Tópicos | Teste

A Coreia do Norte fez nesta sexta-feira (13) um "teste crucial" em uma base de lançamento de foguetes de longo alcance, anunciou a agência oficial KCNA.

Segundo o veículo, o exercício aconteceu em Sohae, no noroeste do país, perto da fronteira com a China, e servirá para reforçar a "confiabilidade" de sua capacidade de "dissuasão nuclear estratégica".

##RECOMENDA##

O teste foi realizado entre 22h41 e 22h48 de 13 de dezembro, e a notícia chega enquanto Pyongyang tenta pressionar os Estados Unidos por uma reviravolta nas negociações sobre a desnuclearização da península.

O líder Kim Jong-un havia dado como prazo final o fim deste ano, após o qual ele poderia encerrar a moratória da Coreia do Norte em testes nucleares. A Academia de Defesa do país não deu maiores detalhes sobre o exercício, mas a suspeita é de que tenham sido testadas tecnologias para mísseis balísticos intercontinentais.

As negociações entre Kim e Donald Trump estão travadas desde a fracassada cúpula de fevereiro passado, no Vietnã, quando o norte-coreano exigiu o fim das sanções internacionais para desmantelar seu principal complexo nuclear.

Os dois líderes chegaram a se encontrar novamente em junho, na zona desmilitarizada de Panmunjom, mas as tratativas não avançaram.

Da Ansa

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) encontrou resíduos de agrotóxicos em níveis acima do permitido ou usados de forma equivocada em 23% das amostras de alimentos avaliadas entre 2017 e o ano passado no Brasil. Os resultados são parte do Programa de Avaliação de Resíduos de Agrotóxicos e foram divulgados nesta terça-feira (10).

Conforme a Anvisa, no entanto, os resultados estão dentro do esperado e não há motivo para alarde. Os alimentos são seguros para consumo. "Não há nenhum alarde, os alimentos são seguros, dentro do que esperávamos", afirmou o diretor-adjunto da Anvisa, Bruno Rios, durante a divulgação do levantamento.

##RECOMENDA##

Nas amostras em que foram encontradas inconformidades, 17,3% tinham resíduos de ingredientes ativos não permitidos para aquela cultura. Outros 2,3% tinham ingredientes ativos acima do limite permitido. Segundo o levantamento, 0,5% apresentaram ingrediente ativo de uso proibido no País. E 2,9% tinham mais de um tipo de inconformidade.

A agência também checou o risco à saúde representado por tais alimentos segundo dois critérios: agudo ou crônico. Das amostras analisadas, apenas 0,89% apresentaram potencial de risco agudo. Ou seja, seriam capazes de causar reações como dor de cabeça e náusea num período de 24 horas. Não foi constatado risco de problemas crônicos em nenhuma amostra.

Na rodada anterior do levantamento, referente a 2013 e 2015, o porcentual de amostras consideradas insatisfatórias foi um pouco mais baixo, 19,7%. A Anvisa informa, no entanto, que não é possível comparar os dois levantamentos, porque a metodologia da pesquisa foi alterada desde a última edição.

A Anvisa avaliou 4.616 amostras de 14 legumes, cereais e frutas encontrados em supermercados de 77 municípios de todo o Brasil. Foram testados 270 diferentes agrotóxicos em amostras de abacaxi, alface, arroz, alho, batata-doce, beterraba, cenoura, chuchu, goiaba, laranja, manga, pimentão, tomate e uva. Esses alimentos equivalem a cerca de 30% da dieta vegetal dos brasileiros.

O levantamento constatou que 77% das amostras estavam dentro dos padrões. Metade delas não apresentava nenhum resquício de agrotóxico. A Anvisa sugeriu que o consumidor lave e esfregue com bucha os alimentos antes de consumi-los e que dê preferência àqueles cuja procedência é informada. Outra recomendação é optar sempre por produtos da estação.

Estudo mostra que não há dose segura de uso do produto

Uma análise de dez agrotóxicos de largo uso no País encomendada pelo Ministério da Saúde e realizada pelo Instituto Butantã revela que os pesticidas são extremamente tóxicos ao meio ambiente e à vida em qualquer concentração - mesmo quando utilizados em dosagens equivalentes a até um trigésimo do recomendado pela Anvisa.

Para esse trabalho, os cientistas usaram a Plataforma Zebrafish - que usa a metodologia considerada de referência mundial para testar toxinas presentes na água, com os peixes-zebra (Danio rerio). Eles são 70% similares geneticamente aos humanos, têm ciclo de vida curto (fácil de acompanhar todos os estágios) e são transparentes (é possível ver o que acontece em todo o organismo do animal em tempo real).

Os pesquisadores testaram a toxicidade de dez pesticidas largamente utilizados no País. São eles: abamectina, acefato, alfacipermetrina, bendiocarb, carbofurano, diazinon, etofenprox, glifosato, malathion e piripoxifem. As substâncias são genéricas, usadas em diversas formulações comerciais.

Um hidroavião de seis lugares, apresentado como a primeira aeronave comercial elétrica do mundo, realizou seu primeiro voo de teste nesta terça-feira (10), na região de Vancouver, no oeste do Canadá.

O aparelho, da companhia canadense Harbour Air, um Beaver DHC-2 de Havilland de 62 anos equipado com um motor elétrico, realizou um voo de alguns minutos pela manhã a partir do Aeroporto de Vancouver, diante de uma centena de curiosos e jornalistas.

"É o começo da era da aviação elétrica", disse Roei Ganzarski, presidente da companhia americana magni-X, que criou o primeiro motor elétrico de 750 cavalos para a Harbour Air, a principal empresa de hidroaviões da América do Norte.

O piloto do teste foi Greg McDougall, fundador e presidente da Harbour Air, que tem cerca de 40 hidroaviões e transporta a cada ano 500 mil passageiros em trajetos curtos pela costa do Pacífico na província canadense de Columbia Britânica.

"Nosso objetivo é eletrificar toda a frota, não há qualquer motivo para não fazer isto", disse McDougall, que estima em ao menos dois anos o tempo necessário para atingir esta meta.

Com a autonomia de sua bateria, o "e-Beaver" testado nesta terça pode percorrer cerca de 160 km, o que corresponde a distância da maioria dos voos da Harbour Air, assinalou McDougall.

Os ecologistas canadenses celebraram "uma etapa importante: o início de uma nova era na aviação e a transformação dos hidroaviões da Harbour Air na primeira frota comercial totalmente elétrica".

Depois de toda a polêmica da suposta traição de Justin Timberlake, sua esposa, Jessica Biel, parece querer acabar de uma vez por todas com a confusão. Para isso, a atriz estaria pensando em submeter o marido a um teste com detector de mentiras, segundo informou o site Radar Online.

"Ela deixou de estar em choque total para ficar exigente para saber o que diabos está acontecendo aqui. Ela pode até colocá-lo em um teste de detector de mentiras", revelou uma fonte à publicação.

##RECOMENDA##

Apesar de toda a história, Jessica, de 37 anos de idade, não deu nenhuma entrevista sobre o caso e continua usando aliança, de acordo com as fotos divulgadas pelo Daily Mail. Mas, segundo a fonte anônima, esta não teria sido a primeira vez que a atriz teve que lidar com situações parecidas em seu casamento.

"Ela [Jessica] confiou nele no passado, mas isso está além de qualquer nível de aceitabilidade, mesmo que ele tenha sido totalmente bombardeado naquela noite", enfatizou.

Nas fotos vazadas por paparazzi, Justin aparece sem aliança de casamento enquanto acaricia as mãos da colega de trabalho, a atriz Alisha Wainwright, em um bar em Nova Orleans, Estados Unidos. Os dois, que estavam na cidade filmando o longa Palmer, ainda foram vistos saindo do mesmo trailer nas locações.

O ex-cantor do NSync e Jessica são casados há sete anos e têm um filho, Silas, de quatro anos de idade.

A Otan enfrenta nesta quarta-feira (4) a cúpula de seu 70º aniversário com críticas da França, as exigências dos Estados Unidos e a ameaça de bloqueio da Turquia, três frentes que testam sua unidade estratégica.

"Não é a primeira vez que a Aliança enfrenta suas diferenças e sempre soube superá-las", declarou otimista o secretário-geral Jens Stoltenberg, ao chegar para a cúpula de Watford, nos arredores de Londres.

##RECOMENDA##

A Turquia aparece como o principal obstáculo. "Os turcos estão em uma posição de bloqueio. Não podem fazer a cúpula refém", disse uma fonte diplomática, referindo-se a um eventual veto da declaração conjunta final e dos acordos de defesa com os países bálticos.

O presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, quer que os aliados reconheçam a milícia curda YPG, contra a qual lançou uma ofensiva no norte da Síria em outubro, como organização "terrorista". Caso contrário, ameaça vetar as decisões na cúpula.

Mas o presidente francês Emmanuel Macron, muito crítico da ofensiva turca, já alertou que as organizações não devem ser misturadas, especialmente quando a YPG foi aliada dos países ocidentais na luta contra o Estado Islâmico (EI).

Os países bálticos, que temem uma Rússia mais assertiva por seu papel no conflito na Ucrânia desde 2014, reclamaram da possibilidade de se alcançar um compromisso, nas palavras do presidente lituano Gitanas Nauseda.

Stoltenberg expressou sua confiança em conseguir uma "solução" com Erdogan e reiterou que a Otan tem "planos" e "forças" para protegê-los da Rússia de Vladimir Putin, que ontem disse estar disposto a "cooperar" em questões como "terrorismo".

A Turquia, que também está na mira dos aliados após a compra de um sistema de mísseis da Rússia, foi o principal alvo do presidente francês em uma entrevista polêmica na qual afirmou que a Otan está em estado de "morte cerebral".

Na quarta, Macron voltou a defender seu posicionamento, afirmando que deveriam abrir um debate sobre a estratégia da Aliança e não apenas sobre "dinheiro".

A exigência de Washington para que os outros membros da Aliança aumentem seus gastos militares, constantes desde a presidência de Barack Obama, protagonizou as cúpulas em Bruxelas em 2017 e 2018 com Donald Trump.

Stoltenberg tem se esforçado nos últimos dias para convencer Trump de que o Canadá e os aliados europeus cumprem seu compromisso de atingir 2% do PIB nacional em gastos militares até 2024, como prometeram na cúpula de Gales em 2014.

O presidente dos Estados Unidos, primeira potência da Otan e cujas despesas militares nacionais atingiram 3,30% do PIB em 2018, elogiou esses esforços em uma reunião com o secretário-geral da Aliança.

Mas, em sua opinião, os processos para aumento nos investimentos estão "morosos". Segundo dados da Aliança, apenas nove de seus 29 membros atingiram 2% do PIB este ano em gastos militares, meta prometida para até 2024.

O líder norte-coreano, Kim Jong Un, supervisionou na quinta-feira (28) um novo teste de um "lançador múltiplo de mísseis de grandes dimensões", informou a agência oficial KCNA, insinuando que pode ter sido o último de este tipo.

A Coreia do Norte disparou na quinta-feira, Dia de Ação de Graças nos Estados Unidos, "dois projéteis não identificados", de acordo com Seul, no momento em que as negociações nucleares entre Pyongyang e Washington estão paralisadas.

O primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, afirmou que os disparos de mísseis balísticos representam um "grave desafio" para a comunidade internacional.

A KCNA publicou fotos de Kim Jong Un, sorridente, durante o teste, diante dos aplausos dos soldados.

Outra foto mostra um dos foguetes subindo em meio às chamas procedentes de um sistema de lançamento.

O teste, destinado a avaliar as capacidades do sistema, "demonstrou a superioridade militar e técnica deste sistema de armas e sua sólida confiabilidade", afirmou a KCNA, acrescentando que Kim Jong Un expressou "sua profunda satisfação".

Esta frase sugere que o teste representa um grande avanço em comparação com o de setembro, quando a agência norte-coreana afirmou que ainda era necessário testar alguns pontos.

O líder norte-coreano garantiu que "este ano o desenvolvimento e aperfeiçoamento de muitas armas e equipamentos de alto rendimento para o exército", acrescentou a KCNA.

Os termos usados pela agência de notícias também sugerem que o teste "poderia ser o último" de um grande lançador de mísseis múltiplos, explicou Rachel Minyoung Lee, analista do NK News, um site americano com sede em Seul que divulga informações e análises sobre Coreia do Norte.

"A Coreia do Norte tem armas suficientes para realizar testes este ano e em 2020, se deseja", completou.

Este foi o quarto teste de um lançador múltiplo de mísseis de grandes dimensões desde agosto.

Pyongyang também disparou outros projéteis nos últimos meses para pressionar Washington.

Após a grande distensão registrada em 2018 na península, as negociações entre Estados Unidos e Coreia do Norte estão paralisadas desde o fiasco da segunda reunião em Hanói em fevereiro entre Donald Trump e Kim Jong Un.

Um candidato do concurso público para o cargo de sargento temporário do Exército Brasileiro deverá cumprir pena de um ano de reclusão, sob acusação de tentativa de fraude no certame, caracterizada por estelionato. O caso ocorreu em 2017, em Fortaleza, segundo informações do Superior Tribunal Militar (STM); de acordo com as investigações, o acusado, na condição de segundo colocado no processo seletivo, ligou para o então primeiro colocado se passando por um militar da comissão do concurso e comunicou uma informação falsa.

Segundo o STM, no telefone à vítima, o concorrente acusado informou ao primeiro colocado que o exame de aptidão física havia sido adiado. “Em razão dessa informação falsa, o candidato mais bem classificado - e concorrente direto do acusado - perdeu o exame físico e foi eliminado do certame. O candidato prejudicado relatou o fato à comissão do concurso, dizendo, inclusive, que se lembrava de ter emprestado seu aparelho celular ao suspeito no dia em que estavam realizando uma outra fase do certame”, noticiou o Superior Tribunal Militar.

##RECOMENDA##

O Ministério Público Militar (MPM) denunciou o réu. O certame foi suspenso e o MPM, após as diligências, solicitou quebra de sigilo telefônico do acusado, “ocasião em que ficou comprovada a ação criminosa”. 

“Para a promotoria, o civil incorreu no crime de estelionato, na forma consumada, uma vez que o objetivo era desclassificar a vítima para facilitar sua aprovação e nomeação para a única vaga existente. Se para o MPM era óbvia a conduta do denunciado, para a Defensoria Pública da União (DPU), que ficou responsável pela defesa, nada foi comprovado, motivo pelo qual pediu, nas duas instâncias, absolvição do civil. Ao analisar a peça acusatória, as provas e a defesa do acusado, o juiz federal da Justiça Militar da  Auditoria da 10ª CJM ( Fortaleza/CE) entendeu que o réu era culpado e o condenou por estelionato na modalidade tentada, e não na consumada, como queria o MPM. A decisão do magistrado frustrou a defesa do réu, que interpôs recurso de apelação junto ao STM, assim como MPM, que achou a pena branda”, detalhou o STM.

O MPM sustenta a posição de que o acusado gerou diversos prejuízos. A Administração Militar, segundo o órgão, foi prejudicada por ser impedida de selecionar o melhor candidato, assim como a vítima teve frustrada a sua chance de ingressar no Exército Brasileiro. “O denunciado, portanto, de maneira livre e consciente, obteve para si vantagem ilícita, em prejuízo alheio, induzindo e mantendo a Administração Militar em erro, mediante meio fraudulento, razão pela qual deve incidir nas penas do artigo 251 do Código Penal Militar”, usou como argumento o Ministério Público Militar.

A defesa do acusado continuou trabalhando em prol de absolvição do réu, alegando insuficiência de provas, além de argumentar que a acusação não teve êxito ao demonstrar a consistência do fato criminoso. Porém, nessa terça-feira (19), o Superior Tribunal Militar informou que a pena imposta ao acusado, pelo crime de estelionato - artigo 251 do Código Penal Militar -, foi confirmada na primeira instância da Justiça Militar da União (JMU). Há para o réu, porém, o benefício “sursis”, descrito como uma suspensão condicional da pena, pelo período de dois anos, com direito a pedir liberdade.   

A China realizou nesta quinta-feira (14) um teste com o equipamento de pouso que enviará em uma viagem de sete meses a Marte.

O aparelho, em forma de uma aranha gigante de quatro patas, desceu sobre uma base perto de Pequim em condições de gravidade semelhantes às do Planeta Vermelho.

Sob o olhar atento da imprensa e de diplomatas estrangeiros, o dispositivo realizou com sucesso a manobra para se aproximar do solo.

"Este ensaio é um teste importante da missão a Marte", disse o diretor da Administração Espacial Chinesa (CNSA), Zhang Kejian.

Ele disse ainda que o programa, em andamento desde 2016, está sendo desenvolvido "sem obstáculos", embora a data da decolagem, programada para ser realizada na ilha tropical de Hainan (sul), ainda não esteja definida.

A viagem vai durar sete meses, e o pouso, apenas sete minutos, segundo o diretor do programa da missão a Marte, Zhang Rongqiao, e será "a fase mais delicada de toda missão".

A sonda será lançada pelo foguete Marcha Longa 5 e transportará 13 tipos de equipamentos a bordo, incluindo seis veículos de exploração (rover), informou a CNSA.

"Os equipamentos serão usados para coletar dados sobre meio ambiente, morfologia, superfície, estrutura e atmosfera em Marte", explicou Zhang Rongqiao.

Segunda potência econômica mundial, a China quer recuperar seu atraso em relação aos Estados Unidos em questões espaciais. Hoje, investe mais nesse setor do que Rússia e Japão (cerca de US$ 8,4 bilhões, segundo estimativa da OCDE em 2017).

Este ano, a China se tornou o primeiro país do mundo a conseguir colocar uma sonda na face oculta da Lua.

Em 2022, a gigante asiática espera colocar em órbita uma grande estação espacial que deve se tornar a única no mundo, após a retirada programada em 2024 da Estação Espacial Internacional (ISS). Desta última, participam Estados Unidos, Rússia, Japão e Canadá.

Os rumores de que Anitta teria um segundo irmão chegaram ao fim. Nesta quarta-feira (23), Mauro Machado, mais conhecido como Painitto, confirmou no seu perfil do Instagram o resultado do teste de DNA, comprovando que Felipe Terra é sim irmão de Anitta e de Renan. 

Publicando uma montagem com fotos de Anitta e Felipe, Mauro disparou: "Eita que 2019 tá lindo pro Painitto. A vida recomeça aos 55. A família cresceu. Muito feliz!". Diretamente de Los Angeles, nos Estados Unidos, Anitta quebrou o silêncio e celebrou a notícia da confirmação do exame. 

##RECOMENDA##

"O resultado saiu hoje, ele realmente é o meu irmão, e eu tenho um sobrinho. Eu estou super feliz. O meu irmão é mara. Sempre foi um sonho ter mais um irmão", declarou a voz do hit Paradinha. Anitta continuou falando na rede social que não vê a hora de conhecer Felipe e que ele será muito bem recebido na festa de Natal com a família.

[@#video#@]

A Coreia do Norte fez ontem um novo teste balístico com um míssil lançado de um submarino, o que representa, segundo analistas, um avanço no arsenal do país.

O lançamento coincide com o anúncio de negociações com os Estados Unidos sobre o impasse nuclear, marcadas para o sábado.

##RECOMENDA##

Segundo a agência oficial norte-coreana KCNA, o míssil foi batizado de Pukguksong 3.

O líder do país, Kim Jong-un, parabenizou os responsáveis pelo teste do míssil mar-terra, ainda de acordo com a agencia norte-coreana, em um indicativo de que Kim não presenciou o lançamento.

Na terça-feira, 1, as Forças Armadas da Coreia do Sul afirmaram que a Coreia do Norte disparou vários mísseis em sua costa leste.

Os projéteis foram lançados na cidade de Wonsan, segundo o Estado Maior Conjunto da Coreia do Sul. A informação, reproduzida pela agência de notícias sul-coreana Yonhap, não tem detalhes sobre o tipo, a trajetória e o alcance dos mísseis. / COM AGÊNCIAS INTERNACIONAIS

O Facebook anunciou, nesta sexta-feira, que começou a ocultar o número de curtidas nas publicações em sua rede na Austrália, uma medida experimental para aliviar a "pressão" que pode ser ampliada para escala mundial.

Os usuários australianos não conseguem mais ver o número de "likes" de uma publicação nem a quantidade de vezes que um vídeo foi assistido na rede social.

##RECOMENDA##

Apenas o autor da publicação sabe quantas pessoas apreciaram. "Não queremos que (os usuários do) Facebook se sintam competitivos", explicou a rede social em um comunicado.

"É um teste para estudar como as pessoas reagem a este novo formato", destacou o Facebook, que pretende "aprender com a experiência" para decidir se a ideia será ampliada.

A importante modificação tem por objetivo aliviar em certa medida a pressão social derivada da necessidade de obter a aprovação dos demais e concentrar a atenção mais na própria publicação do que em sua popularidade.

Mais de um bilhão de pessoas utilizam o Facebook em todo o mundo. A rede social é acusada de ter um impacto na saúde mental, especialmente entre os jovens.

O teste acontece quase três meses depois da adoção da mesma medida no Instagram.

Um dos períodos mais importantes da história do Brasil é a Era Vargas, nome dado aos 15 anos em que Getúlio Vargas esteve à frente do comando do país, de 1930 a 1945. Ocorreram diversas mudanças políticas, sociais e econômicas, fazendo este ser um dos assuntos mais cobrados na prova de história no caderno de Ciências Humanas e suas Tecnologias, no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Segundo um estudo realizado pelo Sistema de Ensino Poliedro, de 2009 a 2017, a Era Vargas representou 11% da prova de história, atrás somente de quesitos sobre o Segundo Reinado de Dom Pedro. Por isso, é importante que os candidatos estudem o assunto e saibam diferenciar os acontecimentos da época conforme as divisões do governo como a Revolução de 1930, o Governo Provisório, o Constitucional e o Estado Novo.  

##RECOMENDA##

O Vai Cair no Enem contou com o apoio da professora de História do Brasil, Rafaelle Custódia, para montar um quiz sobre a Era Vargas. Participe:

[@#video#@]

LeiaJá também

--> Vídeo: Floresta Amazônica recebe aula para o Enem 2019

--> Enem: Inep promete divulgar mensagens para alunos surdos

A disciplina de física compõe o caderno de Ciências da Natureza e suas Tecnologias no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Pode ser considerada uma vilã entre os estudantes de Humanas e é quase idolatrada por quem é de Exatas. Unanimidade entre estudantes de todas as áreas é que esta não é uma matéria fácil, requer dedicação, interesse e rotina de estudos, com prática de exercícios constantes.

É preciso também aprender alguns conceitos e fórmulas para se sair bem na prova. São muitos termos, diferentes assuntos; dominar eles é essencial. Óptica, por exemplo, está sempre presente no Enem. De acordo com um estudo desenvolvido pelo Sistema de Ensino Poliedro, entre 2013 e 2017, cerca de 4% das questões de física eram relacionados ao assunto.

##RECOMENDA##

O Vai Cair No Enem pediu ajuda do professor Carlos Júnior para elaborar um teste sobre óptica. Participe:

[@#video#@]

Os estudantes em preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), marcado para os dias 3 e 10 de novembro, precisam estar com as matérias em dia a menos de dois meses para o início das provas. Biologia, por exemplo, é a "queridinha" entre os pretendentes a uma vaga nos cursos de saúde.

A disciplina faz parte do grupo das Ciências da Natureza e suas Tecnologias, composta por 45 questões divididas ainda entre física e química. Uma dica dada por professores de preparatórios para o Enem é que esta é a hora de fazer exercícios, revisar os conteúdos e tirar as dúvidas em sala de aula.

##RECOMENDA##

Pensando nisso, o Vai Cair no Enem, projeto parceiro do LeiaJá, entrevistou o professor de biologia André Luiz e preparou um teste de conhecimentos em biologia para os feras descobrirem o quanto sabem sobre os assuntos.

Confira:

[@#video#@]

O chefe da poderosa Guarda Revolucionária do Irã disse neste sábado que conseguiram testar um "novo míssil" em meio a crescentes tensões com os Estados Unidos e o desenrolar do acordo nuclear com as potências mundiais.

A agência de notícias semi-oficial Tasnim, que fica perto da Guarda, divulgou que o general Hossein Salami disse a um grupo de clérigos sobre o teste de mísseis. Ele chamou de "um dos dias de sucesso da nação", mas não deu mais detalhes sobre a arma ou o teste em si.

##RECOMENDA##

Na quinta-feira, o presidente do Irã, Hassan Rouhani, estreou oficialmente um sistema de mísseis de defesa aérea, o Bavar-373.

Os EUA impuseram sanções ao Irã após se retirarem do programa nuclear de 2015. A administração do presidente americano argumentou que o acordo não fez o suficiente para limitar o programa de mísseis balísticos.

Fonte: Associated Press

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, supervisionou mais um teste com uma nova arma não especificada, segundo a Agência Central de Notícias da Coreia (KCNA, na sigla em inglês). Esta é a sexta rodada de testes militares norte-coreanos desde julho.

O Exército da Coreia do Sul confirmou a informação, relatando que dois projéteis foram lançados a partir da costa leste da Coreia do Norte, que voaram cerca de 230 quilômetros e caíram no oceano entre a península coreana e o Japão.

##RECOMENDA##

A KCNA noticiou que Kim expressou "grande satisfação com as incríveis e misteriosas taxas de sucesso" dos testes e prometeu construir "forças militares invencíveis que ninguém ousará provocar". As demonstrações de armas são vistas como uma tentativa de pressionar Washington e Seul a retomar negociações nucleares. Fonte: Associated Press.

A partir de desta quinta-feira (15), usuários do Instagram poderão relatar à plataforma quando encontrarem conteúdo falso. A ação fará com que os chamados “verificadores de fatos” contratados pela empresa analisem a veracidade das publicações. Por enquanto, essas análises só poderão ser feitas por funcionários alocados nos Estados Unidos. 

Para denunciar conteúdo suspeito, é preciso clicar nos três pontos no canto superior direito da postagem, escolher “denunciar” e depois “informações falsas”. Então as postagens serão revisadas pelos membros da International Fact-Checking Network (IFCN), que já estão trabalhando em parceria com o Facebook em mais de 30 países.

##RECOMENDA##

Apesar das denúncias, as postagens marcadas como falsas não serão excluídas da plataforma. Elas devem ser minimizadas para aparecerem com menos frequência nas páginas “explore” e “hashtag”. Por enquanto, a verificação de notícias ainda não chegou por aqui, mas deve crescer em breve.

Antigamente, a figura paterna era bastante associada à sabedoria. Os pais eram figuras que sabiam das coisas da vida, que tinha muito a ensinar aos seus filhos e que - por serem mais velhos - eram com certeza mais experientes. Porém, com a chegada da internet, parece que o jogo virou. As crianças praticamente já nascem sabendo o que é um smartphone e muitos papais acabaram ficando para trás na corrida da tecnologia. 

Alguns conseguiram se recuperar e viraram reis das redes sociais, outros resolveram seguir todas as tendências e podem ser considerados seguidores de Steve Jobs, mas ainda há aqueles que se negam a aceitar que o futuro chegou. Para celebrar o Dia dos Pais, que tal descobrir o quão tecnológico é o seu 'coroa'? Faça o teste e divirta-se:

##RECOMENDA##

[@#video#@]

O 'Guia do Mochileiro das Galáxias' é considerado um dos livros mais importantes para a cultura Nerd. A obra faz parte da “trilogia de cinco”, escrita por Douglas Adams (1952-2001). É famosa por ter encontrado a resposta para todas as perguntas, por seus personagens icônicos e pelas tecnologias práticas e absurdas criadas pelo escritor. Neste dia 25 de maio, fãs de todo o mundo saem com suas toalhas para homenagear o escritor, que morreu antes de completar 50 anos.

Por aqui, nós preparamos um teste especial, que vai ajudar você a saber muito mais do que a resposta para a vida, o universo e tudo mais. Prepare-se e descubra qual tecnologia da série de livros mais combina com você. Até mais, e obrigado pelos peixes!

##RECOMENDA##

[@#video#@]

 

A TIM anunciou na última quarta-feira (22), a instalação da primeira antena de quinta geração no Brasil. A empresa de telefonia anunciou que testes com a tecnologia 5G já estão sendo feitos em Florianópolis e que está empenhada para que a rede chegue comercialmente ao país em 2021.

Por enquanto, a operadora quer acelerar a implantação de aplicações em temas relacionados à Cidades Inteligentes, Agricultura Inteligente, Indústria 4.0, Entretenimento, Saúde, Carros Autônomos e Realidade Virtual. O objetivo é desenvolver um centro de referência em 5G, tendo como foco produtos e serviços que consigam ser apresentados como novos modelos de negócios.

##RECOMENDA##

Além da base em Florianópolis, a empresa também informou parcerias para levar o conceito de Cidades Inteligentes para os municípios de Santa Rita do Sapucaí (MG) e Campina Grande (PB).

LeiaJá também

--> TIM Brasil anuncia novos nomes na liderança da empresa

--> Anatel chama população para discutir sobre de antenas 5G

--> Começam vendas do primeiro smartphone 5G do mundo

Páginas

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando