão ocorrerá simultaneamente nas redes sociais do presidente da Cebrusa Daniel Braun

O presidente ainda explica que encerramento do programa será na “Conferência Decisão”, marcada para o dia 13 de setembro. Para participar deste momento é necessário que o candidato realize a inscrição através do site da Maratona Seu Futuro no Canadá.

O programa 'Seca Você Renove', da empresária e ex-BBB Mayra Cardi, tem feito bastante sucesso. O projeto tem rendido bons frutos a Mayra, mesmo após a polêmica envolvendo o seu divórcio com o ator Arthur Aguiar.

Mayra já auxiliou diversas famosas a emagrecer entre elas Anitta, Cléo Pires e a dupla sertaneja Maiara e Maraisa. Desta vez, quem aderiu ao time foi a atriz Deborah Secco. A atriz garantiu um pacote personalizado que contará com um consultas médicas, uma equipe de profissionais e um chef de cozinha que passará a morar com ela.

##RECOMENDA##

O programa criado para Deborah terá duração de dois meses e um custo de R$ 150 mil. Para quem não puder desembolsar a pequena fortuna, existem opções mais acessíveis, a depender do quanto se está disposta a pagar. Estão disponíveis pacotes nos valores de R$ 100 mil, R$60 mil e o pacote de aulas remotas, a partir de R$ 800. 

Segundo o Uol, a atriz recebeu um desconto na adesão do pacote personalizado, por ajudar na divulgação do programa de emagrecimento.

Atualmente, Mayra também desenvolve outros trabalhos. A empresária está montando um reality show, onde auxiliará no emagrecimento dos participantes e também se prepara para escrever um livro sobre relacionamento tóxico, a partir de suas experiências.

A humorista Dani Calabresa participou do programa 'Saia Justa', no canal GNT, na última quarta-feira (12) e revelou que já usou vibrador para evitar crises de sinusite, doença que ela tem há alguns anos. 

"Ganhei meu primeiro vibrador de um preparador vocal que eu fui para ver se estava com um calo nas cordas vocais. Tô sempre doente, com sinusite e, vira e mexe, eu perco a voz. Aí ele falou que tem que beber mais água e fazer exercícios físicos. [Ele me deu] um pequeno vibradorzinho e, todo fofo, falou: 'Sim, é um vibrador, mas coloca nos seios da face para não ficar catarro e virar sinusite toda gripe que você tiver", contou Dani. 

##RECOMENDA##

Logo depois a artista comentou que descobriu outras funções do objeto. "Amor, mas eu juro, fui colocando animada, eu quase dei uma esfolada demais, fui entendendo como usar o meu novo amigo. Fiquei animada e comprei um modelo mais moderno, com um silicone mais gostoso, que tem umas sete pontas", disse ela.  

A atriz Mônica Martelli, uma das apresentadoras do programa, também comentou como conheceu o item. Para a atriz, a indicação veio através da sua fonoaudióloga, que a instruiu para usar como massacrados das cordas vocais, antes das apresentações da sua turnê.

Páginas

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando