Tópicos | prova

Em plena dedicação aos estudos, os vestibulandos que prestarão o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) sabem que toda ajuda é essencial neste momento para garantir uma boa nota e conquistar a tão sonhada vaga em uma instituição de ensino superior. Pensando nisso, o LeiaJá conversou com o professor e diretor de inovação pedagógica, Vinícius Freaza, da 'Evolucional', startup de educação inovadora, para esclarecer as dúvidas dos estudantes. Confira, a seguir, a entrevista:

Por onde começar a prova?

##RECOMENDA##

“Para responder essa pergunta, primeiro é necessário dizer que o Enem tem uma metodologia de correção chamada de Teoria de Resposta ao Item (TRI). Em resumo, essa metodologia não considera apenas o número de questões que o estudante acerta, mas ela considera, para pontuar o vestibulando, o conjunto de acertos que ele teve. E, quando a gente analisa essa metodologia, nós entendemos que os estudantes que acertam o maior número de questões fáceis, têm um desempenho melhor, uma nota melhor. Indo direto ao ponto, os vestibulandos devem, prioritariamente, identificar as questões mais fáceis do exame e começar por elas”, explica.

O professor Vinícius Freaza revela dicas importantes para os estudantes. Foto: Reprodução/Facebook Vinícius Freaza

Como identificar as questões mais fáceis?

“O conceito de fácil e difícil é relativo. O aluno tem que entender o que é mais fácil para ele, por isso que essa busca tem que ser quase intuitiva. Mas existem alguns macetes para o estudante conseguir identificar as questões mais fáceis, uma dessas técnicas é ler a pergunta da questão. As questões do Enem têm uma estrutura muito definida, ou seja, um texto base, uma pergunta e as alternativas. Muitas vezes as questões fáceis são identificadas quando o estudante lê a pergunta e já entende o que a questão está querendo dele. Uma das dicas é o estudante direcionar o seu olhar primeiro para a pergunta e já tentar prever se ele consegue responder aquela questão direto. Se ele conseguir fazer isso, já pode considerar esse item fácil”, conta.

Em quanto tempo cada questão deve ser respondida?

“O Enem é uma prova muito longa, uma maratona. São 180 questões em dois dias, mais uma redação. Embora o tempo também seja longo, quando a gente pensa no tempo em que ele tem por questão, é um tempo bastante reduzido, ou seja, em média são três minutos por questão. Qual é a minha dica, é que o estudante vá para a prova com uma estratégia definida em termos de número de questões que ele vai fazer e o tempo em que ele vai levar para responder essas afirmativas. Por exemplo, como o estudante tem, em média, três minutos por questão, ele sabe que naquele bloco só pode gastar, no máximo, 15 minutos. Assim, os estudantes conseguem olhar para aquele universo de cinco questões e decidir quais das afirmativas são as mais fáceis, logo, ele vai de bloco em bloco fazendo só as questões mais fáceis e depois volta para fazer as difíceis”, esclarece.

É melhor fazer a redação ou as questões primeiro?

“A minha principal dica para os estudantes que vão fazer a prova no dia da redação, é definir a estratégia que irá utilizar. Por isso, é muito importante que os vestibulandos façam simulados, porque é através dos simulados que eles vão testar as estratégias. Eles podem fazer um simulado, por exemplo, para ir fazer a redação primeiro e as questões depois, como também eles podem fazer outro simulado para testar a estratégia de fazer o contrário. Mas eu aconselho não tomar essa decisão na hora da prova”, comenta.

Deu branco, o que fazer?

“O Enem é uma maratona com muitas questões e conteúdos diferentes, por isso é muito comum, em um determinado momento da prova, o candidato não conseguir processar toda informação. A minha dica é, sem medo, pule essa questão, deixe ela para depois e vá fazendo outras afirmativas. É muito comum os candidatos que tinham esquecido alguma coisa, ao avançarem na prova e irem fazendo outras questões, em um determinado momento relembram daquele conteúdo e voltam para responder”, aconselha o professor.

Quais são as dicas para ter uma boa nota no Enem?

“Primeiramente, o estudante precisa estar habituado com o formato da prova do Enem. Uma dica para se habituar é fazer simulados e provas anteriores, isso ajuda muito. A segunda dica é não deixar questões em branco, mesmo aquelas que não tenha conseguido resolver. Se apenas tiver aquele tempo para passar as respostas para o gabarito, chute as questões sem medo. Obviamente, só faça isso se o recurso de tempo estiver esgotado, pois a pontuação de um chute conta mais do que uma questão em branco”, conclui.

A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) divulgou, nesta terça-feira (15), um processo seletivo destinado a cursos de mestrado e doutorado, com ingresso previsto em 2021 no Campus Recife. No total, 48 vagas são oferecidas por meio do Programa de Pós-Graduação em Comunicação (PPGCOM).

Segundo a UFPE, existem 29 oportunidades para o mestrado e 19 direcionadas ao doutorado. “Mídia, Linguagens e Processos Sociopolíticos” e “Estética e Culturas da Imagem e do Som” são as linhas de pesquisa disponíveis.

##RECOMENDA##

Análise curricular e triagem de documentos são algumas das etapas da seleção, conforme informações do edital divulgado pela UFPE. Os candidatos ao mestrado deverão se inscrever do dia 21 deste mês a 5 de outubro pelo e-mail mestradoppgcomufpe2021@gmail.com. No mesmo prazo estão disponíveis as candidaturas do doutorado, devendo ser feitas pelo e-mail doutoradoppgcomufpe2021@gmail.com.

O resultado final deverá ser divulgado no dia 30 de novembro. Para mais informações, acesse o edital do processo seletivo. O Campus Recife fica na Avenida Professor Moraes Rego, 1235, no bairro da Cidade Universitária.

Terminam nesta terça-feira (15) as inscrições para o Exame Supletivo 2020, voltado para seleção de estudantes para o os níveis fundamental e médio. De acordo com a Secretaria de Educação e Esportes de Pernambuco (SEE-PE), os candidatos devem se inscrever pela internet.

Para participar, é necessário o preenchimento correto do formulário com o nível de ensino, os componentes curriculares de sua opção e o local de realização da prova, conforme exigido em edital. O cartão com a confirmação do local de prova será disponibilizado aos inscritos pela Secretaria, a partir de 20 de outubro.

##RECOMENDA##

Segundo o edital, o estudante deve ter 15 anos completos para o exame de nível fundamental. Já para a realização das provas para o nível médio, os estudantes devem ter 18 anos completos. Também há oportunidade para as pessoas que estão em regime carcerário, que devem realizar as inscrições no próprio presídio ou cadeia pública.

As provas serão aplicadas no dia 13 de dezembro para candidatos em geral, e no dia 14 de dezembro para candidatos privados de liberdade. De acordo com o cronograma, os gabaritos serão divulgados no dia 23 de dezembro. O resultado final será publicado no site da SEE-PE, ainda sem data definida.

O Exame Supletivo 2020 para os níveis fundamental e médio encerrará prazo de inscrição na próxima terça-feira (15). Os interessados em participar da avaliação devem se inscrever, de forma gratuita, no site da Secretaria de Educação do Governo de Pernambuco. Para os candidatos que estão em regime carcerário, as inscrições ocorrem no respectivo presídio ou cadeia pública.

A aplicação das provas seráno dia 13 de dezembro para candidatos em geral, e no dia 14 de dezembro para candidatos privados de liberdade nas unidades prisionais ou cadeias públicas. Os gabaritos serão divulgados no dia 23 de dezembro. O resultado final do supletivo será divulgado no site desta Secretaria.

##RECOMENDA##

Para efetuar a inscrição, o candidato deve preencher todos os campos do formulário on-line, indicando o nível de ensino, os componentes curriculares de sua opção e o local de realização da prova, conforme estabelecido no edital. 

Para ter acesso ao local da prova, é preciso acessar ou imprimir o cartão de inscrição disponível no site da SEE/PE, a partir de 20 de outubro. Para o exame de nível fundamental, o estudante deve ter 15 anos completos até a data da realização das provas e para o nível médio, 18 anos completos. 

Estudantes com deficiência visual poderão solicitar prova em braille, fiscal ledor ou prova ampliada. Deficientes auditivos podem solicitar intérprete e deficientes físicos, se houver necessidade, devem requerer atendimento especial. É importante lembrar que, no ato da inscrição, o candidato precisa estar munido do documento de identidade (RG) ou certidão de nascimento e CPF.

Os inscritos no nível fundamental se submeterão às provas de língua portuguesa, matemática, história, geografia, ciências, arte e língua estrangeira moderna (inglês ou espanhol). Os inscritos no nível médio passarão por provas de língua portuguesa, matemática, história, geografia, biologia, física, química, filosofia, arte, sociologia e língua estrangeira moderna (inglês ou espanhol). O candidato deverá atingir, no mínimo, média 6,0 em cada disciplina.

*Com informações da assessoria

Seguem abertas as inscrições para o provimento de 34 vagas no concurso público da Prefeitura de Passagem, município localizado no Estado da Paraíba. As candidaturas devem ser feitas até a próxima segunda-feira (14), através do site da banca organizadora do processo seletivo.

Serão três etapas para avaliar os candidatos, sendo uma dela a prova objetiva prevista para o dia 25 de outubro. Em seguida, serão realizadas provas de títulos para os cargos de nível superior, marcadas para os dias 3 e 4 de dezembro, além de provas práticas destinadas aos cargos de operador de máquinas pesadas e motorista, no dia 6 de dezembro.

##RECOMENDA##

Os inscritos devem pagar uma taxa de participação que varia de R$ 30 a R$ 60. Os efetivados terão remunerações de R$ 1.045,00 a R$ 9.240,00, em regimento de 20 a 40 horas semanais. Os contratos poderão ser prorrogados, conforme indica o edital do processo seletivo.

Na tarde desta terça-feira (1º), o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz, afirmou durante uma live que a prova da 2ª fase do Exame de Ordem Unificado XXXI será realizada de forma facultativa na primeira quinzena do mês de dezembro. 

“A prova vai ser completamente facultativa. Aquele que entender que, mesmo com as medidas que eu vou anunciar, não vale a pena por comorbidade, porque tem algum tipo de predisposição, é diabético, não faça. Virá a prova após essa pandemia e você estará automaticamente inscrito nessa prova”, disse o presidente da OAB. 

##RECOMENDA##

Felipe Santa Cruz também anunciou que fez um pedido de prorrogação das carteiras de estagiários por mais seis meses. Ele também citou uma proposta da Fundação Getúlio Vargas (FGV) para realização on-line da prova do Exame Unificado de Ordem, rechaçando a ideia. 

“A FGV entrou ontem numa ação desses movimentos que exploram politicamente o dia a dia da advocacia, as angústias da advocacia, pedindo a realização de uma prova on-line. E dando como exemplo a prova de um outro conselho que foi um fracasso, tem mais de 150 ações já questionando essa prova on-line. A tecnologia que nós temos no Brasil, acessível, ainda não tem a segurança que a prova da Ordem exige. Não significa que em um ou dois anos, até porque a demanda existe, isso não venha a acontecer, mas nós não temos essa tecnologia disponível hoje”, afirmou o advogado. 

A OAB também enviou uma nota ao LeiaJá. Confira:

Em razão das regras de isolamento e condições sanitárias, a Coordenação Nacional do Exame de Ordem Unificado resolve definir como data para a aplicação da prova prático-profissional do XXXI Exame de Ordem Unificado (EOU) o dia 6 de dezembro de 2020. Os examinandos que por opção não realizarem a prova práticoprofissional do XXXI (EOU), por quaisquer motivos, serão automaticamente inscritos na prova prático-profissional do XXXII (EOU). A respectiva inscrição automática não acarretará prejuízo aos examinandos com condições de reaproveitamento do resultado de aprovação da 1ª fase do XXX e XXXI (EOU). Assim, os Examinandos oriundos do reaproveitamento da 1ª fase do XXX (EOU) que optarem pela não realização da prova prático-profissional, marcada para o dia 6 de dezembro, serão automaticamente inscritos na prova prático-profissional do XXXII (EOU). De igual modo, os candidatos aprovados na 1ª fase do XXXI (EOU), aptos para realização da 2ª fase do respectivo Exame, que optarem pela não realização da prova marcada para o dia 6 de dezembro,serão automaticamente inscritos na prova prático-profissional do XXXII (EOU), sendo assegurado o seu direito de reaproveitamento da 1ª fase do XXXI (EOU) na realização da provaprático-profissional do XXXIII (EOU), mediante o cumprimento das regras do edital complementar. Ressalta-se que o objetivo essencial é garantir a segurança plena de todos os examinandos e profissionais envolvidos na aplicação da prova. Outras providências a serem adotadas e demais informações serão divulgadas posteriormente.

Veja a fala do presidente da OAB a partir dos 42:10 de transmissão: 

[@#video#@] 

LeiaJá também

--> Nova lei altera Estatuto da OAB

O prazo de inscrições para o Exame Supletivo dos ensinos fundamental e médio, oferecido pelo Governo de Pernambuco, está se encerrando. Para participar, os estudantes devem preencher um cadastro on-line e gratuito até esta segunda-feira (31). Alunos do regime carcerário devem fazer a inscrição no próprio presídio ou cadeia pública onde cumprem pena. 

Após preencher todos os campos do formulário, para ter acesso ao local da prova, é preciso acessar ou imprimir o cartão de inscrição no site da Secretaria de Educação e Esportes (SEE-PE) até o dia 20 de outubro. Para fazer a prova do nível fundamental, é preciso que o aluno tenha 15 anos até a data da prova; já para o nível médio, a idade mínima é 18. 

##RECOMENDA##

As provas serão aplicadas no dia 13 de dezembro para candidatos em geral, e no dia 14 de dezembro para candidatos privados de liberdade. Os gabaritos serão divulgados no dia 23 de dezembro e o resultado será divulgado no site da Secretaria de Educação. 

As provas de nível fundamental terão questões de língua portuguesa, matemática, história, geografia, ciências, arte e língua estrangeira (inglês ou espanhol). Já para os estudantes inscritos no supletivo do ensino médio, as provas serão as mesmas, mas também haverá questões de biologia, física, química, filosofia e sociologia.

Alunos com deficiência visual, física ou auditiva podem solicitar recursos de acessibilidade como prova em Braille, fiscal ledor, prova ampliada e intérprete, entre outros. Para isso, é preciso fazer o pedido no ato de inscrição estando o participante munido do RG, CPF ou certidão de nascimento. Outras informações podem ser obtidas através dos números (81) 3183-8375 / 3183-8382/ 3183-8392 e no edital completo.

O vestibular de 2021 da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) terá um exame de qualificação, com 60 questões de múltipla escolha, e um exame discursivo, composto de redação e provas de duas disciplinas, de acordo com o curso de graduação escolhido pelo candidato. As duas etapas deverão ocorrer nos dias 21 de fevereiro e 18 de abril. As datas, no entanto, dependem da evolução da pandemia do novo coronavírus.

O modelo de provas para o vestibular de 2021 foi aprovado hoje (27) pelo Conselho Superior de Ensino, Pesquisa e Extensão (Csepe) da Uerj. O diretor do Departamento de Seleção Acadêmica, Gustavo Bernardo Krause, informou que os detalhes do vestibular estão sendo revistos de forma permanente, devido à pandemia. “No momento, inclusive, sabemos que a média de mortes no estado do Rio voltou a aumentar. Então precisamos analisar mais adiante, pensar em como vamos dar conta do distanciamento social na realização das provas e ver como vai ser a resposta da sociedade ao primeiro exame”, disse ele.

##RECOMENDA##

O edital vai ser reformulado e divulgado em breve, mas Krause adiantou que o conteúdo será reduzido, “pois acreditamos que a preparação dos alunos, principalmente das escolas públicas, foi prejudicada”. Os livros de literatura, entretanto, continuam incluídos. A obra Triste fim de Policarpo Quaresma, de Lima Barreto, será tema de questões no exame de qualificação; 1984, de George Orwell, na redação; e Sonetos, de Luís de Camões, na prova de língua e literatura portuguesa do exame discursivo.

Bombeiros

A Uerj informou ainda que a seleção para a Academia de Bombeiro Militar Dom Pedro II, que costuma ser realizada junto com o vestibular da instituição, ocorrerá desta vez de forma isolada. A prova única englobará perguntas de múltipla escolha e redação e está prevista para o dia 10 de janeiro de 2021. 

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 bateu um quantitativo de 5.687.271 inscritos. E, segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), desse total, 592.959 estudantes farão a prova como "treineiros".

Encaixam-se nessa categoria os inscritos que informaram, durante o período da inscrição, que cursam a 1ª ou a 2ª série do ensino médio e desejam realizar as provas do Enem para testar seus conhecimentos e se preparar para a prova em oportunidade futura, bem como os participantes que não cursaram o ensino médio. De acordo com o edital, o “treineiro” estará submetido às mesmas regras que os demais participantes, exceto quanto à divulgação dos resultados, os quais serão informados 60 dias após o anúncio das notas dos outros participantes e à participação no Enem, no qual será apenas para autoavaliação, não podendo assim utilizar as notas para ingressar em uma instituição de ensino superior.

##RECOMENDA##

Nesta edição, o exame impresso será realizado nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021 e o Enem digital nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro do mesmo ano. A versão digital da prova não estará disponível para “treineiros”.

Em parceria com o LeiaJá, o Vai Cair No Enem e o projeto Enem 360 realizam, neste sábado (22), mais um aulão focado no Exame Nacional do Ensino Médio. Participam da transmissão os professores Ricardo Rocha (matemática), Everaldo Chaves (história) e Felipe Rodrigues (redação). A apresentação fica por conta da produtora de conteúdo Thayná Aguiar e da influenciadora digital Jéssica Nascimento.

Confira:

##RECOMENDA##

Durante a live, os educadores abordam os temas razão e proporção, Primeira Guerra Mundial e questões ambientais. “De forma remota, nossos seguidores acompanham dicas importantes para a prova e podem tirar suas dúvidas, ao vivo, diretamente com os nossos professores. Além do YouTube, o aulão pode ser acompanhado pelo Instagram do Vai Cair No Enem”, destaca o editor do LeiaJá e do Vai Cair No Enem, Nathan Santos.

Até as provas do Exame, o projeto Enem 360 contará com aulões a distância e interativos, com as participações de professores renomados. As datas e os convidados serão divulgados semanalmente, no Instagram do Vai Cair No Enem. A série de aulões tem o apoio da UNINASSAU – Centro Universitário Maurício de Nassau.

Nesta sexta-feira (21), a cervejaria Ambev anunciou que está com inscrições abertas para o seu programa de estágio. Há oportunidades a nível nacional voltadas para estudantes em qualquer curso de graduação, com formação prevista para 2022.

As candidaturas podem ser realizadas até o dia 8 de setembro, através do site da companhia. Há mais de 200 vagas distribuídas entre as áreas de Business, Supply e Tech, por todo País.

##RECOMENDA##

O processo seletivo será totalmente na forma remota, respeitando o distanciamento social em função da pandemia do novo coronavírus. Após término das candidaturas, primeira etapa do processo, os candidatos passarão por avaliações inovadoras como um game on-line, produção de vídeo e day challenge. A contratação está prevista para janeiro de 2021.

Os contratados terão acesso a benefícios como vale alimentação ou refeitório no local; vale transporte ou fretado; seguro de vida; desconto em farmácias; além de férias remuneradas. Mais informações sobre a seletiva podem ser obtidas no site da Ambev.

A Fundação Getúlio Vargas (FGV), organizadora do Exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) liberou para consulta individual em seu site, nesta terça-feira (18), o resultado preliminar dos pedidos de isenção de taxa e também as análises dos requerimentos de alteração do local da prova popularmente conhecida como “repescagem”. 

Além disso, nesta quarta-feira (19) também foi disponibilizado para consulta o resultado preliminar da interposição de recursos dos pedidos de isenção de taxa de inscrição da prova de reaproveitamento. Devido à pandemia de Covid-19, atualmente a data prevista para a próxima prova de segunda fase do exame da OAB é 4 de outubro. 

##RECOMENDA##

Somente poderão se inscrever os candidatos que foram aprovados na prova objetiva do XXX Exame de Ordem, mas que não foram classificados na prova prático-profissional.

LeiaJá também

--> Presidente da OAB não descarta novo adiamento da 2ª fase

--> OAB defende direito ao aborto para criança estuprada

Segue aberto o cadastramento para as instituições interessadas em aplicar o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) Digital. Além da prova, os locais cadastrados poderão receber outros exames e avaliações do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) em formato digital.

Para compor a Rede Nacional de Postos Aplicadores (RNPA), as instituições de ensino cadastradas deverão dispor de infraestrutura e equipamentos, como também seguir os demais requisitos exigidos no edital. Confira os principais critérios:

##RECOMENDA##

• Possuir, no mínimo, duas salas ou dois laboratórios de informática equipados com, pelo menos, dez computadores do tipo desktop ou notebook em cada sala (demais tipos de computadores não serão aceitos).

• Os computadores deverão ser do tipo desktop ou notebook, com processador mínimo Intel Core 2 Duo de 2,66 GHz ou equivalente; memória RAM de 4 GB (ou superior); mínimo de 10 GB livres de espaço no disco rígido, com permissão de escrita externa ou sistema operacional e não criptografado; no mínimo uma porta USB 2.0 ou de velocidade superior em funcionamento disponível para acoplamento de pendrive; monitor de vídeo colorido de 14 polegadas ou maior, com resolução mínima de 1024x768 pixels; teclado alfanumérico padrão ABNT2, preferencialmente com fio; mouse óptico preferencialmente com fio e placa de rede cabeada para conexão à internet.

• Cada sala ou laboratório deverá disponibilizar conexão com a internet cabeada de velocidade de 5 MB por segundo ou superior.

• A instituição deverá possuir, no mínimo, dois banheiros destinados aos participantes e disponibilizar um técnico ou profissional de informática capaz de executar tarefas gerais de configuração e organização. O Inep informa que os locais cadastrados serão visitados por equipes técnicas da empresa aplicadora autorizada pelo instituto para a certificação das características estruturais. Além disso, ao realizar o cadastramento, a instituição deverá designar um profissional para coordenar todas as etapas para a composição da RNPA. As instituições de ensino aprovadas será chamada de posto aplicador, com credenciamento válido por até dois anos, sendo possível ser prorrogado pelo mesmo período. Para obter mais informações sobre o cadastramento e conhecer todos os requisitos, acesse o edital.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) detalhou, enfim, informações sobre o momento dos lanches durante a aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Como os candidatos deverão, obrigatoriamente, usar máscaras no dia da prova devido ao novo coronavírus, havia uma dúvida se, pelo menos no momento da alimentação, a retirada do objeto seria permitida. Não havia, até então, uma resposta oficial sobre o questionamento.

Nesta sexta-feira (14), porém, o órgão responsável pela organização do Enem esclareceu o procedimento. “Só será permitida a retirada da máscara para alimentação ou ingestão de líquidos, desde que sem tocar na parte frontal, prosseguida da higienização das mãos com álcool em gel”, informou o Inep.

##RECOMENDA##

O Instituto também reforçou outros protocolos a serem seguidos pelos candidatos durante a realização do Enem. Confira os pontos divulgados:

• Fica proibida a entrada do participante no local de provas após o fechamento dos portões e sem a máscara de proteção contra a COVID-19.

• O participante não poderá permanecer no local de provas sem máscara de proteção facial.

• Quem comparecer ao local de aplicação das provas sem documento válido e/ou sem a máscara de proteção facial deverá aguardar fora do local de aplicação até que algum familiar ou conhecido possa entregá-lo.

• Durante a identificação, será necessária a higienização das mãos com álcool em gel próprio ou fornecido pelo aplicador, antes de entrar na sala de provas.

• A máscara deve cobrir totalmente o nariz e a boca, desde a entrada até a saída do local de provas. Será permitido que o participante leve máscara reserva para troca durante a aplicação.

• O descarte da máscara de proteção contra a COVID-19, durante a aplicação do exame, deve ser feito pelo participante de forma segura, nas lixeiras do local de provas.

• A ida ao banheiro será permitida desde que o participante seja acompanhado pelo fiscal, respeitando a distância prevista nos protocolos de proteção contra a COVID-19.

• As mãos deverão ser higienizadas ao entrar e sair do banheiro, e durante toda a aplicação do exame.

• O participante que não utilizar a máscara cobrindo totalmente o nariz e a boca, desde sua entrada até sua saída do local de provas, ou recusar-se, injustificadamente, a respeitar os protocolos de proteção contra a COVID-19, a qualquer momento, será eliminado do exame, exceto para os casos previstos na Lei n.º 14.019, de 2020.

Lanches – A vistoria de lanches e a revista eletrônica nos locais de provas, por meio do uso de detector de metais, também deverá respeitar os protocolos de prevenção contra a COVID-19. Só será permitida a retirada da máscara para alimentação ou ingestão de líquidos, desde que sem tocar na parte frontal, prosseguida da higienização das mãos com álcool em gel.

Sem mudanças em sua estrutura, já que em cada prova serão mantidas 45 questões, além da redação, o Enem impresso está marcado para 17 e 24 de janeiro do próximo ano. Já a versão digital deverá ser realizada em 31 de janeiro e 7 de fevereiro de 2021. Foram registradas 5,8 milhões de inscrições.

O Instituto Nacional de Ciências da Saúde (INCS) prorrogou as inscrições para os dois processos seletivos que visam contratar 467 profissionais com níveis médio, técnico e superior. Agora, interessados podem se candidatar até o dia 14 de setembro por meio do site da banca organizadora da disputa.

No Estado do Paraná, a seleção está ofertando vagas para os cargos de motorista de ambulância, recepcionista, técnico em enfermagem, instrumentador cirúrgico - feminino e enfermeiro. Já para o Estado de São Paulo, a oportunidade conta com vagas para as funções de controlador de acesso, auxiliar administrativo, recepcionista, técnico em radiologia, técnico em radiologia, entre outros.

##RECOMENDA##

Para concorrer a uma das vagas, os candidatos ainda devem custear uma taxa no valor de R$ 44 a R$ 71. O processo seletivo será composto por uma prova objetiva com questões de língua portuguesa, matemática, políticas de saúde e conhecimentos específicos.

Efetivados, os profissionais trabalharão em regime semanais ou mensais e receberão R$ 1.362 a R$ 5.200, a depender do cargo escolhido. Mais informações podem ser obtidas através dos editais dos certames.

A Agência Amazonense de Desenvolvimento Econômico (Aadesam) está com inscrições abertas para o novo processo seletivo destinado ao preenchimento de 146 vagas para os níveis fundamental, médio, técnico e superior. As inscrições vão até o dia 23 de agosto por meio do site da instituição.

Há oportunidade para os cargos de administrador, engenheiro florestal, engenheiro agrônomo, médico veterinário, arquiteto, assistente administrativo, analista técnico, motorista, entre outros. Para concorrer a uma das vagas, os candidatos ainda devem pagar uma taxa no valor de R$ 20 e R$ 40.

##RECOMENDA##

Os profissionais efetivados atuarão nas seguintes localidades: Manaus, Carauari; Tefé, Manicore, Parintins, Manacapuru, Apui, Manacapuru, Iranduba, Mauês, Presidente Figueiredo, Matupi, Boca do Acre,Humaitá, Autazes, Uarini, Japura, Matupi, S. Gabriel da Cachoeira, S. Isabel do Rio Negro, Barcelos, Itamarati, Erunepe, Tabatinga, Beruri, Nhamundá, Itacoatiara, Careiro, Rio Preto da Eva, Bejamin Constant, Coari, Maraã, Tabatinga, Coan, S. Antonio do Iça, Autazes e Fonte Boa.

O processo seletivo será composto por análise da documentação. Os selecionados trabalharão de 30 a 40 horas semanais e terão uma remuneração que varia de R$ 1.045 a R$ 7.092, a depender do cargo escolhido. Outras informações podem ser obtidas no edital do processo seletivo.

Neste sábado (8), o projeto Vai Cair No Enem, em parceria com o LeiaJá, realiza a primeira live da sua nova temporada de aulões. Professores renomados ompartilham, de maneira on-line, dicas sobre os assuntos mais importantes da prova do Exame Nacional do Ensino Médio. Assista:

##RECOMENDA##

De hoje até os dias da prova, os estudantes contarão com aulões mensais, sempre aos sábados e partir das 14h, com a equipe de educadores do Vai Cair No Enem, cuja proposta é compartilhar educação democrática e de qualidade. O calendário das aulas será divulgado ao longo das semanas no Instagram.

Neste primeiro encontro, participam o professor de português Tiago Xavier, o docente de química Valter Júnior, além do educador de redação Eduardo Pereira. A apresentação da transmissão ficar por conta da produtora de conteúdo Thayná Aguiar. A série de aulões foi batizada de “Enem 360”.

A iniciativa conta com o apoio da UNINASSAU – Centro Universitário Maurício de Nassau e do Gokursos.

Um projeto que promove a realização do Revalida emergencial - que permite a validação de diplomas médicos expedidos por instituições de ensino superior no exterior -, foi aprovado no Senado Federal, nesta quinta-feira (6). O texto aceito propõe novo exame em até 90 dias e, agora, seguirá para votação na Câmara do Deputados. Se aprovado, segue para sanção do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

A finalidade da proposta é aumentar a quantidade de médicos em atividade no Brasil, sobretudo no enfrentamento da pandemia causada pelo novo coronavírus. De acordo com o texto, a União terá o prazo de até 60 dias para providenciar um processo seletivo simplificado de revalidação, indicar quais instituições e cursos estrangeiros estão aptos a participar, e definir os valores a serem cobrados.

##RECOMENDA##

Nesse sentido, e de acordo com o texto, fica estabelecido o prazo de até 90 dias para a regularização da situação dos profissionais em medicina, assim como a realização emergencial do Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituição de Educação Superior Estrangeira (Revalida) em 2020. A medida ainda prevê a isenção da taxa de participação, destinado aos solicitantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica.

O documento acatado no Senado, altera a Lei do Revalida 13.959/2019, determinando que o Exame será acompanhado pelo Conselho Federal de Medicina, de forma facultativa, na segunda etapa do processo referente às habilidades clínicas, em universidades públicas e privadas. O Exame é realizado em duas etapas. 

No primeiro semestre do ano, em 14 de maio, o então ministro da Educação Abraham Weintraub, havia anunciado um novo Revalida para 11 de outubro. Diante da atual emergência sanitária, o texto também assegura que a não realização do Exame será considerado um ato de improbidade.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou, nesta terça-feira (4), que a gráfica Plural será responsável pela impressão das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 ao custo de R$ 63 milhões. O documento, com validade de um ano, foi assinado na última sexta-feira (31) pelo presidente substituto do Inep, Camilo Mussi. A gráfica é a mesma em que o Enem vazou em 2009.

“Com a finalização da licitação, está garantida a impressão de todo o material necessário para aplicação do exame nas datas previstas”, informou órgão, segundo publicado pela assessoria de imprensa.

##RECOMENDA##

O contrato assinado prevê ainda a impressão do material para o pré-teste de itens e as provas de reaplicação, realizada para casos específicos de participantes com problemas logísticos ou doenças infectocontagiosas. Também está prevista a tiragem destinada ao Enem para adultos privados de liberdade e jovens sob medida socioeducativa que inclua privação de liberdade (Enem PPL). As aplicações serão em 24 e 25 de fevereiro de 2021.

As provas impressas do Enem 2020 serão aplicadas nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021, com a distribuição dos Cadernos de Questões, dos Cartões-Resposta, das Folhas de Redação e das Folhas de Rascunho. Para o Enem Digital, que será em 31 de janeiro e 7 de fevereiro de 2020, os participantes receberão as Folhas de Redação e as Folhas de Rascunho, já que apenas a redação será feita em formato impresso.

De acordo com o Inep, foram confirmadas 5,8 milhões de inscrições para a edição do exame, sendo 5.687.271 inscrições para o Enem impresso e 96.086 para o Enem Digital. O total representa um aumento de 13,5% em relação ao quantitativo do ano passado.

A modalidade impressa do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 está prevista para ser aplicada nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021, enquanto a prova digital será realizada no dia 31 de janeiro e em 7 de fevereiro. De acordo com o Ministério da Educação (MEC), 5,8 milhões de estudantes se inscreveram para o processo seletivo.

Para contribuir com os estudos dos candidatos, o LeiaJá, em parceria com o projeto multimídia Vai Cair No Enem, e baseado em uma coletânia produzida pelo Sistema de Ensino Poliedro, irá detalhar os temas mais cobrados na disciplina de história.

##RECOMENDA##

Alguns dos assuntos mencionados foram cultura material e imaterial; a conquista da américa: conflitos entre europeus e indígenas; escravidão e formas de resistência indígena e africana na América; história cultural dos povos africanos; a luta dos negros no Brasil e o negro na formação da sociedade brasileira; história dos povos indígenas e a formação sociocultural brasileira; movimentos culturais no mundo ocidental e seus impactos na vida política e social.

A coletânea do Poliedro também destacou o escravismo antigo, feudalismo, capitalismo, socialismo e suas diferentes experiências, além da economia agroexportadora brasileira: complexo açucareiro; a mineração no período colonial; a economia cafeeira; a borracha na Amazônia; Revolução Industrial: criação do sistema de fábrica na Europa e transformações no processo de produção.

A pesquisa ainda indicou, como assuntos de história cobrados no Enem, a formação do espaço urbano-industrial e transformações na estrutura produtiva no século XX: o fordismo, o toyotismo, as novas técnicas de produção e seus impactos; o agronegócio, a agricultura familiar, os assalariados do campo e as lutas sociais no campo, bem como a relação campo-cidade.

Agora confira em porcentagem, segundo o estudo do Poliedro, os assuntos mais cobrados no Enem nos últimos anos:

2º Guerra Mundial e suas consequências - 16,9%

Sistema e economia colonial - 6,5%

Regime militar - 3,9%

2º Reinado - 10,4%

Baixa Idade Média - 10,4%

1º Reinado - 1,3%

A República Velha - 9,1%

Administração colonial - 3,9%

Era Vargas - 9,1%

Crise do sistema colonial - 3,9%

epública Populista - 3,9%

Oriente Médio - 3,8%

Immanuel Kant - 5,4%

Idealismo alemão - 5,4%

Governos pós-regime militar - 9,1%

Sistema e economia colonial - 6,5%

Grécia e Roma - 5,2%

Reformas e revoluções - 3,9%

Ideias políticas e sociais do século XIX - 1,2%

Páginas

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando